Tipos de massagens e suas aplicações

A massagem é conhecida desde os tempos antigos e tem sido usada para aliviar doenças físicas, emocionais e psicológicas. Quer saber mais sobre isso?
Tipos de massagens e suas aplicações

Última atualização: 02 Março, 2021

Os diferentes tipos de massagens têm inúmeras aplicações que melhoram a nossa saúde e bem-estar. Embora possam ser aplicadas com diferentes técnicas, hoje vamos nos concentrar na quiromassagem, ou seja, aquela que é feita com as mãos sem o uso de nenhum tipo de ferramenta ou utensílio.

História da massagem

A massagem é conhecida desde os tempos antigos e tem sido usada para aliviar doenças físicas, emocionais e psicológicas. Em geral, é útil para melhorar o estado físico e mental. Destaca-se, entre outras coisas, por:

  • Melhorar a qualidade de vida e proporcionar bem-estar.
  • Eliminar ou reduzir a dor.
  • Contribuir para o relaxamento.
  • Diminuir o estresse.
  • Melhorar a qualidade do sono.

A massagem tem sido usada desde os tempos antigos, na Índia de 1800 a 1500 aC (Ayur-Veda); na China por volta de 1000 aC (Houng-Ching); Egito, Grécia, Roma e na medicina muçulmana. Existem inúmeras referências às suas aplicações terapêuticas por autores como Herodicus (500 AC), Hipócrates (450 AC), Claudius Galen (130 AC) e Avicena (Abu Ali Al-hussayn Iber Sina), (930-1037 DC), entre outros.

Em tempos mais recentes, é necessário falar da Suécia no século 19, onde surgiu o que acabou recebendo o nome de massagem sueca, hoje a mais utilizada em todo o mundo. A massagem continua a ser usada até hoje como uma arte ou técnica de relaxamento e recuperação da saúde e do bem-estar. Atualmente,  é uma especialidade vasta que reconhece vários tipos e usos.

Definição de quiromassagem

A definição mais aceita de massagem é a seguinte:

“Conjunto de manobras ou manipulações organizadas e metódicas normalmente praticadas sem o auxílio de instrumentos, sobre uma parte ou a totalidade do organismo causando nele, direta ou indiretamente, efeitos estéticos, higiênicos, terapêuticos e preventivos”.

Tipos de massagens

Existem muitos tipos de massagens que evoluíram ao longo do tempo. Alguns foram enriquecidos com novas contribuições, mas mantêm as características distintivas da massagem original. Outros, por outro lado, se destacam pela combinação de diversos tipos de massagens ou pela incorporação de novas técnicas e manobras.

Mulher fazendo massagem
As técnicas de massagem evoluíram com o tempo. No entanto, algumas mantêm parte do método tradicional.

Quiromassagem

É um tipo de massagem que utiliza apenas as mãos, sem o apoio de qualquer ferramenta, instrumento ou dispositivo. O mecanismo de ação da quiromassagem é atribuído à resposta fisiológica reflexa da área tratada com aumento do fluxo sanguíneo e diminuição da dor. Também ao resultado da pressão, que pode reduzir a fadiga muscular ao relaxar a área tratada.

Apesar da sua antiguidade e da difusão de seus benefícios, eles nem sempre são reconhecidos pela medicina oficial, pois as evidências científicas sobre seus efeitos são limitadas. A quiromassagem tem muitos benefícios, mas não podemos ignorar algumas contraindicações, como em caso de doença, lesão ou gravidez. 

Tipos de massagens e suas aplicações

Relaxante

É a massagem mais comum. Embora possa ser feita em partes específicas, geralmente é uma massagem aplicada em todo o corpo. É realizada com manobras suaves e superficiais que visam ajudar a reduzir o nervosismo ou estresse, melhorar a qualidade do sono e aliviar a tensão emocional. É uma das aplicações mais difundidas no campo da beleza e dos cuidados pessoais.

Você pode se interessar: Aprenda a fazer massagens relaxantes

Revigorante

É uma massagem breve de quinze a vinte minutos, exercendo maior pressão para atuar nas camadas musculares mais profundas. É aplicada em uma parte específica do corpo e é indicada para pessoas sedentárias, sem músculos muito desenvolvidos e obesos. Tonifica, ativa os músculos, aumenta o fluxo sanguíneo que vai eliminar as toxinas acumuladas.

Esportiva

É uma massagem energética que visa o alongamento e relaxamento das fibras musculares. É utilizada para a recuperação após a prática esportiva ou como preparação prévia. Compartilha tonificação e aumento da circulação com outras massagens, mas também é projetada para mobilizar o ácido lático, que é a causa da chamada “rigidez”.

Sessão de fisioterapia
As massagens esportivas ajudam na recuperação após a prática de esportes. Elas são ideais para melhorar a circulação.

Drenagem linfática

Sua missão é promover a circulação do sistema linfático e prevenir o acúmulo de líquidos, principalmente nas extremidades inferiores. É aplicada em todo o corpo seguindo a direção da circulação de retorno ao coração. Vai dos membros inferiores aos superiores e abdômen, onde mais fluido se acumula, produzindo um aumento de volume em direção ao coração.

Shiatsu

Shiatsu é uma massagem de origem japonesa que é realizada com pressões. Shi: Dedos; Atsu: pressão. Sua técnica é baseada na pressão de diferentes pontos do corpo de forma análoga à acupuntura. Essa pressão nas terminações nervosas flui e equilibra a energia vital (Chi – Qui) mantendo e melhorando a saúde, desbloqueando diferentes áreas do corpo e devolvendo sua função aos órgãos internos.

