Remédios naturais eficazes para tratar a poliomielite

· 5 de setembro de 2018
Embora esses remédios sejam muito eficazes no combate à pólio, nunca devemos contrariar a opinião de um especialista ou ignorar o tratamento médico prescrito. Nós podemos combinar ambos

A poliomielite é uma doença infecciosa cuja causa é um vírus que ataca a medula espinhal. Ela afeta o sistema nervoso e a principal consequência é a atrofia muscular e a paralisia. Devemos tratar a poliomielite a tempo, porque é um problema sério que pode levar à morte em pouco tempo.

Neste artigo, vamos compartilhar alguns remédios e técnicas naturais para tratar a poliomielite de forma eficaz e sem efeitos colaterais. Para isso, usaremos plantas e alimentos com propriedades medicinais.

O que é a poliomielite?

A poliomielite é uma doença viral transmitida através da saliva, fezes ou mucosa respiratória e afeta, principalmente, crianças menores de 9 anos. O poliovírus se multiplica no intestino e tem um tempo de incubação entre 3 e 35 dias.

Existem três tipos de vírus, sendo o tipo 1 o responsável pelos casos de paralisia.

Os principais sintomas são os seguintes:

  • Desconforto digestivo
  • Febre
  • Fadiga
  • Inflamação da garganta
  • Dor de cabeça
  • Dores musculares

Se a poliomielite piorar, pode afetar o sistema nervoso central, isto é, o cérebro e a medula espinhal. Além disso, em alguns casos, pode levar à fraqueza muscular e, às vezes, à paralisia (vírus tipo 1).

Tratando a poliomielite com remédios naturais

1. Bebida alcalinizante

A maioria das doenças está relacionada a um organismo acidificado. Tanto uma dieta pobre e hábitos tóxicos quanto as emoções negativas, tendem a aumentar ainda mais a acidez.

Portanto, é essencial nos alcalinizarmos para prevenir e tratar a poliomielite e qualquer outra doença.

Podemos preparar uma bebida alcalinizante e deliciosa da seguinte maneira:

Ingredientes

  • 1 colher de sopa de folhas de chá verde (15 g)
  • 1 colher de chá de gengibre em pó (4 g)
  • 4 xícaras de água (1 litro)
  • Suco de 1 limão
  • Estévia (a gosto)

Preparação

  • Prepare uma infusão de chá verde e gengibre. As plantas não devem ferver, mas apenas ficar na água quente por 5 minutos.
  • Em seguida, adicione o suco de limão e, finalmente, adoce ao seu gosto usando a estévia.

Confira As 6 melhores infusões para dormir

Infusão com limão para tratar a poliomielite

2. Enemas

Para tratar a poliomielite, é essencial equilibrar a função intestinal. Para fazer isso, se você estiver sofrendo de constipação, que é um dos sintomas mais frequentes da doença, podemos realizar enemas para normalizar a evacuação.

  • Para fazer o enema, devemos usar um irrigador específico que seja vendido para essa finalidade.
  • É preciso realizar o procedimento sempre com o estômago vazio e em jejum, seguindo as instruções do fabricante.
  • O ideal é realizar o procedimento de forma espaçada e ir diminuindo à medida que você for notando melhoras, já que o intestino pode se acostumar.

3. Argila na barriga

Outro remédio para melhorar a função intestinal e a saúde em geral é aplicar cataplasmas de argila na barriga. Com este método, conseguimos reduzir a inflamação do intestino e fornecer os minerais contidos na argila. Além disso, é uma técnica muito antiga para curar diversas patologias.

Os cataplasmas são aplicados por pelo menos meia hora. No entanto, idealmente, deixe-os durante a noite ou até que a argila seque.

É essencial lembrar que você não deve usar utensílios ou recipientes de metal ou plástico para manipular a argila, pois ela pode perder suas propriedades.

Não perca o artigo: Conheça 14 usos medicinais da argila

Máscara para tratar a poliomielite

4. Probióticos

Depois de sofrer de alguma doença, de tomar antibióticos ou de padecer qualquer distúrbio intestinal, devemos sempre tomar probióticos.

Esses micro-organismos nos ajudam a repovoar a flora intestinal, fundamental para elevar as defesas naturais e, assim, tratar a poliomielite internamente.

Os probióticos devem sempre ser tomados com o estômago vazio e em jejum, pelo menos, uma hora antes de consumir qualquer alimento. Eles também podem ser tomados à noite se esperarmos duas horas depois do jantar. Podemos consumi-los sazonalmente, ao longo do ano, para melhorar a nossa saúde.

5. Infusões antivirais

Finalmente, podemos completar nosso tratamento natural com infusões antivirais. Existem diferentes tipos de plantas medicinais que fortalecem o sistema imunológico e nos ajudam a combater todos os tipos de vírus. Desta forma, podemos consumi-las para prevenir e tratar a poliomielite.

As plantas com propriedades antivirais são as seguintes:

  • Quiinácea
  • Ipê-roxo
  • Unha-de-gato
  • Orégano
  • Folha de oliveira
  • Romero
  • Tomilho
  • Cúrcuma

É importante notar que estas plantas não devem ser tomadas por um longo período, por isso, recomenda-se combiná-las ou alterná-las e fazer intervalos para não superestimular o sistema imunológico. Em particular, devemos levar isso em conta com a quiinácea, ipê-roxo e a unha-de-gato.

Com a combinação desses remédios naturais, conseguiremos um tratamento muito completo para a poliomielite.