5 estratégias psicológicas para perder peso

Você sabia que é possível perder peso de forma saudável com alguns truques psicológicos simples? São muito fáceis e não lhe custará realizá-los.
5 estratégias psicológicas para perder peso

Última atualização: 25 Maio, 2021

Seja porque estamos próximos ao sobrepeso ou simplesmente porque queremos nos sentir melhor com o nosso corpo, perder peso será saudável, desde que não exageremos, colocando a nossa saúde em risco.

Para facilitar o processo, podemos usar algumas estratégias psicológicas para emagrecer. Devem ser acompanhadas de tratamento especializado de um endócrino, pois ninguém melhor que ele poderá nos aconselhar.

Muitas vezes, as pessoas decidem ir pelo caminho mais rápido e perder peso de uma forma prejudicial à saúde, não ingerindo ou comendo o mínimo possível. Isso, além de ser contraproducente no longo prazo (você quase sempre engorda de novo), é muito prejudicial para o bem-estar de qualquer pessoa.

Portanto, iremos lhe fornecer algumas estratégias que irão ajudá-lo no processo de perda de peso. Vamos nos aprofundar no assunto.

Estratégias para perder peso

1. Nunca faça compras com fome, uma das melhores estratégias psicológicas para perder peso

Não comprar comida quando estamos com fome

Uma das primeiras estratégias psicológicas para perder peso é nunca ir ao supermercado com fome. Este é um conselho do qual se fala muito, mas que poucas pessoas põem em prática.

Este é um erro grave, já que isso provocará que você adquira mais comida de que não precisa, e pode se entusiasmar com ofertas de confeitaria ou outros alimentos nada saudáveis. Então, em lugar de perder peso, você vai ganhar uns quilos a mais.

2. Não deixe à vista determinados alimentos

Você aumenta de peso porque não pode evitar os chocolates quando os vê? Sendo assim, outra das estratégias psicológicas para perder peso é tirar da sua vista os alimentos que não ajudam a conseguir o seu objetivo.

Se você adora chocolate, por exemplo, então o melhor é não o comprar. Mas, se alguém o presentear com esse doce irresistível, então coloque-o bem no fundo do armário. Certamente já aconteceu que você encontrou alimento guardado lá no fundão da prateleira e que terminou esquecendo que ele existia.

3. Coma devagar e sem pressa

5 estratégias psicológicas para perder peso

Às vezes, não tem outro jeito a não ser comer muito rápido. Mas, se você puder evitar isso, seria bem melhor. Quando você come devagar e sem pressa engana o estômago. Isso faz com que ele fique cheio antes e, portanto, evita que você se sinta pesado depois de comer.

Se você costuma tomar o café da manhã muito rápido e com pressa, experimente acordar um pouco mais cedo. Isso lhe tirará alguns minutos de sono, mas será um benefício para perder peso.

4. Livrar-se da ansiedade é uma das estratégias psicológicas para perder peso

A ansiedade é um dos motivos pelos quais você pode comer mais sem ter fome. Se é isso o que está provocando seu aumento de peso, comece a pôr em prática diversos hábitos que o ajudem a liberar a ansiedade.

O mais fácil e simples é fazer exercício ou praticar algum esporte. Escolha um que o faça se sentir bem e que possa ser feito todos os dias, mesmo que por pouco tempo. Essa prática é uma excelente terapia para lidar com a ansiedade.

5. Não coma excessivamente

5 estratégias psicológicas para perder peso
Problemas como a fome emocional podem ser resolvidos por meio da psiconutrição.

Você se sente “cheio” depois que termina de comer? A comida sempre cai mal durante a pausa do trabalho? A última das estratégias psicológica para perder peso é tomar determinadas ações para evitar comer e sentir-se pesado. Entre elas:

  • Colocar menos comida no prato.
  • Não repetir.
  • Não comer sobremesa.
  • Colocar no prato alimentos que você sabe que não vão fazer você se sentir pesado.

A nossa tendência é comer até nos sentirmos saciados, mas isso não é necessário. Existe um ponto que se o passarmos nos sentiremos muito pesados, já que a digestão será mais lenta.

Pode parecer que não tem nada a ver, mas acredite ou não, a ajuda de um psicólogo pode vir a calhar. Às vezes, como já vimos, comer demais é causado por um problema de ansiedade.

Embora seja verdade que o tratamento com um endócrino seja obrigatório, nunca é demais ter uma ajudinha extra para descobrir o motivo da compulsão alimentar. É provável que o ajude não apenas a perder peso, mas a se sentir melhor consigo mesmo.

Experimente. Você não tem nada a perder, mas tem muito a ganhar.

Pode interessar a você...
Acelerar o metabolismo, uma das melhores opções ao perder peso
Melhor Com Saúde
Leia em Melhor Com Saúde
Acelerar o metabolismo, uma das melhores opções ao perder peso

Hoje queremos falar sobre um fator muito importante para quem está tentando emagrecer: como acelerar o metabolismo para perder peso.