Massagens reflexas

É um dos tipos de massagem que se baseia na aplicação de pressão em diferentes áreas (pés, orelhas, pontos de gatilho, boca, punho, etc.) distantes da área onde se encontra a enfermidade. Elas aproveitam a comunicação nervosa e energética de diferentes áreas para obter seus efeitos.

Os efeitos terapêuticos baseiam-se na fisiologia dos arcos reflexos nos quais as fibras nervosas coletam informações da área afetada e emitem o comando muscular, vascular ou nervoso pertinente, podendo influenciar ao pressionar um ponto do circuito.

Efeitos da massagem em órgãos e estruturas

Pele

  • Limpeza e remoção de células em descamação (células mortas).
  • Limpeza e esvaziamento dos dutos das glândulas sudoríparas ou sebáceas.
  • Analgesia sensível. Reduz a sensação de desconforto e dor.
  • Vasodilatação. Aumenta o fluxo sanguíneo para a pele, que fica quente e vermelha.
  • Melhora a absorção de cremes ou medicamentos pelos poros.
  • Limpa as descamações do folículo piloso e estimula o seu bulbo.

Tecido adiposo

  • Dissolução das células adiposas por pressão, aumento da temperatura e fluxo sanguíneo.
  • Favorece a reabsorção do tecido adiposo e seu armazenamento como energia de reserva.

Músculos

  • Aumento da temperatura e do catabolismo.
  • Favorece a contratilidade e tonicidade da placa motora.
  • Alivia, atrasa e reduz a fadiga.
  • Promove o retorno da circulação e alivia a massa muscular.

Articulações

  • Aumento da temperatura que favorece a reabsorção do edema evitando a formação de aderências.

Circulação sanguínea

  • Fluxo sanguíneo periférico aumentado. Os capilares carregam mais sangue e mais rápido.
  • Hiperemia: aumento da quantidade de sangue que chega aos tecidos.
  • Maior oxigenação de todas as estruturas do corpo.
  • Melhora o retorno venoso e, portanto, previne a formação de edema e favorece a eliminação de resíduos metabólicos e toxinas.

Aparelho digestivo

  • Favorece os movimentos peristálticos e o funcionamento da digestão.
  • Pode prevenir ou melhorar os processos de constipação ou diarreia.

Sistema nervoso

  • Efeito analgésico: reduz a sensação de dor.
  • Melhora a estimulação dos nervos motores e, portanto, aumenta o tônus ​​muscular, a contratilidade e a força.
  • Promove uma melhor irrigação e, portanto, nutrição dos nervos periféricos.
  • Relaxamento psíquico que ajuda a reduzir a tensão, o estresse e, consequentemente, a sensação de desconforto ou dor.

Efeitos gerais da quiromassagem

Os efeitos da quiromassagem podem ser reunidos em três grandes grupos: mecânico, reflexo e psicológico.

Efeitos mecânicos

  • Maior elasticidade dos tecidos.
  • Pressão e estimulação dos tecidos articulares (ligamentos, músculos, tendões e ossos).
  • Dissolução de contraturas musculares.
  • Aumento da circulação arterial, venosa e linfática que melhora a nutrição e a eliminação de produtos residuais, entre os quais está o ácido láctico, que causa dores.

Efeitos reflexos

  • Equilibra e tonifica o sistema nervoso autônomo.
  • Reduz a dor.

Efeitos psicológicos

  • Relaxamento emocional e psicológico.
  • Melhoria do ritmo do sono e do estado emocional.
  • Aumenta a sensação de bem-estar e promove a ideação motora cerebral.

Conclusão sobre os tipos de massagens e seus efeitos

Os diferentes tipos de massagem têm inúmeras aplicações que melhoram a nossa saúde e bem-estar. No entanto, é importante que sejam aplicados por um profissional, pois uma execução inadequada pode ser contraproducente. 

Pode interessar a você...
4 maneiras de fazer uma massagem erótica no seu parceiro
Melhor Com SaúdeLeia em Melhor Com Saúde
4 maneiras de fazer uma massagem erótica no seu parceiro

A massagem erótica pode ser uma parte essencial dos momentos íntimos do casal e uma maneira muito relaxante e gostosa de expressar nossos sentiment...



  • VÁZQUEZ GALLEGO. Dr. J. “El masaje terapéutico y deportivo”.Ed. Mandala.1991.
  • ­­CORRAL PÉREZ. ISABEL. “El masaje corporal”.Ed. Libsa. ­­
  • FERRÁNDIZ SAGRERA Dr. J. “Masaje en estiramiento y técnicas complementarias” Ed. Mandala.
  • ­­BELLOCH ZIMMERMAN V, CABALLE LANCRY C, ZARAGOZA PUELLES R. “Fisioterapia Teórica y Técnica”.
  • Vairo GL, Miller SJ, McBrier NM, Buckley WE. Systematic review of efficacy for manual lymphatic drainage techniques in sports medicine and rehabilitation: an evidence-based practice approach. J Man Manip Ther. 2009;17(3):e80–e89. doi:10.1179/jmt.2009.17.3.80E
  • Vickers A, Zollman C, Reinish JT. Massage therapies. West J Med. 2001;175(3):202–204.