O que são as facetas dentárias?

As facetas dentárias são um procedimento estético que melhora a aparência dos dentes. Atualmente este é um tratamento muito solicitado na odontologia. Em que consiste? Descubra a seguir.
O que são as facetas dentárias?

Última atualização: 19 Março, 2021

Nos últimos anos, as facetas dentárias têm se popularizado no tratamento odontológico pois contribuem para a estética dentária. Em geral, este é um procedimento que permite desenhar uma prótese com um aspecto bastante natural. Além disso, também protege os dentes contra danos. Quer saber mais sobre isso?

O que é a estética dentária?

Em primeiro lugar, para compreender as funções das facetas dentárias, devemos explicar o que é a estética dentária e para que ela é utilizada. A estética dentária é um ramo da odontologia responsável por melhorar a aparência dos dentes para que a pessoa possa ter um sorriso mais bonito. Em geral, ajuda a resolver problemas como:

  • Assimetria dentária.
  • Cores escuras nos dentes.
  • Separação entre os dentes anteriores (diastemas).
  • Fraturas dentais.
Clareamento dental
O clareamento dentário é um dos procedimentos que favorecem a estética bucal.

Desta forma, para tratar esses problemas dentáriosencontramos uma série de procedimentos adaptados de acordo com o caso:

  • Clareamento dental.
  • Facetas dentárias.
  • Outros tratamentos restauradores.

Com isso, hoje são inúmeras as possibilidades de alcançar uma estética dentária ideal e gere satisfação nas pessoas. Algumas delas são feitas em uma única sessão, deixando excelentes resultados. No entanto, devemos garantir a manutenção de uma higiene oral adequada.

Todos esses fatores, somados aos exames periódicos com o dentista, garantem que a cavidade oral permaneça em boas condições. Agora, vamos ver o que são as facetas dentárias e quais são as suas vantagens.

O que são as facetas dentárias?

As facetas estéticas dentárias são compostas por finas lâminas de diversos materiais, como porcelana, cuja espessura pode variar entre 0,8 e 1,5 milímetro. Elas são instaladas na superfície da face externa dos dentes, de forma que camuflam o dente natural.

Hoje em dia este é um dos procedimentos estéticos odontológicos mais procurados, pois costuma resolver diversos problemas que deixam os dentes com uma aparência ruim, como mudanças de cor, diastemas, posicionamentos errados ou alterações na forma.

Além disso, esta restauração deixa um acabamento natural, pois cobre apenas a parte frontal dos dentesNormalmente é necessário fazer um pequeno entalhe da peça para atingir uma espessura final adequada ao colar a faceta. Esta é colada ao dente com um cimento adesivo especial que permite uma fixação duradoura.

Quantas visitas são necessárias para colocar as facetas dentárias?

Para realizar este tratamento são necessárias várias consultas odontológicas. Infelizmente, não é algo permanente. Ao fazer a consulta, o profissional costuma ser informado sobre o caso individual de cada paciente e faz um diagnóstico. A partir deste último, determina o melhor tratamento para o problema.

Mulher no dentista
O procedimento de instalação das facetas dentárias requer várias visitas ao consultório odontológico. Qualquer dúvida a este respeito será resolvida pelo profissional.

Posteriormente, são mostrados ao paciente os vários tons e resultados para que ele possa ver como seria o efeito final do tratamento. Na segunda visita, os dentes são preparados para a colocação das facetas, tirando medidas, fotos e moldes para que fiquem da melhor maneira possível.

Por fim, as facetas são colocadas com uma resina, para que o paciente não perca a funcionalidade da sua cavidade oral. Feitas de compósito ou porcelana, as facetas dentárias corrigem qualquer tipo de defeito de cor, tamanho e formato do dente.

Em algumas clínicas odontológicas com equipamentos mais modernos, pode ser possível fazer a escultura e a confecção da faceta no mesmo dia.

Quanto tempo as facetas dentárias duram na boca?

A duração deste tratamento depende do material escolhido para a sua fabricação. Vejamos a seguir as características das opções disponíveis.

1. Facetas de porcelana

São confeccionadas com um material cerâmico, mais forte e resistente. Esse tipo de restauração é indicado para quem tem condições mais graves, como fratura dos dentes, uma grande área a ser restaurada ou separação entre os dentes. É uma opção cara, embora a cor seja mais natural e elas sejam mais resistentes. Geralmente duram entre 10 e 15 anos.

2. Facetas de resina composta

Elas são feitas com uma resina sintética que adere ao dente e é moldada e trabalhada no próprio dente. É indicada quando há uma pequena anormalidade. É uma solução econômica quando a área a ser restaurada é pequena ou não muito grande. Também é rápida, pois as facetas podem ser colocadas em uma sessão.

Cada dente deve ser feito separadamente e, às vezes, o dente original deve ser retocado. Elas duram entre 5 e 10 anos. Além disso, a durabilidade também dependerá da qualidade do tratamento estético dentário e dos cuidados posteriores do paciente.

Colocar facetas dentárias
A durabilidade das facetas dentárias depende de como é feito o procedimento e, principalmente, do material das mesmas.

As facetas de resina duram menos e perdem a cor, exigindo retoques subsequentes. As facetas de porcelana são mais duráveis, podem ser mantidas pelo tempo estipulado e retiradas posteriormente sem risco.

Pode ser que uma faceta descasque. Nesse caso, ela pode ser limpa e reaplicada se não tiver sido danificada.

Contraindicações das facetas dentárias

As facetas dentárias não devem ser colocadas quando o defeito a ser corrigido for muito grave ou o dente estiver muito destruído. Nesse caso, devemos usar outros tratamentos, como as coroas.

No caso de o paciente apresentar forte erosão do esmalte dentário devido a, por exemplo, bruxismo, o dente deve ser esculpido, o que pode destruí-lo. Quando o defeito a ser resolvido é provocado por cáries, as facetas só escondem a origem e podem agravar a situação.

Pode interessar a você...
Como cuidar dos dentes no verão
Melhor Com SaúdeLeia em Melhor Com Saúde
Como cuidar dos dentes no verão

Você quer saber como cuidar dos dentes no verão? Nesta estação, costumamos sair mais de casa e não damos tanta atenção à higiene bucal.



  • Pini NP, Aguiar FH, Lima DA, Lovadino JR, Terada RS, Pascotto RC. Advances in dental veneers: materials, applications, and techniques. Clin Cosmet Investig Dent. 2012;4:9–16. Published 2012 Feb 10. doi:10.2147/CCIDEN.S7837
  • Alothman Y, Bamasoud MS. The Success of Dental Veneers According To Preparation Design and Material Type. Open Access Maced J Med Sci. 2018;6(12):2402–2408. Published 2018 Dec 14. doi:10.3889/oamjms.2018.353
  • Vanlıoğlu BA, Kulak-Özkan Y. Minimally invasive veneers: current state of the art. Clin Cosmet Investig Dent. 2014;6:101–107. Published 2014 Nov 28. doi:10.2147/CCIDE.S53209
  • Rotoli, B. T., Lima, D. A. N. L., Pini, N. P., Aguiar, F. H. B., Pereira, G. D. S., & Paulillo, L. A. M. S. (2013). Porcelain veneers as an alternative for esthetic treatment: Clinical report. Operative Dentistry38(5), 459–466. https://doi.org/10.2341/12-382-T