4 remédios naturais contra a insolação

27 de julho de 2019
A insolação ocorre devido à exposição excessiva ao sol sem a proteção adequada. Você já passou por isso? Descubra alguns remédios de origem natural que vão ajudar a aliviar os sintomas.

Não é necessário passar muitas horas na praia ou ao ar livre para ser vítima da insolação. Esse transtorno pode acontecer pelo simples fato de se expor ao sol sem medidas de proteção suficientemente fortes. A seguir, vamos apresentar 4 opções para tratar a insolação em casa.

Remédios naturais contra a insolação: 4 alternativas

Antes de conhecer os remédios naturais contra a insolação, é importante fazer alguns esclarecimentos. Em primeiro lugar, a insolação não deve ser confundida com intermação, pois este último é muito mais grave e pode, inclusive, causar perda de consciência e a morte.

A insolação é um estado de exaustão pelo calor, que pode vir acompanhado de queimaduras superficiais, veias marcadas nas pernas, suor intenso, cãibras, entre outros sintomas. Embora possa ser grave, frequentemente pode ser tratado com cuidados caseiros.

No entanto, outro aspecto que deve estar claro é que pode exigir atenção profissional quando seus sintomas são evidentemente graves. Por isso, se houver queimaduras graves, enfraquecimento prolongado ou sinais de desidratação, o ideal é procurar o pronto-socorro em vez de testar qualquer remédio em casa.

Deixando tudo isso bem claro, convidamos você a descobrir a seguir alguns tratamentos de origem natural que podem aliviar os sintomas dessa condição. Experimente um por vez para evitar reações indesejadas.

Leia também: A importância do uso do protetor solar

1. Um dos principais remédios naturais contra a insolação é o suco de tomate

Suco de tomates é um dos remédios naturais contra a insolação

Sem dúvida nenhuma, o suco de tomate é um dos melhores remédios naturais contra a insolação. Seu significativo teor de vitaminas, minerais e antioxidantes o transformam em um excelente revigorante para o organismo e a pele. De fato, é ideal para repor os líquidos e sais que são perdidos pelo excesso de calor.

Como preparar?

  • Em caso de insolação, você pode consumir 2 ou 3 copos de suco de tomate por dia. Para preparar, bata tomates frescos com água e suco de limão. Tome gelado.
  • Opcionalmente, espalhe um pouco de suco de tomate sobre as queimaduras superficiais. Deixe agir por 20 minutos e enxágue.

2. Iogurte natural

A aplicação tópica de iogurte natural pode aliviar alguns dos efeitos da insolação na pele. Seus compostos probióticos ajudam a restabelecer o pH cutâneo e estimulam o processo de regeneração. Além disso, facilitam a eliminação de células mortas e previnem as cicatrizes e manchas.

Como fazer?

  • Espalhe uma fina camada de iogurte natural sobre a pele afetada.
  • Espere 20 minutos e enxague com água fria.
  • Repita a aplicação até amenizar o desconforto.

Confira ademais: Como proteger as crianças do sol no verão?

3. Suco de pepino

Suco de pepino ajuda a combater a insolação

Outro maravilhoso suco de vegetal para aliviar os efeitos da insolação, portanto, é o suco de pepino. Como muitas pessoas sabem, esse fruto tem em sua composição 96% de água. Além disso, tem minerais essenciais, vitamina C e fibras. Por isso, ajuda a tratar a desidratação e as queimaduras.

Como preparar?

  • Em primeiro lugar, corte um pepino e bata com água e suco de limão. Após obter uma bebida homogênea, consuma. Tome 2 ou 3 copos por dia.
  • Finalmente, se preferir, aplique o pepino diretamente sobre a pele. Isso diminui a sensação de ardência causada pelas queimaduras solares.

4. Banho com aveia

A farinha de aveia é um ingrediente relaxante com interessantes aplicações terapêuticas. Neste caso particular, destaca-se como um dos remédios naturais mais efetivos contra a insolação. O motivo? Contribui para reduzir o cansaço causado pelo calor, a ardência na pele e a desidratação.

Como preparar?

  • Em primeiro lugar, em uma banheira misture uma xícara de farinha de aveia com água morna ou fria.
  • Logo, entre na água e permaneça por 15 ou 20 minutos. Relaxe.
  • Finalmente, repita o procedimento durante 2 ou 3 dias seguidos até sentir alguma melhora.

Em conclusão, lembre-se de que o ideal nesses casos é a prevenção. Por isso, se os dias estiverem muito quentes, certifique-se de usar protetor solar pelo menos 3 vezes por dia. Também dê preferência a peças de roupa que cubram a pele ao máximo. Além disso, mantenha uma boa hidratação bebendo pelo menos 2 litros de água por dia.

  • Polefka, T. G., Meyer, T. A., Agin, P. P., & Bianchini, R. J. (2012). Effects of Solar Radiation on the Skin. Journal of Cosmetic Dermatology. https://doi.org/10.1111/j.1473-2165.2012.00614.x
  • Kenny, G. P., Wilson, T. E., Flouris, A. D., & Fujii, N. (2018). Heat exhaustion. In Handbook of Clinical Neurology. https://doi.org/10.1016/B978-0-444-64074-1.00031-8
  • Bhowmik, et al. (2012). Tomato-A Natural Medicine and Its Health Benefits. Journal of Pharmacognosy and Phytochemistry Tomato-A.
  • Cooperstone, J. L., Tober, K. L., Riedl, K. M., Teegarden, M. D., Cichon, M. J., Francis, D. M., … Oberyszyn, T. M. (2017). Tomatoes protect against development of UV-induced keratinocyte carcinoma via metabolomic alterations. Scientific Reports. https://doi.org/10.1038/s41598-017-05568-7
  • Vaughn, A. R., & Sivamani, R. K. (2015). Effects of Fermented Dairy Products on Skin: A Systematic Review. The Journal of Alternative and Complementary Medicine. https://doi.org/10.1089/acm.2014.0261
  • Mukherjee, P. K., Nema, N. K., Maity, N., & Sarkar, B. K. (2013). Phytochemical and therapeutic potential of cucumber. Fitoterapia. https://doi.org/10.1016/j.fitote.2012.10.003
  • Reynertson, K. A., Garay, M., Nebus, J., Chon, S., Kaur, S., Mahmood, K., … Southall, M. D. (2015). Anti-inflammatory activities of colloidal oatmeal (Avena sativa) contribute to the effectiveness of oats in treatment of itch associated with dry, irritated skin. Journal of Drugs in Dermatology : JDD.