Pancreatite: qual é a dieta mais adequada?

Para não piorar o quadro de pancreatite, é essencial seguir as instruções do especialista e cuidar de nossa dieta.
Pancreatite: qual é a dieta mais adequada?

Última atualização: 18 março, 2022

O pâncreas é um órgão muito importante em nosso corpo: localizado atrás do estômago e na parte superior do abdômen, sua função essencial é secretar hormônios e enzimas no intestino delgado que nos ajudam a digerir os alimentos.

Esses hormônios são a insulina e o glucagon, essenciais para regular o nível de açúcar no sangue. Quando o pâncreas funciona mal, a pancreatite aparece. Vamos contar tudo sobre isso abaixo.

O que é pancreatite?

Um artigo da Biblioteca Nacional de Medicina dos EUA explica que quando o pâncreas fica inflamado, as enzimas que o compõem agem de forma adversa: começam a destruir o tecido do próprio pâncreas porque o reconhecem como “um inimigo”.

Assim, deixam de cumprir sua função tanto no intestino quanto no sangue, resultando em má absorção dos alimentos e consequente desnutrição. Podemos distinguir dois tipos de pancreatite:

  • Pancreatite aguda: ocorre quando a inflamação é devido a um excesso de produção de enzimas, causando lesão no próprio órgão.
  • Pancreatite crônica: inflamação progressiva do pâncreas, que resulta na perda de suas principais funções: má absorção de nutrientes e aumento dos níveis de açúcar no sangue.

Causas da pancreatite

O National Institute of Diabetes and Digestive and Kidney Diseases lista o seguinte como as principais causas de pancreatite:

  • Cálculos biliares alojados no ducto pancreático.
  • Alcoolismo.
  • Efeitos de alguns medicamentos.
  • Fibrose cística, tumores.
  • Malformações genéticas.

Sintomas de pancreatite

A sensação de presença não é patológica

Você provavelmente está se perguntando como saber se tem pancreatite. Claro, você precisará de um exame médico, mas os seguintes sintomas podem indicar a presença desta doença e, claro, a necessidade de consultar um médico.

  • Inchaço abdominal que piora quando terminamos de comer.
  • Vômito.
  • Fezes amareladas.
  • Gás intestinal.
  • Erupções cutâneas.
  • Hipotensão.

Dieta recomendada para pancreatite

Antes de mais nada, lembremos que esta é uma doença muito grave que requer tratamento médico adequado e supervisão constante. O que disponibilizamos aqui são dicas simples, orientações para melhorar sua qualidade de vida, mas nunca esqueça que a primeira palavra é sempre a do seu médico.

A alimentação quando se sofre de pancreatite é muito importante, por isso mostraremos quais são as coisas que você não deve comer. Claro, se você sofre desta doença, deve consultar um nutricionista para determinar a dieta mais adequada para você.

Alimentos proibidos

Cafeína, proibida quando você tem pancreatite

Como regra geral, é aconselhável evitar as seguintes bebidas e alimentos, pois podem ser irritantes e contribuir para o agravamento dos sintomas:

  • Álcool
  • Cafeína
  • Chocolate
  • Alimentos com excesso de carboidratos (já que sobrecarregam o pâncreas)
  • Doces industriais
  • Alimentos ricos em gordura
  • Temperos fortes
  • Refrigerantes, biscoitos
  • Leite de vaca
  • Comida crua

Dieta recomendada

Já falamos sobre os alimentos que você deve evitar quando tem pancreatite, agora vamos ver algumas dicas de alimentação mais comuns:

  • Evite ingestões abundantes. É melhor comer 5 a 6 vezes ao dia em pequenas quantidades.
  • Calorias recomendadas: Normalmente as pessoas afetadas pela pancreatite precisam de um equilíbrio entre 30 a 35 calorias por kg de peso corporal.
  • Pão e cereais: geralmente são pobres em gordura, além de serem uma fonte de calorias para sua dieta. O melhor é sempre escolher produtos integrais (ricos em magnésio e selênio), como arroz integral e pão integral. Consuma meia xícara por dia de arroz ou macarrão, uma xícara de cereais prontos para consumo, dois biscoitos de arroz, por exemplo, com suas refeições.
  • Legumes: São isentos de gordura e possuem grandes quantidades de Vitamina A, Vitamina C, ácido fólico e potássio. Eles também são ricos em antioxidantes.
  • Tente comer pelo menos três porções de vegetais diferentes por dia, você tem opções muito saudáveis e apetitosas: pimentão, tomate, couve-flor, espinafre, cogumelos, brócolis, couve de Bruxelas, etc.
  • Frutas: Básicas em sua dieta e muito ricas em nutrientes. Inclua dois ou mais porções por dia, experimente, por exemplo, peças pequenas, em compota, assadas ou mesmo raladas. Um exemplo seria um copo de pequenos pedaços de laranja com kiwi ou maçã com pêra.
  • Carnes e substitutos: Sua dieta precisa de proteínas, ferro e zinco. Por isso, recomenda-se, por exemplo, o consumo de aves sem pele (têm menos gordura), peixes ou carnes magras. Leguminosas como grão de bico e lentilhas podem ajudá-lo a atingir níveis adequados de ferro e proteína e são uma melhor opção
  • Dos ovos consuma a clara e com moderação a gema.

Ervas benéficas para pancreatite

Se você gosta de chás, pode desfrutar destas bebidas que, acredita-se, ajudam a melhorar o funcionamento do pâncreas:

  • Boldo
  • Camomila.
  • Cominho, anis verde ou funcho

Consulte o seu médico sobre o melhor tratamento para a pancreatite e a dieta que deve seguir para melhorar os sintomas. Lembre-se: ninguém melhor do que ele pode aconselhá-lo.

This might interest you...
Pancreatite aguda: sintomas, causas e tratamento
Melhor Com Saúde
Leia em Melhor Com Saúde
Pancreatite aguda: sintomas, causas e tratamento

A pancreatite aguda pode ser tratada e aliviada na maioria dos casos. Quando ocorrem complicações, a situação se torna mais perigosa.