Ervas medicinais para tratar o ácido úrico

14 Outubro, 2018
Para manter os níveis de ácido úrico equilibrados, devemos ficar atentos à alimentação e incluir determinadas infusões na dieta, como a de alcachofra ou cardo-mariano, para estimular a eliminação de purinas.

O ácido úrico é um problema muito comum atualmente. Hábitos de vida incorretos e uma má alimentação são, sem dúvida, os principais fatores que causam o surgimento desses resíduos metabólicos em nosso sangue.

A seguir, explicaremos o que a natureza pode fazer por você caso sofra com os efeitos do ácido úrico.

Conheça as plantas medicinais mais indicadas para seu tratamento.

Plantas medicinais ideais para diminuir o ácido úrico do organismo

o ácido úrico

Todos temos um nível de ácido úrico no organismo, mas enquanto esse nível estiver equilibrado não há problema.

Entretanto, quando nos alimentamos de forma incorreta, acumulamos o que se conhece como purina, que são rejeitos procedentes da contaminação das proteínas de carnes animais, além do café e das bebidas alcoólicas, principalmente.

E o que acontece quando existe um excesso de ácido úrico no corpo? Surge o que conhecemos como gota, que nada mais é do que a dor nas articulações causada por uma inflamação.

E atenção: o risco mais extremo que podemos sofrer é quando ocorrem falhas renais ou hepáticas. Assim, é preciso ter cuidado.

Outro dado a considerar é que o ácido úrico causa uma elevação do pH do sangue, podendo provocar falhas em diferentes órgãos, queda das defesas do organismo, cansaço, doenças, fragilidade óssea, etc.

Então, o que fazer para reduzir a incidência de ácido úrico e evitar esses problemas graves?

Primeiramente, eliminar o consumo de carnes vermelhas, proteínas animais, gorduras, embutidos, álcool, farinhas refinadas, sal, açúcar, refrigerantes, etc.

Ao mesmo tempo, é preciso melhorar a alimentação, aumentando o consumo de vegetais, frutas, cereais.

É ideal, por exemplo, aumentar o consumo de aveia, morangos e cítricos como limão, toranja, laranjas, etc. São opções maravilhosas!

Leia também: Como fazer um remédio de cítricos para aumentar as defesas

Além disso, também é interessante conhecer as plantas medicinais que podem nos ajudar.

Obviamente, elas não vão substituir nenhum medicamento, mas servirão como um excelente complemento, como infusões que se tomadas diariamente ajudarão a depurar o sangue.

Conheça melhor algumas delas a seguir:

1. Plantas diuréticas que eliminam as purinas

o ácido úrico

Anote: cavalinha, dente-de-leão e infusão de alcachofra são ingredientes que permitirão eliminar o excesso de líquidos, depurar toxinas, limpar o sangue e o sistema linfático e facilitar um efeito diurético excelente.

Aumentar a eliminação da urina nos ajudará precisamente a eliminar toda essa purina que as infusões limparão de nosso organismo. Será realmente benéfico.

Também é muito positivo tomar as infusões depois das refeições principais.

Você pode escolher a que te parecer melhor para cada momento, pois todas elas são ideais para tratar o ácido úrico.

Leia também: 3 infusões de funcho para perder peso

2. O efeito protetor do cardo-mariano  para controlar o ácido úrico

o ácido úrico

Sem dúvida, você já conhece as grandes virtudes do cardo-mariano.

É um grande protetor do fígado e de todas as funções hepáticas que incluem seu efeito depurante, a formação de proteínas e a transformação de amoníaco em ureia.

O cardo-mariano oferece antioxidantes e ajuda o fígado a depurar.

Tudo isso contribui, por sua vez, para a limpeza do sangue, livrando-o da purina e dos excessos de proteínas que acabam se degradando em nosso corpo.

Que tal se começar o dia com uma infusão de cardo-mariano? É possível encontra-lo em lojas naturais tanto como infusão quanto em comprimidos. É uma planta fantástica!

3. O harpago ou “garra-do-diabo” para desinflamar

o ácido úrico

Ela não é muito conhecida, mas vale a pena experimentar os efeitos dessa raiz terapêutica e curativa.

É magnífica para tratar esse tipo de doença, pois age diretamente em nossos músculos e nossas articulações, diminuindo a inflamação causada pelo acúmulo do ácido úrico.

Se você já sofre de gota, te ajudará muito, aliviando a dor e melhorando a mobilidade das articulações.

Também pode ser encontrada em lojas de produtos naturais e é perfeita para tomar como analgésico natural sempre que sentir dor.

Não se esqueça: é a raiz do harpago.

  • Minguela Pesquera, J. I., Hernando Rubio, A., Gallardo Ruiz, I., Martínez Fernández, I., García Ledesma, P., Muñoz González, R. I., … Montenegro Martínez, J. (2011). La hiperuricemia como factor de riesgo cardiovascular y renal. Dialisis y Trasplante. https://doi.org/10.1016/j.dialis.2011.03.002
  • Maiuolo, J., Oppedisano, F., Gratteri, S., Muscoli, C., & Mollace, V. (2016). Regulation of uric acid metabolism and excretion. International Journal of Cardiology. https://doi.org/10.1016/j.ijcard.2015.08.109
  • Menè, P., & Punzo, G. (2008). Uric acid: Bystander or culprit in hypertension and progressive renal disease. Journal of Hypertension. https://doi.org/10.1097/HJH.0b013e32830e4945
  • MedlinePlus. Ácido úrico en la sangre. https://medlineplus.gov/spanish/ency/article/003476.htm
  • Arthritis Society. Gout and nutrition. https://arthritis.ca/living-well/optimized-self/eating-well/gout-and-nutrition
  • Nutrients. 2019 Aug; 11(8): 1736. Published online 2019 Jul 26. Uric Acid and Plant-Based Nutrition. doi: 10.3390/nu11081736
  • J Altern Complement Med. 2009 Aug; 15(8): 929–934. The Diuretic Effect in Human Subjects of an Extract of Taraxacum officinale Folium over a Single Day. doi: 10.1089/acm.2008.0152
  • PennState Hershey. Horsetail. http://pennstatehershey.adam.com/content.aspx?productid=107&pid=33&gid=000257
  • Food Technol Biotechnol. 2016 Dec; 54(4): 455–461. Assessment of the Antioxidant Activity of Silybum marianum Seed Extract and Its Protective Effect against DNA Oxidation, Protein Damage and Lipid Peroxidation. doi: 10.17113/ftb.54.04.16.4323