Conheça a dieta ideal para cada tipo de corpo

De acordo com algumas crenças, o tipo de corpo pode fornecer uma pista sobre a melhor dieta para ficar saudável e estar em forma.
Conheça a dieta ideal para cada tipo de corpo

Última atualização: 17 Dezembro, 2020

Você percebeu que tende a acumular gordura em certas partes do corpo? Quer atingir o seu peso ideal, mas não sabe qual dieta deve adotar? Se sua resposta for sim, você deve saber que, de acordo com algumas crenças, existe uma dieta ideal para cada tipo de corpo.

A seguir, vamos contar mais sobre esse assunto que recentemente despertou o interesse de várias pessoas. Você quer descobrir mais? Vamos lá!

Uma dieta para cada tipo de corpo

Segundo algumas crenças, cada tipo de corpo deve ser mantido com uma dieta específica. Dessa forma, seria mais fácil mantê-lo saudável e em forma. Fácil, certo?

O psicólogo e pesquisador americano William Herbert Sheldon afirmou em 1940 que havia três tipos de corpo:

  • Ectomorfo
  • Mesomorfo
  • Endomorfo

Em termos gerais, a ideia é que cada tipo de corpo tenha um temperamento específico (somatótipo) e características físicas que o tornam mais sujeito a alguns problemas do que a outros.

A partir dessa base, houve quem considerasse que, conhecendo seu tipo corporal, você terá a chave para manter uma alimentação ideal para si.

Fonte: britannica.com/science/somatotype

Corpo ectomorfo ou “tipo tubo"

As pessoas com o corpo ectomorfo ou tipo tubo são magras. Portanto, esse grupo inclui pessoas que têm dificuldade em ganhar peso.

É importante consultar o médico para descartar qualquer doença que possa ser a causa da dificuldade para ganhar peso. Embora, geralmente, esse corpo tenha pouca gordura, apresenta dificuldades para ganhar massa muscular.

Dieta ideal

A dieta ideal nesse caso é a que mantém as seguintes proporções dos grupos de alimentos:

  • Carboidratos: 55%
  • Proteína: 25%
  • Gordura: 20%

É importante que você inclua na sua dieta os seguintes alimentos:

  • Leguminosas.
  • Oleaginosas.
  • Azeite de oliva.
  • Carnes magras.
  • Laticínios e ovos.
  • Cereais integrais.
  • Legumes e frutas (abacate).

Exercício físico

Quanto ao exercício físico, esse tipo de corpo é bom para a prática de exercícios de musculação mais frequentes. Exercícios com pesos ou alta demanda física são os mais adequados para o desenvolvimento muscular.

Os agachamentos e outros exercícios de fortalecimento muscular são úteis para dar uma aparência melhor aos glúteos.

Corpo mesomorfo ou “formato de maçã"

As mulheres com corpo mesomórfico, também conhecido como “corpo em forma de maçã", têm tendência a acumular gordura na região da cintura. Quando há um aumento de peso, as irritantes “pochetes" serão formadas na área abdominal.

Dieta ideal

Se você pertence a esse grupo de mulheres, é recomendável que a sua dieta contenha as seguintes proporções:

  • Carboidratos: 40%
  • Proteínas: 30%
  • Gordura: 30%

Os alimentos que você deve incluir em sua dieta são:

  • Frutas e vegetais.
  • Carnes magras.
  • Laticínios com pouca gordura.
  • Oleaginosas e sementes.
  • Grãos integrais e legumes.

Além disso, os alimentos que você deve evitar na medida do possível são:

  • Farinha refinada.
  • Refrigerantes.
  • Frituras e enlatados.
  • Junk food ou alimentos processados.

Exercício físico

Esse grupo é considerado “geneticamente sortudo" porque tem mais facilidade para perder peso e modelar o corpo. Com a prática de exercícios regulares, combinando atividades cardiovasculares e de força, será suficiente para manter o peso adequado e tonificar os músculos.

Corpo endomorfo ou “corpo tipo pera"

Esse grupo se caracteriza por ter um metabolismo lento. Podem ser pessoas propensas a sofrer com excesso de peso, obesidade e outros distúrbios metabólicos. O aconselhável nesses casos é diminuir o número de calorias diárias.

Dieta ideal

Se você faz parte desse grupo, tente incluir no seu dia a dia:

  • Gorduras saudáveis, como o azeite de oliva e abacate.
  • Frutas e vegetais ricos em água.
  • Cereais integrais.
  • Carnes magras e peixe.

Minimize o consumo de:

  • Alimentos ricos em sódio.
  • Junk food e processados.
  • Açúcar ou refrigerantes.
  • Doces e produtos de panificação.

Exercício físico

Para suplementar a dieta, os endomorfos devem gastar cerca de 30 minutos por dia com exercícios aeróbicos com ritmo moderado.

  • Caminhar, correr ou andar de bicicleta são algumas das atividades ideais para ajudar a equilibrar o peso corporal.
  • Quando começar a perder peso, é indicado incluir exercícios de força na rua rotina, duas ou três vezes por semana.
Existe uma dieta ideal para cada tipo de corpo?

Recomendamos a leitura: Alimentos para depois do exercício

Cada corpo tem suas necessidades

É claro que nem todos os organismos são iguais ou têm as mesmas necessidades. Por exemplo, uma pessoa sedentária não precisa comer o mesmo que uma pessoa que se prepara para ser um atleta olímpico.

Contudo, isso significa que existe uma dieta ideal para cada tipo de corpo? Não. Na verdade, isso significa que cada pessoa tem uma série de necessidades diferentes, dependendo de vários fatores, como saúde, estilo de vida, histórico familiar, etc.

Portanto, saber o que é bom para cada tipo de corpo é uma questão que deve ser avaliada por profissionais de Saúde e Nutrição.

Ao receberem orientações do médico ou da nutricionista, muitas pessoas consideram que podem recorrer – pontualmente – a modelos de dieta, de forma que possam melhorar seus hábitos de vida, aos poucos.

Quando se trata de querer perder peso ou simplesmente ficar em forma, lembre-se de que o melhor que você pode fazer é consultar seu médico e seguir suas orientações para encontrar a dieta ideal para você e não colocar sua saúde em risco.



  • Sillero, M. (2010). Composición Corporal. Nutrición y Dietética.

  • Sánchez, R. M., Galvis, G., & Victoriano, P. F. (2003). Relacion Entre Caracteristicas Del Tracto Digestivo Y Los Habitos Alimentarios De Peces Del Rio Yucao, Sistema Del Rio Meta (Colombia). Gayana (Concepción). https://doi.org/10.4067/S0717-65382003000100010

  • FAO. (2015). Macronutrientes y micronutrientes. Organización de Las Naciones Unidas Para La Alimentación y La Agricultura.