Diferenças entre ácido fólico e folato

21 de maio de 2020
Ácido fólico e folato diferem em suas origens. Enquanto o folato é natural e encontrado nos alimentos, o ácido fólico é artificial e usado como suplemento.

Existem diferenças entre ácido fólico e folato, embora pareçam iguais e seus nomes sejam semelhantes. A principal diferença é que o folato é a forma natural da vitamina B9, enquanto o ácido fólico é a versão artificial.

O folato pode ser encontrado na maioria dos alimentos de folhas verdes. Já o ácido fólico é usado em alguns suplementos alimentares e também para enriquecer certos alimentos, devido às suas características artificiais.

O que é a vitamina B9?

Ácido fólico e folato também podem ser chamados de vitamina B9. Trata-se de uma vitamina solúvel em água, ou seja, que se dissolve na água. O nome ácido fólico vem do termo latino folium, que significa folhaAs principais fontes alimentares de vitamina B9 são:

  • Vegetais de folhas verdes: como espinafre, nabo, couve, alface.
  • Algumas frutas, como as frutas cítricas, melão e banana.
  • Leguminosas.
  • Carne: especialmente fígado e rim.
  • Cereais integrais.
  • Leite e ovos.
  • Algumas oleaginosas.

A vitamina B9 é essencial durante os estágios iniciais da gravidez e sua suplementação é indicada nesse período. Isso ocorre porque ela ajuda a prevenir e a reduzir os possíveis riscos de defeitos congênitos do bebê. A Sociedade Espanhola de Ginecologia e Obstetrícia (SEGO) faz campanha a respeito da importância de consumir as quantidades necessárias de folato ou vitamina B9 antes, durante e após a gravidez.

A vitamina B9 é necessária para a formação de ácidos nucleicos (DNA e RNA), que são portadores de informação genética para as células. Ela participa, juntamente com a vitamina B12, da formação de glóbulos vermelhos, e intervém no desenvolvimento do sistema nervoso.

Alimentos ricos em ácido fólico

Não deixe de ler: Por que a alimentação é importante na gravidez?

Diferenças entre ácido fólico e folato

Seu corpo está preparado para assimilar folato. Ele faz isso naturalmente através da mucosa presente no intestino delgado. O sistema digestivo é capaz de converter todas as formas de folato em 5-MTHF, que é a molécula que passa para o nosso sangue.

Por outro lado, o ácido fólico é uma molécula sintética e, diferentemente do folato, não é reconvertido pelo nosso sistema digestivo. Ele precisa ser metabolizado no fígado, o que requer diversas reações enzimáticas e metabólicas extras.

Esse processo pode levar a um excesso de ácido fólico não assimilado, que pode representar um risco. Níveis elevados de ácido fólico no sangue têm sido associados a vários problemas de saúde.

Enquanto o folato é metabolizado instantaneamente, alguns minutos após a ingestão, o ácido fólico pode levar horas ou até dias para ser metabolizadoTer altos níveis por um curto período de tempo não é perigoso. O que tem consequências é mantê-los cronicamente altos.

Duas consequências que podem ocorrer pela manutenção de altos níveis de ácido fólico no sangue são:

  1. Ocultação de uma deficiência de vitamina B12: Níveis elevados de ácido fólico no sangue podem tornar o exame de B12 positivo.
  2. Aumento do risco de câncerDiferentes estudos em todo o mundo descreveram uma correlação estatística entre níveis elevados de ácido fólico no sangue e um risco aumentado de câncer de cólon.
A importância do ácido fólico

Por que você precisa de vitamina B9?

Para se manter saudável, seu corpo precisa de quantidades diferentes de folato. Isso depende de você estar grávida ou não, da sua idade, seu peso corporal e seu sexo. É recomendável que você consulte um médico para que ele possa avaliar seu caso específico e fazer as recomendações necessárias.

Além disso, o ácido fólico e o folato são essenciais para desempenhar corretamente algumas das seguintes funções:

  • Quebrar proteínas e absorver nutrientes.
  • Formar células sanguíneas: glóbulos brancos e vermelhos.
  • Colaborar na formação de DNA para poder transportar informações genéticas.
  • Evitar o risco de problemas congênitos do bebê em mulheres grávidas.
  • Favorecer o bom funcionamento do sistema cardiovascular.
  • Contribuir para o bom funcionamento do sistema imunológico.
  • Ajudar a diminuir o cansaço e a fadiga.

Você também pode se interessar: O que são as vitaminas hidrossolúveis?

Conclusão a respeito das diferenças entre ácido fólico e folato

Embora todas as fontes sejam boas para manter níveis adequados de vitamina B9, a melhor coisa a fazer é obtê-la consumindo vegetais de folhas verdes.

Há situações específicas em que um suplemento de ácido fólico será necessário. Os profissionais de saúde saberão quando indicá-lo, especialmente em caso de gravidez.

  • Ácido Fólico: nutriente redescubierto. (2003). Acta Médica Costarricense.

  • Pita Rodríguez, G. (1998). Ácido Fólico y Vitamina B12 en la Nutricion Humana. Revista Cubana Aliment Nutr.

  • Acuña, J., Yoon, P., & Erickson, J. D. (2007). Prevención de los defectos del tubo neural con ácido fólico. Oms.