7 problemas que experimentamos por um enfraquecimento do sistema imunológico

· 30 de janeiro de 2018
Ter um sistema imunológico forte e saudável é imprescindível para enfrentar os diferentes vírus e patógenos que nos espreitam diariamente e que podem pôr em risco nossa saúde.

O sistema imunológico é o encarregado de proteger o organismo de substâncias daninhas chamadas antígenos, que incluem vírus, bactérias, toxinas e todo tipo de substâncias estranhas que podem comprometer a saúde.

É composto pelo tecido linfoide, que faz parte da medula óssea, os gânglios linfáticos, partes do tubo digestivo e as amídalas.

Além disso, está comprovado que algumas proteínas e células do sangue também têm a ver com suas funções no corpo.

Uma vez que consiga detectar qualquer dos tipos de antígenos, nosso sistema imunológico aumenta a produção de proteínas chamadas anticorpos e, deste modo, destrói os patógenos para evitar que desenvolvam doenças.

O problema é que a contínua exposição ao estresse, à má alimentação e a algumas doenças podem alterar seu funcionamento até o ponto de impedir que cumpra suas tarefas principais.

Como consequência, aumenta o risco de sofrermos de várias patologias e se desencadeiam algumas reações negativas que afetam a qualidade de vida.

Devido a isso, é primordial detectar os sinais associados ao seu enfraquecimento e, claro, tomar as medidas necessárias para superá-los.

Você conhece esses sinais? Confira aqui.

1. Infecções recorrentes podem indicar o enfraquecimento do sistema imunológico

Rins e bexiga

Visto que o sistema imunológico é o que se encarrega de proteger o organismo frente ao ataque dos vírus, bactérias e fungos, seu deterioramento conduz a desenvolver infecções recorrentes.

Os transtornos do trato urinário, a inflamação e os problemas do sistema digestivo são sinais que indicam que não está respondendo de forma adequada diante do ataque de agente externos.

Visite o artigo: O vírus do HIV foi completamente eliminado do sangue de um paciente britânico

2. Alergias

As reações alérgicas são mais recorrentes em algumas pessoas do que em outras. Apesar de se tratar de uma resposta do sistema imunológico diante de agentes externos como o pólen e o pó, seu desenvolvimento contínuo pode ser sinal de um enfraquecimento neste.

As alterações na pele, a congestão das vias respiratórias e os espirros são razões suficientes para começar a adotar hábitos que fortaleçam nossas defesas.

3. As feridas demoram a sarar

As feridas que demoram em sarar podem indicar o enfraquecimento do sistema imunológico

O tempo de cura das feridas de nosso corpo costuma variar em função de sua causa e gravidade.

Porém, a nível imunológico, suas quedas podem causar lesões que demoram em sarar, aumentando o risco de infecções ou complicações.

Notar que uma ferida demora muito para sarar deve ser o suficiente para suspeitar de um enfraquecimento do sistema imunológico.

4. Gripe e resfriados

A gripe, os resfriados e outros transtornos que afetam as vias respiratórias são o resultado da redução na produção de anticorpos por parte dos mecanismos de defesa do corpo.

A insuficiência de glóbulos brancos, a redução do oxigênio e os transtornos circulatórios influenciam nas complicações deste tipo de problemas.

5. Fatiga e enfraquecimento

O cansaço pode ser um sinal de enfraquecimento do sistema imunológico

A sensação de fatiga pode ser causada por múltiplos fatores aos quais estamos expostos todos os dias.

Porém, quando ocorre de maneira recorrente e sem causa aparente, é muito provável que tenha a ver com as quedas do sistema imunológico.

Nestes casos é comum senti-la desde as primeiras horas do dia, inclusive quando tivemos um bom período de descanso.

Costuma vir acompanhada de um enfraquecimento físico e mental que pode interromper a realização das tarefas cotidianas.

Também pode ser que ocorram mudanças de temperatura, enjoos, náuseas e outros sinais que não devem ser ignorados.

6. Dores musculares

Os níveis altos de estresse, o excesso de atividade física e as deficiências nutricionais têm muito a ver com a diminuição das funções deste sistema do corpo.

Dado que estes também influenciam de forma direta na saúde muscular, as quedas podem causar dores, tensão articular e fortes dores de cabeça.

7. Resposta pobre aos tratamentos

Mulher com gripe por causa do enfraquecimento do sistema imunológico

A maioria das infecções e doenças associadas ao sistema imunológico é tratada com fármacos antibióticos que ajudam a destruir muitos dos vírus e bactérias que as causam.

O problema é que, se este está muito afetado, os efeitos dos medicamentos diminuem e é mais difícil se sobrepor.

Portanto, é preciso reforçar seus efeitos mediante a adoção de uma alimentação saudável e de alta qualidade nutricional.

Os problemas aqui citados não devem ser ignorados sob nenhuma circunstância porque requerem um tratamento oportuno e eficaz.

Ignorá-los ou esperar que piorem pode conduzir a situações mais graves e difíceis de solucionar.

Imagem principal oferecida por © wikiHow.com