6 dicas para conciliar trabalho com maternidade

19 de setembro de 2019
Embora possamos achar difícil conciliar as duas coisas, para que haja um equilíbrio entre trabalho e maternidade, precisamos aprender a nos organizar e a colocar nossas prioridades em primeiro lugar.

Você pode conciliar trabalho com maternidade? Certamente, você já se fez essa pergunta em algum momento. É importante revisar os prós e contras. No entanto, é possível sim, conciliar o trabalho com a maternidade. Não é fácil, mas não é impossível: você só precisa de muita disciplina e paciência.

Para alcançar o sucesso em sua vida profissional e desfrutar da maternidade, deve haver equilíbrio em sua vida. A organização também é uma das chaves para afastar o estresse e ser capaz de cumprir todas as tarefas exigidas pelo trabalho e pela maternidade. Ser profissional e mãe ao mesmo tempo é um desafio que você pode alcançar com constância.

Dicas para conciliar trabalho com maternidade

Como se organizar para combinar trabalho com maternidade

Pode acontecer que, com tantas coisas que precise fazer, você se estresse e sinta que não pode mais. Você não pode se desesperar nessa hora. Portanto, deve aprender a priorizar e a não se sobrecarregar de tarefas. Hoje, daremos algumas dicas que ajudarão você a ser mãe e uma ótima profissional ao mesmo tempo.

1. Planeje e organize-se bem

A melhor maneira de combinar trabalho e maternidade é se organizando. Para isso, recomendamos que você utilize uma agenda. Dessa forma, poderá anotar, organizar e distribuir todas as suas obrigações.

Sabemos que, como mãe, você deve participar de reuniões da escola, fazer seu trabalho, realizar as tarefas domésticas e passar um tempo com sua família. Por esse motivo, é importante que você defina horários para tudo. Os horários devem ser flexíveis o suficiente, para que você não se esgote, mas tenha tempo para fazer tudo.

Leia este artigo: Segundo estudo, ter marido significa ter 7 horas a mais de trabalho

2. O parceiro deve ser um colaborador

Os pais são dois e a melhor coisa que você pode fazer é contar com o apoio do seu parceiro nas atividades em que você precisa de ajuda. Desde o início, ele deve participar de tarefas que envolvem a criança. Por exemplo, dar banho, alimentar, trocar as fraldas, pôr na cama e até acalmar o bebê quando você não estiver por perto.

No caso de que os dois trabalhem, devem encontrar um caminho para que todas as obrigações não caiam sobre uma pessoa só. Isso anda de mãos dadas com a organização e o planejamento que mencionamos anteriormente. Uma boa solução para que vocês dois descansem é dormir sem interrupção uma noite cada um.

Se você estiver amamentando, poderá encher várias mamadeiras com leite materno. Você pode fazer isso com um extrator de leite durante o dia. Para que você possa dormir a noite toda, mantenha essas mamadeiras na geladeira e deixe seu parceiro cuidar de tudo.

3. Analise o trabalho que você faz

Lembre-se de que agora você é mãe e tem obrigações com você mesma e com a sua família. Um trabalho que exija 100% de você e sem pausas ou finais de semana não convém se você quiser uma família. Você vai querer viver essa etapa ao máximo com seu filho, sem perder nenhum momento. Portanto, é importante que você examine se o seu emprego atual permite compartilhar a vida com seu filho e seu parceiro.

Se sua atividade profissional não permitir que você concilie trabalho com maternidade, sugerimos que você inicie algum empreendimento ou trabalhe em casa. Nesse caso, é uma decisão que você pode tomar junto com seu parceiro.

Tudo vai depender da renda que você está recebendo. Se não valer a pena economicamente, é hora de deixar sua zona de conforto e experimentar novas atividades que lhe proporcionarão estabilidade econômica e disponibilidade de tempo.

4. Compartilhe tempo de qualidade com seu filho

Compartilhar tempo com a família

 

Não se trata de quantidade, mas de qualidade. Seu filho precisa interagir com outras pessoas. Portanto, não é recomendável que ele passe o dia todo com você. Por exemplo, quando seu filho está na escola sem a sua presença, ele cria responsabilidades e independência que depois aplicará em casa.

No entanto, é importante que você reserve um tempo para compartilhar momentos com seu baixinho. Dessa forma, ele sentirá e valorizará a sua companhia. Os fins de semana devem ser estritamente familiares, então, esqueça o trabalho durante esses dias. Saia com seu parceiro e seu filho. Comente os acontecimentos da semana e planeje suas férias.

5. Defina prioridades

Conciliar trabalho com maternidade é sinônimo de equilíbrio. Quando você alcança um equilíbrio entre os dois, ambos podem ser uma prioridade. No entanto, em muitas ocasiões, é um pouco difícil. Nesse caso, você deve se perguntar qual das duas coisas é mais importante neste momento da sua vida. Se você não souber o que fazer, oferecemos algumas dicas que você pode aplicar:

  • Você pode pedir ao seu chefe para trabalhar meio período por alguns meses.
  • Evite viagens longas e cansativas e consiga um emprego mais próximo.
  • Procure ajuda. Você pode contratar uma pessoa para ajudá-la a limpar, lavar e passar a roupa. Dessa forma, você terá esse trabalho feito e poderá usar esse tempo para compartilhar com sua família.

6. Peça ajuda para poder conciliar trabalho com maternidade

Pedir ajuda não é ruim. Você não pode fazer mil coisas sozinha, mesmo que queira. Você pode criar um sistema de ajuda. Além de envolver seu parceiro, convide sua família e amigos para que ajudem. Seu filho será o mimado da família, o que significa que muitas pessoas vão querer passar um tempo com ele. Portanto, certamente seus familiares estarão dispostos a ajudar com seus cuidados.

Não deixe de ler também: Discussões sobre quem limpa a casa

Conclusão

Conciliar trabalho com maternidade pode não ser uma tarefa fácil, mas você pode conseguir tudo o que se propuser. Ou seja, você pode ser uma ótima profissional e desfrutar a maternidade, sem se sentir culpada e nem fazer grandes sacrifícios.

Você não pode se dar ao luxo de fazer mil coisas e depois ser consumida pelo estresse. Sempre tente manter as tarefas atualizadas, de acordo com o seu ritmo. Descanse o suficiente e compartilhe muito tempo com sua família. No final do dia, o sorriso do seu filho por ter brincado com ele ou ajudado na lição de casa fará com que você sinta que todo o esforço que você faz é recompensado.