Remédios caseiros para a dor no pulso

· 12 de dezembro de 2013
Se a dor no punho estiver acompanhada de inflamação, podemos aplicar um tratamento alternando frio e calor.

O pulso é uma parte do nosso corpo bastante delicada, já que nele encontramos uma quantidade muito importante de pequenos ossos, cartilagem, músculos, tendões e vasos sanguíneos. Sendo assim, essa região é muito propensa a sofrer várias classes de lesões.

A dor no pulso geralmente é causada por uma inflamação ou uma lesão e, às vezes, também por alguma infecção.

O que mais pode causar dor na região do pulso?

Algumas doenças crônicas que podem causar inflamação no pulso e, portanto, algum grau de dor podem ser a artrite e a gota.

Como já sabemos, a artrite é a inflamação das articulações e causa muita dor. Se acaso o problema se instalar no pulso, com toda a certeza a dor será muito forte. O mesmo acontece com pacientes que sofrem de gota.

Outras causas muito comuns para esse tipo de dor são encontradas nas lesões repetitivas.

Esse problema costuma ser muito comum entre atletas, já que podem sofrer fraturas, torções ou estiramentos. Outras causas podem ser encontradas em problemas no sistema nervoso, como os nervos pinçados.

Leia também: Como combater a artrite com remédios naturais.

Quais remédios caseiros e naturais podem melhorar os sintomas?

Existem vários remédios caseiros que podem amenizar e melhorar notavelmente a dor no pulso, dependendo de sua intensidade.

Purê de batatas

Ferva duas batatas com casca e retire-as do fogo quando estiverem com uma consistência branda e, em seguida, escorra. Ainda quentes, amasse-as até obter um purê, então, aplique o purê ao redor do pulso, envolvendo-o e segurando-o com um lenço.

As batatas conservam o calor por um bom tempo, o que ajuda a ativar e aumentar a circulação sanguínea, amenizando consideravelmente a dor.

Compressas frias ou quentes

Quando há apenas uma pequena inflamação no pulso, podemos melhorá-la aplicando compressas frias, pois isso reduzirá a inflamação. Mas, se além da inflamação, existir dor, o ideal é alternar compressas frias e quentes, assim reduziremos efetivamente tanto a inflamação quanto a dor.

Água morna

Outra forma muito efetiva e simples de reduzir dores, inflamações e músculos tensionados do pulso é esquentando água e adicionando algumas gotas de óleo de lavanda – um óleo muito relaxante. No entanto, devemos ter cuidado para que a água não esteja muito quente.

Introduza a mão na mistura cobrindo todo o pulso, deixe por um bom tempo ou até que a água esfrie. Esse é um bom método para relaxar e amenizar os músculos, tanto do pulso quanto de qualquer parte do corpo.

Massagens usando óleos

Se a dor não for tão forte, apenas um pouco incômoda, mas não muito intensa, é possível realizar uma massagem.

Dessa forma, esfregue a região com óleo de coco e óleo de amêndoas e realize um movimento delicado, tênue, sem exercer nenhum tipo de pressão para não agravar a lesão e provocar uma dor mais intensa.

Leia também: Benefícios da massagem no corpo.

Finalmente, lembre-se de que devemos cuidar de cada parte de nosso corpo sem nos expor a esforços desnecessários. Porém, devemos ter um cuidado redobrado com o pulso, visto que ele corresponde a uma região muito delicada e suscetível a sofrer mais com estes problemas.