Preparação para o parto: o que é e quando é feita?

12 de junho de 2019
O curso de preparação para o parto ajudará você a se sentir mais seguro durante o nascimento de seu filho, conhecendo não apenas as fases físicas pelas quais passará, mas também quais podem ser suas reações emocionais.

Você está na reta final de sua gravidez e sente ansiedade e um pouco de medo? Essas sensações são habituais. Durante os últimos meses de gravidez, recomenda-se que a gestante participe de aulas de preparação para o parto, onde possa conversar com uma parteira que responderá suas perguntas e compartilhar tempo com outras mulheres grávidas.

Neste artigo, falaremos exatamente o que é a preparação para o parto, para que serve e quando deve ser feita. Pegue uma caneta e papel para anotar essas informações importantes.

O que é a preparação para o parto?

Mulher grávida preparação para o dia do parto

Como o nome indica, é a maneira de se preparar para a situação do parto, mas vai muito além! O curso de preparação para o parto é um ponto de encontro onde as mulheres grávidas podem externar suas dúvidas e receber conselhos interessantes, não apenas sobre o parto, mas também sobre:

  • A lactação.
  • Depressão pós-parto.
  • O cuidado do recém-nascido.
  • Sexo depois da gravidez.
  • A reação do irmão mais velho, se houver um.

Quando recorrer à preparação para o parto

Na Espanha, as mulheres grávidas começam com aulas de preparação para o parto em torno da 30ª semana de gestação. Como regra geral, as aulas acontecem uma vez por semana, com duração entre uma hora e meia e duas horas. Mas, claro, isso depende de onde você mora.

Consulte o seu médico sobre o melhor momento para iniciar o curso. Se houver suspeita de que o parto pode ser adiantado (por exemplo, no caso dos gêmeos, onde eles geralmente não chegam ao final da gestação), o especialista pode decidir que você deve iniciar antes a sua preparação para o parto.

Este curso se trata de que?

Bebê prematuro

Basicamente, poderíamos dividir o curso em uma seção informativa, uma prática e uma interativa. Mas, ao lidar com várias aulas, cada uma delas inclui as três seções.

Assim, você não assistirá apenas a uma aula informativa e uma semana depois a uma prática, mas em cada uma delas você descobrirá um tema, interagirá com outras mães e realizará uma preparação prática para o parto. Em seguida, veremos cada seção passo a passo:

Talvez te interesse ler também: 11 hábitos a serem evitados na gravidez

1. Seção informativa

Normalmente, cada aula começa com uma parte informativa onde a parteira é responsável por apresentar algum tópico de interesse para as futuras mães, tais como:

  • O desenvolvimento do bebê desde a concepção até o parto.
  • Os controles de saúde do bebê e quando recorrer à emergência.
  • As vacinas.
  • Como trocar uma fralda e dar banho no bebê.
  • Como tirar a temperatura do seu bebê e quando ele está com febre.
  • O plano de parto.
  • As fases do trabalho de parto e a diferença entre contrações de Braxton Hicks e contrações de parto.
  • Amamentação.
  • Depressão pós-parto.
  • O papel do pai.
  • A relação simbiótica entre mãe e bebê.
  • Os métodos contraceptivos recomendados durante a amamentação.

2. Seção Prática

Grávida

A parteira ensinará as técnicas de respiração durante as diferentes fases do parto. Por outro lado, é preciso saber que, durante as contrações e a expulsão, a respiração da mãe varia, seja para controlar a dor ou para ajudar o bebê a nascer.

Além disso, a especialista lhe ensinará os exercícios de Kegel, uma série de relaxamentos e contrações musculares que te ajudarão a trabalhar o assoalho pélvico para evitar vazamentos de urina após o parto.

Por fim, mas não menos importante, são realizados exercícios e alongamentos que são úteis para mover o corpo um pouco e aliviar o desconforto nas costas.

Não perca: Como aliviar a dor nas pernas na gravidez?

3. Seção Interativa

O curso de preparação para o parto é uma forma de estar em contato com pessoas que passam pelo mesmo que você, e uma das partes mais enriquecedoras é fazer perguntas, ouvir as dúvidas de outras mães e as respostas da parteira.

Nota: Ao longo do artigo falamos sobre a mãe, mas, claro, o papel do pai é extremamente importante e seria aconselhável ir com a mãe para a preparação para o parto.

Em conclusão, a preparação para o parto é uma excelente maneira de fazer a mãe encarar o parto e a maternidade com mais confiança e saber o que lhe espera! A parteira a acompanhará a cada passo do caminho. Assim, não hesite em tirar qualquer dúvida que possa surgir!

  • MedlinePlus. Los ejercicios de Kegel. https://medlineplus.gov/spanish/ency/patientinstructions/000141.htm
  • MedlinePlus. La depresión post-partum. https://medlineplus.gov/spanish/postpartumdepression.html
  • Salut, G. de catalalunya. D. de. (2009). Educación maternal: preparación para el nacimiento. Generalitat de catalalunya.Departament de Salut. https://doi.org/978-84-393-8211-9
  • Valldaura, I. (2006). Preparación para el parto. Farmacia Profesional.
  • Salut, G. de catalalunya. D. de. (2009). Educación maternal: preparación para el nacimiento. Generalitat de catalalunya.Departament de Salut. https://doi.org/978-84-393-8211-9