Alcoolismo: causas e consequências

19 Agosto, 2020
Na adolescência, o álcool faz ainda mais mal e gera mais dependência do que na idade adulta.

O alcoolismo é definido como o consumo excessivo de álcool, no qual a pessoa perde o controle sobre a sua ingestão. É caracterizado por episódios frequentes de intoxicação por álcool. Além disso, no alcoolismo existe uma obsessão pelo álcool, apesar das consequências.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) o define como: qualquer forma de embriaguez que exceda o consumo alimentar tradicional e atual ou que exceda os limites dos costumes sociais.

O alcoolismo provoca 3 milhões de mortes por ano em todo o mundo. Além disso, é a causa de inúmeras patologias, dentre as quais se destaca a cirrose hepática. Da mesma forma, existe uma importante relação entre uma série de transtornos mentais com o álcool.

Por todas essas razões, neste artigo explicaremos as causas do alcoolismo e as suas consequências.

Importância do alcoolismo

O alcoolismo é uma doença crônica, ou seja, um vício permanente. Isso não significa que o vício não possa ser tratado com sucesso, mas é algo que deve ser controlado continuamente. Além disso, é considerada uma patologia progressiva e degenerativa. Tem inúmeras repercussões na saúde e na vida social.

Cabe destacar que, na adolescência, o álcool faz ainda mais mal e gera mais dependência do que na idade adulta. O tratamento do alcoolismo é complicado. O primeiro passo é que a pessoa reconheça o problema. Para superá-lo, é essencial que as pessoas próximas ao doente o apoiem e participem das terapias de recuperação.

Não deixe de ler: 5 dicas para deixar os vícios definitivamente

Quais são as causas do alcoolismo?

Mulher alcoólatra

Certos fatores genéticos parecem desempenhar um papel no alcoolismo. De fato, estima-se que, se seus pais ou irmãos forem alcoólatras, você tem três vezes mais chances de se tornar um também. Mas isso não significa que você irá se tornar um alcoólatra com toda certeza. Existem inúmeros fatores que podem influenciar, como:

  • Ser uma pessoa com baixa autoestima. 
  • Sofrer de transtornos mentais, como a depressão. Níveis elevados de estresse e ansiedade também são fatores determinantes.
  • Fatores sociais. O alcoolismo é altamente determinado pela cultura e a sociedade em que se vive. A acessibilidade a bebidas alcoólicas e a aceitação cultural têm uma influência significativa.
  • Tipo de trabalho. É um fato que as pessoas que trabalham em bares estão mais propensas a sofrer com esse problema.
  • O fato de o consumo ser legalizado também é um fator relevante.

Sinais de problemas com o álcool

Em nossa sociedade, a ingestão de bebidas alcoólicas é um comportamento amplamente aceito. Portanto, pode ser difícil saber quando esta se torna uma situação patológica.

Existem certos padrões que podem indicar que se trata de um problema de dependência, como esconder ter bebido ou mentir sobre a quantidade de álcool ingerida. A pessoa viciada também falha em cumprir responsabilidades e diminui o seu rendimento no trabalho. Da mesma forma, devemos ficar alertas diante do fato de a pessoa beber sozinha ou em condições de risco.

Por outro lado, podemos destacar sintomas físicos como alterações de peso, dores de cabeça e distúrbios da fala. A memória e a concentração também são afetadas. Uma pessoa que sofre de alcoolismo pode até se tornar mais irritável e agressiva.

Você também pode se interessar: Metabolismo hepático: antibióticos e álcool

Quais são as consequências do alcoolismo?

Homem alcoólatra

Como mencionamos, o álcool causa danos físicos, intelectuais e sociais. O consumo de bebidas alcoólicas está relacionado a doenças do sistema nervoso, cardiovascular, digestivo, etc.

O delirium tremens é um episódio agudo de delírio causado pela abstinência do álcool. Efeitos físicos como palpitações, calafrios e convulsões também ocorrem. Se não forem tratados, podem levar à morte.

O alcoolismo costuma afetar a fala e a coordenação. Sabemos que a maioria dos acidentes de trânsito é causada por um estado de embriaguez. Isso ocorre em parte porque, sob a influência do álcool, a pessoa fica desinibida e se envolve em comportamentos perigosos.

Devemos enfatizar que uma grande porcentagem das doenças hepáticas se deve ao alcoolismo. Isso ocorre porque o álcool aumenta a gordura no fígado. Desta forma, ocorre uma inflamação e, com o tempo, cirrose do tecido hepático.

Gastrite e úlceras, bem como certas deficiências vitamínicas, são outras consequências sérias. O vício também pode afetar a atividade sexual, a visão, a circulação, etc.

Conclusão

O alcoolismo é, atualmente, uma patologia com alta incidência. Como vimos, suas consequências influenciam desde aspectos da vida social até inúmeros problemas no organismo.

Vale lembrar que o consumo de álcool durante a gravidez pode causar danos graves ao feto. Portanto, é necessário identificar o problema o mais rápido possível. Consultar um médico e acessar grupos de apoio podem ser abordagens muito úteis contra o alcoolismo.

  • Proyecto Hombre | Alcohol – Proyecto Hombre. (n.d.). Retrieved May 22, 2019, from https://proyectohombre.es/alcohol/
  • ALCOHOLISMO — Web de Portalfarma. (n.d.). Retrieved May 22, 2019, from https://www.portalfarma.com/Ciudadanos/saludpublica/consejosdesalud/Paginas/alcoholismo.aspx
  • Qué es el alcoholismo – Triora. (n.d.). Retrieved May 22, 2019, from https://triora.es/adiccion/adiccion-al-alcohol/alcoholismo
  • Causas y Efectos del Abuso de Alcohol – Hospital San Juan Capestrano. (n.d.). Retrieved May 22, 2019, from https://www.sanjuancapestrano.com/adiccion/alcohol/sintomas-efectos/
  • Alcohol. (n.d.). Retrieved May 22, 2019, from https://www.who.int/es/news-room/fact-sheets/detail/alcohol
  • Edenberg, H. J., & Foroud, T. (2013). Genetics and alcoholism. Nature reviews. Gastroenterology & hepatology, 10(8), 487–494. https://doi.org/10.1038/nrgastro.2013.86
  • Kuria, M. W., Ndetei, D. M., Obot, I. S., Khasakhala, L. I., Bagaka, B. M., Mbugua, M. N., & Kamau, J. (2012). The Association between Alcohol Dependence and Depression before and after Treatment for Alcohol Dependence. ISRN psychiatry, 2012, 482802. https://doi.org/10.5402/2012/482802
  • Rahman, A., & Paul, M. (2020). Delirium tremens (DT). StatPearls (). Treasure Island (FL): StatPearls Publishing. Retrieved from http://www.ncbi.nlm.nih.gov/books/NBK482134/