4 maneiras saudáveis ​​de preparar carne de porco

O sal grosso é um ingrediente que ajuda a preparar a carne de porco quando assada no forno e usada em outras receitas saudáveis.

Última atualização: 09 Janeiro, 2021

A carne de porco é uma excelente fonte de proteína. Dependendo da forma de alimentação do animal, a gordura que ele contém será saturada ou polinsaturada. O porco ibérico alimentado com bolota (fruto das árvores que pertencem à família dos carvalhos) é de qualidade superior ao alimentado à base de ração. Portanto, dependendo da alimentação, esta pode ser considerada uma carne vermelha (quando o porco é alimentado com ração) ou carne branca (quando é alimentado com frutos). A seguir, vamos compartilhar 4 maneiras saudáveis ​​de preparar carne de porco. 

As formas mais comuns de preparar esta carne geralmente não coincidem com as mais saudáveis. Muitas vezes ela é consumida empanada, frita ou à milanesa. Deste modo, além de aumentar o teor de acrilamida do alimento, sua densidade calórica é elevada.

Apresentamos abaixo quatro maneiras saudáveis ​​de preparar esta carne. Com esses métodos, você não perderá suas propriedades nem vai alterar a densidade calórica da refeição.

As 2 maneiras mais saudáveis ​​de preparar carne de porco

Grelhada

Esta é uma maneira muito popular e comum. A chave neste caso é encontrar o ponto de cozimento perfeito. Use pedaços da espessura apropriada (cerca de 2 cm) e doure-os por fora, deixando o interior levemente vermelho. É importante não queimar ou dourar a carne em excesso para evitar a formação de acrilamida, que diminuirá a sua qualidade.

Nessas situações, você pode marinar a carne com alho e especiarias. Desta forma, o teor de polifenóis do produto é aumentado e, com ele, sua capacidade antioxidante. Este método também fornece um sabor interessante. Para melhorar a apresentação e o teor de nutrientes, pode ser uma excelente opção refogar alguns vegetais ou cozinhá-los no vapor, para que sirvam como acompanhamento.

Ao forno

Este é outro método de cozimento que requer muito pouco óleo para ser preparado. Nesse caso, é conveniente que o cozimento seja lento e que a temperatura não exceda os 180 graus. As marinadas voltam a ser interessantes aqui, e podem ser acompanhadas com uma guarnição de legumes ou batatas.

Desta forma, é possível melhorar o sabor da carne e obter um produto final saboroso e rico em nutrientes. O teor de proteínas, vitamina B12 e ácido fólico é interessante, juntamente com o de certos minerais como o zinco.

É essencial que a carne não queime ou fique excessivamente dourada. Para isso, é sempre uma boa ideia perfurá-la ou cortá-la de vez em quando, a fim de verificar se o interior está suculento. O ideal é que o exterior fique bem selado e o interior macio e suculento. O sal grosso melhora esse tipo de preparação.

Outras maneiras saudáveis ​​de preparar carne de porco

No arroz ou cuscuz

A carne de porco é uma excelente fonte de proteína, mas se além da ingestão de proteínas você precisa de uma boa fonte de carboidratos, tente adicionar carne de porco ao seu arroz ou cuscuz. Idealmente, doure-a um pouco na grelha antes de adicioná-la às preparações. As melhores cocções são em fogo lento, e este tipo de prato combina com diferentes tipos de especiarias.

A chave para esses pratos é resistir à tentação de acompanhá-los com molho aioli, para não aumentar o seu teor calórico. São preparações que também aceitam vegetais para melhorar sua quantidade de vitaminas e antioxidantes. Apresentam uma boa conservação se armazenadas na geladeira. Cubra-as com plástico filme para que não sequem e aguentarão 2 ou 3 dias sem problemas.

Descubra também: Alcachofras recheadas com arroz: 3 maneiras de prepará-las

No ensopado

Neste caso, temos um método tradicional de preparação que combina o carboidrato da batata com a proteína e os vegetais. É um método de cozimento lento que não desmonta nem deteriora o produto. Quanto mais baixa a temperatura e maior o tempo de cozimento, melhor.

As batatas podem ser adicionadas com ou sem casca e a quantidade de carne e batata deve ser mais ou menos semelhante. Este prato também combina com vegetais como cenouras e diferentes tipos de especiarias. É uma preparação ótima para períodos de inverno, uma vez que fica deliciosa servida quente com o caldo da própria cocção.

Outro ponto a favor desse tipo de elaboração é que ela pode ser congelada. Isso permite guardá-la durante bastante tempo e consumi-la quando quiser, já que mantém perfeitamente todas as suas propriedades e sabor. Dessa forma, é uma boa ideia preparar uma grande quantidade deste alimento e embalá-lo individualmente para sua posterior conservação.

Pode interessar a você...
Mejor con SaludLeerlo en Mejor con Salud
Salada de arroz integral: deliciosa e pouco calórica

A salada de arroz integral é um prato com poucas calorias que pode complementar o seu almoço ou jantar. Não deixe de experimentar!



  • Przyblski W., Kaczor D., Zelechowska E., Jaworska D., Kajak-Siemaszko K., Boruszewska K., Jankiewicz U., Sarcoplasmic protein profile from drip los in relation to pork quality. J Food Sci, 2016. 81(10).
  • Capra G., Repiso L., Fradiletti F., Martínez R., Cozzano S., Márquez R., Efecto de la dieta de cerdos en crecimientos sobre el valor nutritivo y la aptitud tecnológica de la carne y la grasa. Revista del laboratorio tecnológico de uruguay, 2011.