10 dicas para eliminar a mucosidade crônica de maneira definitiva

· 4 de junho de 2017
A hidratação é fundamental para reduzir a mucosidade crônica. Deveremos beber, pelo menos, dois litros de água por dia para fluidificar o muco e evitar sua acumulação.

As pessoas que sofrem de mucosidade crônica devem saber que há muitos conselhos de saúde natural que podem seguir não somente para aliviar o problema, mas também para eliminá-la de forma definitiva, agindo sobre a causa da mucosidade.

Neste artigo compartilharemos 10 dicas para eliminar a mucosidade crônica de maneira efetiva e natural.

Qual é a causa da mucosidade crônica?

Todos podem sofrer mucosidade de maneira pontual, relacionada com um resfriado, uma gripe ou uma alergia estacional.

Porém, quem a apresenta de maneira crônica deveria investigar qual pode ser a causa para pôr fim a este incômodo transtorno de maneira natural, sem ter que recorrer a medicamentos químicos.

As crianças também tendem a acumular mucosidade com muita facilidade, por isso é tão importante prevenir de forma natural, para evitar riscos desnecessários para a saúde.

As causas podem estar relacionadas com a alimentação e a falta de hidratação, por isso estes deveriam ser nosso principal objetivo na hora de começar um tratamento.

Vitamina C para curar a mucosidade

Eliminar a mucosidade de forma natural

1. Eliminar os lácteos

Os lácteos são o primeiro tipo de alimento que devemos assinalar.

A proteína presente no leite, conhecida como caseína, poderia ser a causa do aumento de mucosidade no trato respiratório.

É possível que se tomamos leite cada dia não sejamos conscientes desta relação. Porém, se deixamos de tomá-lo durante um período de tempo e depois o reincorporamos em nossa dieta, notamos uma mudança no muco de uma maneira quase que imediata.

2. Reduzir as farinhas

Ainda que esta relação causa-efeito não seja tão conhecida, as farinhas refinadas também podem provocar uma acumulação de mucosidade em nosso organismo, já que causam um excesso de umidade.

Deveríamos reduzir as farinhas de trigo refinadas e substituí-las pelas farinhas integrais de outros cereais, como a aveia, o arroz, a espelta, o centeio ou o trigo sarraceno.

Evitar comer farinhas para curar a mucosidade

3. Beber mais água

Para eliminar a mucosidade e evitar sua acumulação recomendamos que tome dois litros de água por dia, em jejum e fora das refeições.

Deste modo a água exercerá uma função de limpeza e depuração de todo o organismo de forma contínua.

Se não gostar de tomar água, tome limonada sem açúcar e infusões medicinais.

4. Temperar com opções picantes

As especiarias como a pimenta caiena e o gengibre são excelentes para expectorar.

Podemos adicionar a caiena, em pequenas quantidades, em todos os tipos de sopas. O gengibre, por sua vez, é adequado tanto para receitas salgadas quanto para doces.

5. Óleos essenciais expectorantes

Podemos usar óleos essenciais expectorantes em um difusor aromático ou aplicá-los sobre o peito, combinando-os com um óleo vegetal base (oliva, amêndoa, coco, gergelim):

  • Eucalipto
  • Limão
  • Pinho
  • Ravensara
  • Incenso
  • Abeto
  • Niaouli.

6. Emplasto de mostarda e linhaça

Para aliviar a congestão que a mucosidade crônica causa nas vias altas, podemos aplicar um emplasto de mostarda e linhaça sobre o peito.

Ingredientes

  • 2 partes de sementes de mostarda;
  • 1 parte de semente de linhaça;
  • Água quente (a necessária).

Preparo

  • Misture as sementes (sempre 2 partes de mostrada para 1 de linhaça) com água quente até formar uma pasta.
  • Aplique no peito e cubra, primeiro com um tecido de linho e depois com dois de lã.
  • Deixe atuar por no máximo um minuto e depois retire.

7. Aplicação de gengibre

  • Prepararemos uma infusão concentrada de gengibre.
  • Colocaremos uma toalha seca ao longo das costas e nos trapézios e em cima colocaremos uma toalha molhada na infusão.
  • Cobriremos com outra toalha seca e deixaremos atuar por 5 minutos.

8. Cebola na mesa de cabeceira

Se estamos começando a notar a mucosidade no momento em que ainda está muito líquida, podemos recorrer a este antigo remédio.

  • Colocaremos uma cebola crua cortada pela metade junto à mesa de cabeceira à noite, quando formos deitar.
  • Pela manhã, a mucosidade terá desaparecido.

A cebola combate a mucosidade crônica

9. Porradinhas com a mão

Esta técnica se usa principalmente com as crianças, para ajudar a desprender o muco dos brônquios.

  • Colocaremos a mão côncava, em forma de cuia, e vamos bater tanto o peito quanto a parte superior das costas com porradinhas suaves, rápidas e secas, durante alguns minutos.

10. Infusões expectorantes

As plantas medicinais mais adequadas para prepararmos uma boa infusão expectorante são as seguintes:

  • Sementes de anis verde.
  • Gengibre.
  • Camomila.
  • Eucalipto branco (não é recomendado para crianças).
  • Canela.
  • Alho.

Nota: não se recomenda essas plantas sem casos de refluxo gastresofágico.