Suco de pepino para a saúde e a beleza

13 Outubro, 2020
O suco de pepino é uma bebida natural e muito refrescante que pode trazer benefícios à saúde, dentro de um estilo de vida saudável. Vamos falar mais sobre esse assunto a seguir.

O suco de pepino é uma bebida que está se tornando cada vez mais comum. Isso ocorre porque o pepino é um vegetal de uso corrente na cozinha. Com ele podem ser preparadas diferentes saladas e cremes, embora seja verdade que ultimamente tem sido usado com frequência para preparar smoothies e vitaminas mistas.

É um alimento muito versátil, não apenas por sua consistência, mas por seu leve sabor. Combina bem com outros sabores e pode contribuir muito para a saúde, quando consumido em uma dieta equilibrada.

Possui baixo conteúdo calórico e, por outro lado, é muito rico em água. Segundo especialistas da Fundação Espanhola de Nutrição, o pepino não é um vegetal rico em minerais, embora contenha uma certa quantidade de magnésio, fósforo e ferro. Por outro lado, também indicam que contém vitamina C e folatos.

Possíveis benefícios de beber suco de pepino

1. Hidratar

Como o pepino é um alimento rico em água, ele contém eletrólitos que contribuem para a hidrataçãoEspecialmente, nos meses mais quentes ou após praticar exercício.

Se você consome água com frequência, talvez deva adicionar algumas fatias de pepino, além de algumas folhas de hortelã fresca. Assim, você vai obter uma bebida natural, levemente aromatizada e adequada para o consumo regular.

Descubra: 5 receitas fáceis para preparar uma infusão de frutas

2. Pode ajudar a desinchar o abdômen

Tomar bebidas de pepino (águas saborizadas, smoothies e afins) pode ajudar a se manter hidratado e a urinar com frequência. Como resultado, você poderá desinchar seu abdômen (caso tenha retenção de líquidos).

Lembre-se de que, para que uma bebida possa ajudar a desinchar o abdômen, ela deve ser consumida dentro de um estilo de vida saudável. Caso contrário, você dificilmente vai obter os resultados desejados.

3. Ajuda a regular o trânsito intestinal

Quando consumimos pepino, estamos adquirindo fibras, algo indispensável para manter um bom trânsito intestinal.

4. Pode melhorar a saúde da pele

Embora seja verdade que o pepino (ou melhor, alguns de seus compostos) seja usado na indústria cosmética na elaboração de produtos para cuidados com a pele, até o momento não está provado que a aplicação de suco de pepino na pele tenha um efeito positivo.

De fato, os dermatologistas recomendam evitar esse tipo de preparo, pois, em vez de proporcionar alívio, podem promover irritações.

Em vez disso, consumir suco de pepino pode contribuir para a saúde da pele. Isso porque ajudaria a complementar a dieta e a obter aminoácidos essenciais.

5. Dá brilho ao cabelo

De acordo com crenças populares, o suco de pepino pode contribuir para a saúde capilar, hidratando o cabelo da raiz às pontas, mantendo-o sedoso e brilhante.

6. Antigripal

Como a casca do pepino contém vitamina C, considera-se que seu consumo pode ajudar a manter a saúde do corpo, fortalecer o sistema imunológico e, de certa forma, prevenir resfriados e gripes. No entanto, especialistas apontam que são necessárias mais pesquisas sobre o tema.

Descubra: 10 mitos sobre a gripe infantil

Em resumo

  • O pepino é um vegetal com baixas calorias, devido ao ao seu alto teor de água e seu baixo teor de carboidratos em comparação com outros vegetais.
  • Esse alimento fornece pequenas quantidades de provitamina A (beta-carotenos), luteína e proporções ainda menores de outras vitaminas do grupo B, como niacina, tiamina e riboflavina.
  • Em relação aos minerais, embora não contenha muitos, o mais abundante é o potássio. Em menor proporção, contém fósforo e magnésio.
  • Quando não é descascado, pode fornecer vitamina C. De fato, 100 gramas de pepino suprem mais de 15% das doses diárias recomendadas dessa vitamina.

Portanto, é um alimento que podemos incluir regularmente em nossa dieta. Contudo, não devemos nos limitar quanto à forma. De fato, o ideal é consumi-lo de maneiras diferentes, não apenas em bebidas.