Você sabe como e quando beber água?

· 23 de maio de 2014
É importante beber 2 litros de água por dia, mas não junto com as refeições, para que não interfira com os sucos gástricos.

Frequentemente escutamos que é importante beber água, já que nos oferece muitos benefícios para a saúde. Mas, realmente sabemos como e quando fazê-lo corretamente?

É importante obter esta informação, pois o modo como tomamos água pode determinar se é benéfico ou prejudicial ao organismo.

Em jejum, imprescindível

Tomar um ou dois copos de água em jejum nos ajudará a limpar toxinas que ficaram em nosso trato digestivo e, ao mesmo tempo, ativará suavemente nossos órgãos para que comecem a funcionar.

Basta beber água pelo menos 20 minutos antes do café da manhã. E será muito mais saudável do que começar o dia tomando um café, por exemplo.

Além disso, se você optar por tomá-la morna ou quente, inclusive adicionando o suco de meio limão, ativará seu intestino, e converterá a mistura em um excelente e simples remédio para combater a prisão de ventre.

Também é muito recomendável fazê-lo pela manhã, quando nos levantamos com retenção de líquidos, com o rosto ou as pálpebras inchados, para fazer com que os rins comecem a funcionar bem.

Mistura de limão para beber água com mais sabor

Fome ou sede?

Você sabia que muitas vezes pensamos ter fome e na realidade estamos com sede? Às vezes, não sabemos interpretar os sinais do nosso corpo, que são especialmente importantes se quisermos controlar nosso peso.

Por isso, recomendamos algo muito simples: sempre que você tiver fome, beba um copo de água. Se depois de alguns minutos a fome permanecer, então, coma. Mas, às vezes, você se surpreenderá, pois a fome simplesmente desaparecerá.

Leia também: 4 dicas para evitar estar com fome a toda hora

Meia hora antes das refeições para comer menos

Se bebermos um copo de água meia hora antes de comer, além de evitarmos a sede durante a refeição, permitiremos que a água atue como um leve saciante, o que evitará que comamos em excesso.

Não beber muito durante as refeições

Da mesma maneira que é importante beber água ao longo do dia, deveríamos evitar tomar água durante as refeições, já que a água interfere nos sucos gástricos e pode piorar a digestão. Além disso, no caso das crianças, pode tirar-lhes o apetite.

Se a comida baseia-se em uma salada podemos tomar um pouco de água, e inclusive, esta informação pode nos ajudar a incluir alimentos frescos como saladas ou caldos frios nas refeições e reduzir o consumo de sal, além de terminarmos a refeição com uma infusão digestiva e ingerirmos líquidos sempre antes de comer.

Copo de chá simbolizando como é importante beber água e se hidratar

Um copo antes de deitar

Começamos o dia bebendo água e assim devemos terminá-lo, com um copo de água morna para preparar o corpo para o descanso. Outra opção é tomar uma infusão de plantas medicinais.

Pessoas com muita necessidade de urinar durante a noite devem evitar esta dica, além de pessoas que sofrem de incontinência e crianças pequenas.

Leia também: 5 técnicas para dormir melhor

Não beber grandes quantidades num só gole (de uma vez)

Quando recomendamos beber ao longo do dia, nos referimos a pequenos goles de pouco em pouco tempo, e não a grandes quantidades de uma vez. Isso é principalmente recomendável quando faz muito calor ou quando praticamos algum esporte, etc.

Água fria, quente ou morna?

Inclusive no deserto, as pessoas bebem chá quente, porque isso os faz suar, o que refresca o corpo automaticamente. Por isso, o ideal é beber água sempre morna ou quente.

De qualquer modo, nunca recomendaremos água gelada, já que pode afetar nosso sistema digestivo, alterando sua temperatura naturalmente quente e ideal para a digestão.

Qual é a quantidade certa?

Um litro e meio? Dois litros? Não devemos dar nenhuma informação definitiva até aprendermos a “escutar” nosso corpo.

O verão, obviamente, é diferente do inverno, um adulto, diferente de uma criança, uma pessoa que transpira com facilidade de uma que não transpira, um vegetariano de uma pessoa que come muita proteína animal etc.

A princípio, é custoso nos acostumarmos a beber água continuamente, mas, quando começarmos, nos daremos conta de que o corpo nos pedirá a quantidade de líquido que ele necessita.

Criança praticando o ato de beber água

E se beber água for custoso…

Para muitas pessoas, beber água é bastante custoso. Um truque muito simples é adicionar à água umas gotinhas de suco natural de limão e algumas gotas de estévia. Assim, com um detalhe tão simples, daremos à água um delicioso sabor de limonada sem adicionar-lhe calorias ou outras substâncias.

Outra opção é adicionar uma gota de óleo essencial cítrico (laranja, limão, toranja, mexerica…) apto para o consumo. As infusões também são uma boa alternativa para alternar com a água natural.

Imagens oferecidas por DorteF, n_sapiens e zsoltika.