6 dicas para reduzir o consumo de café

23 de agosto de 2019
Embora em quantidades moderadas seja bom para a saúde, é importante reduzir o consumo de café se notarmos que temos dependência ou o consumimos em excesso.

O café é uma bebida com grande história e cultura, por isso faz parte do suporte econômico de vários países. Isso significa que muitas pessoas ao redor do mundo o consomem em grandes quantidades. No entanto, há um momento em que é importante reduzir o consumo de café.

1. Substitua o café da manhã com outras bebidas

Existem várias alternativas que podem nos fornecer energia pela manhã e ajudar a reduzir o consumo de café. Sucos verdes que combinam frutas e legumes, como aipo ou beterraba, fornecem energia e nutrientes para o corpo.

Leve em conta que o consumo contínuo de café ou chá aumenta as chances de desenvolver câncer de esôfago. Este risco é exacerbado se for combinado com álcool e cigarro.

2. Tente tirar uma soneca depois do almoço

Reduzir o consumo de café com uma soneca para recuperar energias

Descansar durante 30 a 60 minutos diariamente, melhora as habilidades cognitivas e o humor, facilitando o aprendizado e fornecendo energia ao corpo. Todas essas atividades permitirão reduzir o consumo de café e continuar com a rotina do dia.

Aqui é vital que você analise se está tomando café para ficar acordado porque sua rotina diária não permite que você descanse. Lembre-se que dormir o suficiente e relaxar é vital e, embora o café ajude a mantê-lo alerta, não é aconselhável abusar.

O ideal é reservar um tempo curto para descansar e revitalizar o corpo em vez de aumentar a dose de cafeína. Sendo assim, preste especial atenção neste ponto, principalmente se a sua rotina de sono noturno não for adequada.

Leia este artigo: 7 hábitos que estão roubando energia

3. Faça mais exercício

Quanto mais exercício físico ou aeróbico você fizer, mais energia seu corpo obterá e melhor combaterá a fadiga. Uma rotina de 25 minutos diários de exercícios aeróbicos pode ajudar o corpo a ganhar mais energia com o passar dos dias.

  • Lembre-se de que o exercício não apenas ajudará a reduzir o consumo de café, mas também melhorará a sua saúde geral e evitará doenças graves.

Não perca: Como melhorar sua dieta para ter mais energia

4. Aumente o consumo de água

Você pode reduzir a dose de cafeína com um consumo regular de água. Aliás, não se esqueça de que esta é uma das principais fontes de energia natural do seu corpo.

A quantidade certa de água fará com que você se sinta saudável e ativo. Leve em conta que a cafeína desidrata o corpo, portanto o torna mais resistente aos efeitos diuréticos. Em vez disso, a água hidrata e mantém seus níveis de energia elevados.

5. Altere seus hábitos de consumo de café

Você costuma tomar uma xícara de café quando acorda, outra xícara no meio da manhã e outra na hora do lanche? Neste caso, reduzir o consumo de café é muito importante, mas também será um desafio. O ideal é reduzir o consumo para menos de duas xícaras por dia.

Uma opção útil seria, na primeira semana, eliminar o café na hora do lanche e manter uma xícara para o café da manhã e o almoço. Assim, seria possível evitar gradualmente a dependência e adição a ele.

6. Trabalhe a sua força de vontade para reduzir o consumo de café

Se você está viciado em café, é aconselhável reduzir seu consumo pouco a pouco. Entretanto, fazer isso drasticamente pode causar irregularidades em nossas atividades diárias.

Isso requer força de vontade para deixar de tomar tanto café e seguir as recomendações previamente explicadas. Caso você ache muito difícil, seria conveniente consultar um especialista. Embora pareça exagerado, um psicólogo pode ser útil.

Lembre-se que a necessidade de reduzir o consumo de café não significa que ele seja prejudicial.

O café possui muitos benefícios

Finalmente, o café não pode ser considerado um vilão, já que em quantidades moderadas é bom para a saúde. Um estudo publicado na revista médica JAMA (The Journal of the American Medical Association) não só descartou que o café cause problemas de saúde, mas também indicou que pode prolongar a vida.

No entanto, lembre-se que tudo em excesso é ruim. Portanto, é sempre aconselhável optar por um consumo equilibrado de café e complementá-lo com um bom estilo de vida. E você, como controla a quantidade de café que consome?