Chá de gengibre e camomila para tratar a síndrome do intestino irritável

14 de janeiro de 2020
A síndrome do intestino irritável é um distúrbio do trato digestivo que causa dor na área abdominal e episódios de constipação e diarreia. Para obter alívio, além de seguir o tratamento prescrito pelo médico, recomenda-se fazer algumas alterações na dieta.

A síndrome do intestino irritável, também conhecida como doença do intestino irritável é uma doença que se caracteriza por períodos de distensão abdominal e alterações do trânsito intestinal, alternando episódios de prisão de ventre e diarreia.

Sua causa exata não está definida, mas acredita-se que tem muito a ver com fatores psicológicos, como o estresse, a ansiedade e o nervosismo. A Dra. Moleski diz que “em muitas pessoas com este transtorno, o sistema digestivo é especialmente sensível a uma série de incentivos.”

Além disso, também se relaciona com algumas alterações hormonais, intolerâncias alimentares e predisposição genética.

Tratamento da síndrome do intestino irritável

Dependendo do caso, o tratamento da síndrome do intestino irritável incluirá uma série de medidas. No entanto, o Dr. Moleski diz que, em geral, os pacientes devem tentar fazer certas mudanças na dieta. 

  • Evite alimentos irritantes que podem desencadear tais episódios.
    • Restrinja o consumo de alimentos ricos em certos carboidratos: oligossacarídeos fermentáveis, dissacarídeos, monossacarídeos e polióis.
    • Evite o consumo de bebidas alcoólicas, com cafeína e substâncias artificiais (sorbitol, especialmente).
    • Evite mascar chiclete.
  • A  frutose, o açúcar encontrado em frutas e em algumas plantas, deve ser utilizado apenas em pequenas quantidades.
  • Coma em pequenas quantidades, cerca de 5 ou 6 vezes ao dia, de preferência. 
  • Coma devagar, sem pressa, mastigando bem os alimentos e aproveitando o tempo para apreciar a comida.
  • Siga as recomendações do médico sobre o consumo de medicamentos. 

Outras recomendações:

  • Evite situações estressantes que possam desencadear tais episódios.
  • Realize atividade física regularmente, para manter o funcionamento normal do trato digestivo e, assim, evitar a constipação.
  • A terapia cognitivo-comportamental pode ajudar os pacientes a adquirir ferramentas que lhes permitam gerenciar melhor o estresse e as emoções negativas que os episódios podem causar.

Remédios naturais para alívio

Na esfera popular, considera-se que há alguns remédios que podem ser úteis para aliviar o desconforto e melhorar a saúde digestiva, um deles é a infusão de gengibre e camomila, dois ingredientes naturais com propriedades analgésicas e anti-inflamatórias.

Dizem que a mistura desses dois ingredientes compõe um remédio natural e suave para o estômago.

Benefícios do gengibre

Gengibre em pó

O principal composto ativo do gengibre é conhecido como gingerol. Esta é a substância que lhe confere seu sabor característico e picante, além de suas propriedades anti-inflamatórias, analgésicas e digestivas.

  • Durante séculos, tem sido utilizado como remédio alternativo contra as digestões pesadas, já que facilita a absorção de nutrientes e promove a eliminação de resíduos acumulados no cólon.
  • Contém uma substância conhecida como oleorresina, que lhe confere propriedades antiácidas, laxantes e antiespasmódicas.
  • É um carminativo natural, ou seja, ajuda a combater a produção excessiva de gases.
  • Melhora a circulação do sangue e também promove a expulsão das toxinas que viajam através da corrente sanguínea.
  • Entre outras coisas, é um dos melhores remédios naturais contra as náuseas, azia e refluxo.

Benefícios da camomila

Camomila

As flores de camomila são usadas na medicina alternativa como complemento contra as dores, o inchaço abdominal e a prisão de ventre.

  • Contém substâncias ativas, como os ácidos orgânicos, terpenos e álcoois, que lhe conferem efeitos anti-inflamatórios e calmantes.
  • É ideal para reduzir a distensão causada pelo intestino irritável e ajuda a regular o pH de todo o sistema digestivo.
  • Controla a diarreia e a constipação e ajuda a reduzir o acúmulo de gases.
  • Tem propriedades antiespasmódicas e antiácidas, ideais para reduzir a sensação de “estômago pesado”.

Como preparar este chá para tratar a síndrome do intestino irritável?

Chá de gengibre e camomila

Ingredientes

  • 2 xícaras de água (500 ml)
  • 1 colher de chá de gengibre ralado (5 g)
  • 1 colher de sopa de flores de camomila (10 g)
  • 2 colheres de sopa de mel (50 g) (opcional)

Preparação

  • Ponha os copos de água em uma panela e leve ao fogo até ferver.
  • Depois de ferver, adicione a raiz de gengibre ralada e as flores de camomila.
  • Abaixe o fogo e deixe cozinhar durante 2 ou 3 minutos.
  • Em seguida, deixe esfriar à temperatura ambiente, por mais 10 ou 15 minutos.
  • Coe a bebida e, se quiser, adoce com mel e adicione gelo.

Modo de consumo

  • Consuma com moderação. Nunca mais de 3 xícaras por dia.
  • Se o seu médico lhe disse que você não deve consumir gengibre, evite esta bebida e pergunte a ele que outras opções são válidas para você.
  • Juntamente com o consumo desta bebida, siga as instruções do seu médico e tente manter, acima de tudo, um estilo de vida saudável.
  • Não substitua o tratamento medicamentoso por este remédio, pois pode ser contraproducente.

Nota final

Você está lutando contra os sintomas da síndrome do cólon irritável? Tem digestões pesadas? Se sim, anime-se a preparar esta bebida natural e comprove seus benefícios para restabelecer a sua saúde intestinal e se hidratar.

É claro que, para obter bons resultados, você deve manter uma dieta saudável, de acordo com as instruções do seu médico.