É saudável consumir o caldo dos alimentos em conserva?

11 Agosto, 2020
Muitos se perguntam se é saudável ou não consumir o caldo dos alimentos em conserva. Para acabar com as dúvidas, detalharemos quando ele pode ser usado e quando é melhor descartá-lo. Descubra!

O consumo de conservas (e do caldo dos alimentos em conserva) é uma estratégia eficaz para desfrutar de certos alimentos sazonais durante todo o ano. Com elas, garantimos a qualidade nutricional e a higiene correta dos alimentos. Além disso, é uma maneira de armazenar excedentes da produção em casa e evitar a deterioração de certos produtos.

No entanto, muitas vezes surge a questão: consumir o caldo das conservas é uma boa ideia? Pode ser que esse líquido contenha uma boa dose de micronutrientes benéficos, mas em alguns casos ele contém muitos aditivos e grandes quantidades de sódio que devem ser evitadas. A seguir, indicaremos algumas situações em que você pode consumir o caldo dos alimentos em conserva.

Conservas de peixe

Nesse tipo de alimento, o caldo usado para garantir a boa conservação do produto costuma ser o óleo. Portanto, como as vitaminas lipossolúveis se dissolvem nesse meio, é aconselhável aproveitar o caldo para evitar a perda de nutrientes.

A deficiência de vitamina D é endêmica em muitos países. Os baixos valores dessa substância estão associados a um risco aumentado de doenças cardiovasculares, de acordo com um artigo científico publicado em 2016.

Peixes oleosos como o atum, que geralmente é consumido em conserva, estão entre os poucos alimentos que fornecem doses significativas dessa vitamina. Portanto, descartar o óleo dentro da lata significa reduzir significativamente o suprimento desse nutriente.

Em outras ocasiões, encontramos peixes enlatados nos quais o líquido é composto por salmoura. Nesse tipo de situação, seu consumo pode não ser tão benéfico, pois aumenta significativamente os níveis de sódio no organismo.

A ingestão de grandes doses de sódio está ligada a um risco aumentado de hipertensão, de acordo com um artigo publicado na revista Nutrients. Portanto, isso deve ser levado em consideração ao decidir consumir ou não o caldo das conservas de peixes enlatados.

Atum em lata
Muitos tipos de óleos presentes nos alimentos em conserva podem ser usados em diferentes receitas. No entanto, é importante verificar o seu teor de sódio.

Leia também: Prepare um delicioso sanduíche de atum em casa

Conservas de vegetais

A maioria dos vegetais enlatados inclui um caldo de água, ácido ascórbico e, às vezes, sal. Por esse motivo, sua ingestão é praticamente inofensiva, a menos que tenhamos de regular nossa ingestão diária de sódio.

Em muitas ocasiões, esse líquido é descartado porque pode afetar a qualidade organoléptica do produto, mas não porque é prejudicial para a saúde.

No entanto, é aconselhável analisar o rótulo para identificar possíveis aditivos presentes no produto. Se identificarmos a presença de conservantes além do ácido ascórbico, é recomendável consumir esse tipo de caldo com moderação.

Alguns tipos de vegetais enlatados são lavados antes de serem utilizados em preparações culinárias, porque o líquido que os contém altera a sua palatabilidade.

No entanto, consumir o caldo de vegetais enlatados ajuda a reduzir a perda de vitaminas hidrossolúveis, como as do complexo B, que poderiam passar para o líquido durante o processo de conservação e tratamento térmico.

Vegetais em conserva
Na maioria dos casos, consumir o caldo das conservas de vegetais enlatados não é um problema.

As conservas de vegetais são alimentos recomendados

Embora o consumo de alimentos frescos seja priorizado em relação aos alimentos processados ​​ou embalados, não devemos nos esquecer de que os vegetais enlatados são um produto recomendado. Apresentam quase as mesmas propriedades nutricionais de suas variedades frescas e a qualidade organoléptica é muito aceitável.

Além disso, eles nos permitem consumir alimentos que não estão na época, além de terem uma durabilidade muito maior. Seu preço costuma ser bastante competitivo.

Talvez você possa se interessar: Alergia a aditivos alimentares: sintomas e tratamentos 

Conclusão sobre o caldo dos alimentos em conserva

Os alimentos em conserva são uma opção altamente recomendada para o uso em nossa alimentação regular. Em geral, o caldo pode ser consumido com resultados inofensivos para a saúde humana.

Por outro lado, é importante observar o rótulo dos alimentos. No caso de identificar qualquer conserva com um grande número de conservantes, além de sódio ou ácido ascórbico, limite a ingestão do líquido contido no produto.

Vale dizer que isso não costuma ocorrer com frequência; é mais comum que os alimentos estejam submersos em uma salmoura que seria prejudicial apenas para pacientes hipertensos.

  • Wang TJ., Vitamin D and cardiovascular disease. Annu Rev Med, 2016. 67: 261-72.
  • Grillo A., Salvi L., Coruzzi P., Salvi P., Parati G., Sodium intake and hypertension. Nutrients, 2019.