Preparação para começar uma dieta extrema

· 18 de janeiro de 2019
Antes de começar uma dieta extrema devemos nos preparar e seguir a indicação de um especialista. Pessoas que sofrem com diabetes ou problemas cardiovasculares não podem adotá-las.

As dietas extremas possibilitam a perda de uma grande quantidade de peso em pouco tempo, mas requerem uma preparação física e mental.

No entanto, caso não se tenha um guia adequado, é bem provável que a abandone, sem conseguir os resultados esperados no início. Para evitar este problema e, acima de tudo, não colocar a saúde em risco, anote os seguintes conselhos.

Procure um especialista

Consulte um médico antes de comeñar uma dieta extrema

As dietas extremas prometem resultados fantásticos, ainda que não sejam recomendadas para todas as pessoas. Quem deve evitá-las a todo custo são as pessoas que sofrem com alguma doença degenerativa, como a diabetes ou problemas cardiovasculares.

Muitas pesquisas vêm mostrando que as dietas extremas podem causar cálculos biliares e complicações que o melhor é evitá-las. Por isso, antes de começar uma dieta extrema procure um especialista, para que determine se o plano é seguro. Lembre-se que sua saúde é o mais importante.

Além disso, não se coloque em risco sob nenhuma circunstância, por mais inovadora que a dieta pareça.

Procurar um especialista permitirá ter expectativas realistas e concretas da quantidade de peso que poderá ser perdida. Lembre que muitos fatores influenciam na perda de peso: sexo, composição corporal, etc. Se considerar necessário, o profissional realizará os ajustes corretos para que tudo funcione adequadamente.

Veja também: Ganhar peso é possível com a dieta hipercalórica

Comece a praticar exercício

As dietas extremas podem te fazer perder uma grande quantidade de peso em um tempo curto. No entanto, para evitar efeitos rebotes, é necessário começar a praticar exercício, bem como torná-lo parte da rotina.

Integrar uma rotina de exercício ao dia a dia facilitará a redução do sobrepeso, antes de começar uma dieta extrema. Os exercícios mais efetivos para perder peso são os que intercalam um exercício de alto impacto com um período de descanso curto.

É possível combinar o exercício cardiovascular com o levantamento de pesos para tonificar o corpo e obter melhores resultados.

Para motivar a prática do exercício, apoie-se em familiares ou amigos; realizar uma atividade acompanhado sempre será mais fácil. Igualmente, é possível focar em atividades divertidas, como dançar, nadar ou até mesmo fazer um esporte extremo.

Não elimine nutrientes essenciais

Mantenha os nutrientes na dietas extremas

A maioria das dietas extremas costuma limitar grande parte dos grupos de alimentos. Dessa forma, mesmo que consiga perder peso, corre o risco de causar transtornos no organismo e perder tônus muscular. Portanto, antes de começar uma dieta extrema, observe se fornece a quantidade mínima de nutrientes requeridos. 

É necessário dar especial atenção a este fator, caso realize atividades que demandem uma grande quantidade de energia. Caso não assegure o fornecimento de nutrientes essenciais, é possível sentir fadiga a todo momento, além disso, o organismo poderá colapsar.

Para gozar de uma boa saúde, devem ser consumidos os diferentes tipos de alimentos. Isso ajudará o organismo a funcionar corretamente, bem como evitará doenças degenerativas, câncer, diabetes, entre outras.

Tome muita água

Ao realizar uma dieta extrema, corre-se o risco de desidratação pela pouca ingestão de alimentos. Por isso, é extremamente recomendado beber água ao longo do dia. Antes de começar uma dieta extrema, beba água suficiente pelo menos por uma semana.

Coloque metas a longo prazo

Ainda que as dietas extremas possam trazer resultados rapidamente, o mais recomendado para evitar o efeito rebote, é traçar metas a longo prazo. Estas dietas podem ser um bom ponto de partida no processo de emagrecimento. No entanto, sua vida depois deverá ser saudável.

Dessa forma, isso inclui comer alimentos de todos os grupos, praticar esportes e dormir corretamente. É bem importante evitar começar uma dieta extrema atrás da outra.

Caso sinta um acúmulo de toxinas no corpo, é possível fazer um processo desintoxicante. Porém, tente não torná-lo muito drástico ou pouco saudável.

Leia também: Legumes: fonte da vida

Os riscos de começar uma dieta extrema sem precauções

Vários estudos indicam que é possível desenvolver problemas cardiovasculares com este tipo de dieta.

Por isso, reduza os riscos escolhendo uma dieta razoável e saudável com altas quantidades de frutas e verduras.