Os 6 melhores antioxidantes naturais

· 31 de julho de 2014
Para aproveitar o limoneno que se encontra na casca dos cítricos podemos congelar a fruta e ralar a casca sobre nossas sobremesas ou pratos.

Os antioxidantes naturais são moléculas que oferecem grandes benefícios para a saúde, já que podem proteger as células saudáveis dos danos que os radicais livres podem causar.

Os radicais livres são moléculas muito nocivas que podem danificar o DNA e outras macromoléculas. 

A longo prazo, os radicais livres podem causar doenças degenerativas, dentre as quais estão o Parkinson e o Alzheimer. Podem também aumentar o risco de câncer, acelerar o envelhecimento, dentre outras complicações.

Uma das principais fontes de antioxidantes naturais são, sem nenhuma dúvida, as frutas e as hortaliças frescas. Portanto, é sempre bom adicioná-las à nossa lista de alimentos saudáveis. Visto que são de grande ajuda para proteger o organismo dos graves efeitos que os radicais livres podem nos causar.

Por sorte, podemos contar com muitos tipos de antioxidantes naturais, como por exemplo:

Da mesma maneira, existem muitos outros alimentos com propriedades antioxidantes que podem ser adicionados à nossa alimentação. Trazendo benefícios para a saúde.

Para conhecê-los melhor, devemos saber as propriedades que cada um oferece. Então, aprofunde-se nesse artigo e descubra muito mais!

Antioxidantes naturais interessantes

O limoneno

O limão possui vários antioxidantes naturais

O limoneno é um composto encontrado na casca das frutas cítricas.  É o responsável pelo cheiro característico da laranja e do limão, além de outras frutas. Esse componente pode reduzir o risco de sofrermos infarto, hipertensão, catarata, algumas doenças degenerativas e certos tipos de câncer.

As catequinas

As catequinas são da mesma família que os polifenóis, um tipo de antioxidante que tem a capacidade de ativar as enzimas do fígado, responsáveis por eliminar as toxinas.

Esse composto é encontrado principalmente no chá verde. Aliás, é seu principal componente, e tem grandes propriedades, podendo prevenir doenças como a artrite.

O sulforano

É o principal componente da couve de Bruxelas, do rabanete, da couve-flor, do brócolis e do agrião. O sulforano ajuda a desintoxicar o organismo e sua propriedade mais importante é a chance de reduzir agentes cancerígenos que possam estar em algum tipo de tumor.

O Resveratrol

Sementes de uva com vários antioxidantes naturais

Esse é um importante e efetivo componente, encontrado principalmente na casca das uvas, e, por conseguinte, no vinho; bem como no mirtilo, na framboesa, nas ostras, nas nozes e no amendoim. O Resveratrol atua diretamente sobre as sirtuínas, as enzimas encarregadas de regular a ação de determinados genes.

O licopeno

O licopeno é o composto que dá a cor vermelha ao tomate e à melancia. Bem como de outras frutas e verduras, assim, é considerado um dos mais importantes antioxidantes.

Não só pelo seu potencial colorante, mas também por ajudar a prevenir o câncer e melhorar a circulação do sangue. Sendo excelente para prevenir problemas cardiovasculares.

A quercetina

Cebola contém vários antioxidantes naturais

É um pigmento natural que não só pode proteger o fígado, prevenir a asma, mas também pode trabalhar como vasodilatador, reduzir notavelmente os níveis de açúcar no sangue e prevenir doenças cardiovasculares.

É, em geral, um dos antioxidantes naturais mais importantes e efetivos que existem e pode ser encontrado no chá verde, nas uvas e na cebola.

Lembre-se:

Conhecendo o potencial antioxidante de cada um dos alimentos citados e considerando a importância deles para a nossa saúde, podemos melhorar seu consumo e adicioná-los à nossa alimentação diária. Assim, desfrutaremos de todos e de cada um de seus benefícios e propriedades.