Verduras e hortaliças que ajudam a emagrecer

· 26 de julho de 2014
A efetividade dessas plantas será muito maior se as combinarmos a uma alimentação equilibrada, dois litros de água por dia e atividade física regular.

Todas as verduras e hortaliças são imprescindíveis em dietas para emagrecer ou para manter o peso ideal.

Mas, além disso, algumas dessas plantas ajudam a perder peso mais rapidamente, graças as suas propriedades específicas para eliminar gordura e líquidos.

Descubra quais são as principais verduras e hortaliças para montar seu cardápio diário.

Alface

As verduras de folha verde, a alface em particular, são alimentos ricos em vitaminas e minerais, entre eles o magnésio.

A alface contém muita fibra e é altamente saciante, por isso é conveniente combiná-la com outros alimentos diariamente.

Além disso, a alface apresenta efeitos relaxantes, o que ajuda a evitar a ansiedade que pode ocorrer durante as dietas para emagrecer. É possível consumir a alface fresca em saladas; assim como cozinhado-a, em sopas ou em purês.

Saiba mais: Você conhece as propriedades do alface?

Cebola

A cebola é uma opção excelente para ser incluída em todo tipo de pratos se quisermos emagrecer; já que ajuda a eliminar líquidos, bem como evita a prisão de ventre e controla os níveis de açúcar no sangue.

Caso não tenha problemas para digeri-la, é possível consumi-la crua em saladas ou como guarnição. Assim como em cremes, na brasa ou também fazer um tratamento à base de caldos de cebola; que recomendamos especialmente para pessoas que sofrem uma importante retenção de líquidos ou querem limpar um pouco mais os rins.

cebola na dieta para emagrecer

Pepino

Com o calor chega o pepino, uma verdura (ou legume, como muitos também classificam) com um grande conteúdo de água e com poucas calorias; por isso é ideal para saciar o apetite em vez de consumir outros alimentos que engordam mais.

Coma o pepino em saladas ou como guarnição. Além disso, se o pepino for macio e orgânico é possível comê-lo também com sua casca.

Uma receita de tradição grega que pode ser preparada como aperitivo delicioso e rápido consiste em: cortar o pepino em tiras e servi-lo junto com um molho de iogurte, alho em pó, sal e alguma erva aromática. A combinação do pepino molhado no molho é deliciosa.

Também pode-se preparar um simples gaspacho verde batendo no liquidificador pepino, salsa e manjericão fresco com um dente de alho, suco de limão, azeite de oliva e um pouco de sal. Uma bebida muito refrescante e diurética.

Cardápio com pepino para emagrecer

Brócolis

O brócolis é uma verdura com muitas propriedades que beneficiam a saúde.

Neste caso, por ter baixas concentrações de sódio e poucas calorias; assim como por ser muito rico em fibras, é ideal para dietas de emagrecimento.

Esta hortaliça ajuda a combater o acúmulo de gordura e também se consumida diariamente ajuda a proteger o organismo de várias doenças, uma delas é o câncer.

Recomendamos não cozinhar muito o brócolis, para que as propriedades sejam conservadas. Um indicador será a cor da verdura, essa deverá manter-se verde. Outro indicador será a textura que deverá ser levemente crocante.

brócolis na dieta para emagrecer

Alho

O alho é um dos alimentos medicinais que deveríamos consumir diariamente. Ademais, é imprescindível não só para a saúde em geral, como também para emagrecer; já que possui a propriedade de eliminar depósitos de gordura, fluidificar e limpar o sangue.

Para se beneficiar das propriedades do alho deve-se consumi-lo cru, realizando a famosa cura tibetana do alho.

Se for custoso comer o alho cru, pode-se prová-lo bem esfregado em uma torrada de pão integral, o que suavizará seus efeitos no estômago. Também é possível optar por cápsulas ou comprimidos que são vendidos em farmácias e lojas de produtos naturais.

Leia também: Contribuições do alho para a saúde

Como cozinhar estes alimentos para emagrecer?

Se o desejo é emagrecer, deve-se evitar sempre os alimentos fritos, e em troca opte por cozinhar a vapor, na chapa, no forno ou temperado com azeite de oliva.

Além disso, não se deve abusar do sal e é importante escolher sempre o sal marinho ao invés do sal de mesa (ou refinado).

Por fim, é possível usar alguns temperos que ajudam a potencializar ainda mais os efeitos emagrecedores das verduras. Por exemplo, se usamos temperos como a pimenta caiena ou o gengibre, além de darmos um toque picante e original a comida, também estaremos acelerando o metabolismo e aumentando o gasto de energia.

Se tivermos problemas para digerir algumas destas verduras ou algumas delas causam gases, o melhor a se fazer é adicionar um pouco de cominho ou erva-doce na hora da preparação.

Ademais, também é possível temperar com um pouco de suco de limão ou algumas gotas de vinagre de maçã, que ajudam a melhorar a digestão e queimam gorduras.

Imagens por cortesia de muffet, kulinarno, ulterior epicure e David Robert Wright.