Desogestrel: indicações e reações adversas

A indicação terapêutica do desogestrel é a contracepção. Desogestrel deve ser tomado diariamente e sem interrupção.
Desogestrel: indicações e reações adversas

Última atualização: 09 Fevereiro, 2021

Desogestrel é um progestagênio usado para fins contraceptivos. A progesterona natural, é secretada pelo corpo lúteo na segunda fase do ciclo menstrual e pela placenta na gravidez. Por outro lado, os testículos e o córtex adrenal também secretam pequenas quantidades de progesterona.

Mas quais são as indicações e reações adversas do desogestrel? Nós falaremos sobre isso nas linhas a seguir.

Indicações do Desogestrel

A indicação terapêutica do desogestrel é a contracepção. Existem dois tipos principais de anticoncepcionais orais:

  • Combinações de um estrogênio com um progestagênio: a pílula combinada.
  • Contracepção hormonal só de progestagênio: pílula unicamente com progestagênio.

Atualmente, a maioria das formulações contraceptivas orais usa progestagênio isolado ou desogestrel na dose de 75 microgramas.

O desogestrel deve ser tomado diariamente e sem interrupção. Os comprimidos devem ser tomados todos os dias aproximadamente à mesma hora, para que o intervalo entre dois comprimidos seja sempre de 24 horas.

O primeiro comprimido será tomado no primeiro dia da menstruação. Posteriormente, um comprimido é tomado diariamente de forma contínua, independentemente do sangramento que possa ocorrer. Um novo blister será iniciado no dia seguinte de finalizado o anterior.

Desogestrel é um tipo de pílula anticoncepcional

Qual é o seu mecanismo de ação?

Seu mecanismo de ação é exercido principalmente no muco cervical, que se torna inóspito para o esperma. No entanto, nem sempre impede o óvulo de amadurecer, que é a principal ação das pílulas combinadas.

Quer saber mais? Então leia: Pode o muco cervical indicar a gravidez?

Além disso, ao contrário da pílula combinada, o desogestrel pode ser usado por mulheres que não toleram estrogênio e mulheres que estão amamentando.

Possíveis efeitos colaterais do desogestrel

Como todos os medicamentos, o desogestrel pode causar alguns efeitos colaterais:

Um dos efeitos adversos mais comuns que podem ocorrer é o sangramento vaginal irregularPode ser uma leve mancha, que nem mesmo requer o uso de absorvente, ou um sangramento mais intenso, que parece uma menstruação rala e requer o uso de proteção sanitária.

Também pode acontecer que o sangramento nunca apareça. O sangramento irregular não é um sinal de que a proteção contraceptiva do desogestrel está diminuindo, mas se o sangramento for intenso ou prolongado, consulte o seu médico.

Os efeitos adversos comuns devido ao desogestrel são classificados como aqueles que foram descritos em 1 em cada 10 mulheres:

  • Acne.
  • Náusea.
  • Dor de cabeça.
  • Aumento de peso.
  • Dor nos seios.
  • Diminuição do desejo sexual ou libido.
  • Mudanças de humor ou leve depressão.
  • Menstruação irregular ou ausência de menstruação.
O uso da pílula durante a gravidez

Efeitos secundários pouco frequentes são os que afetam menos de 1 em 100 mulheres:

  • Vômito.
  • Cansaço.
  • Perda de cabelo.
  • Dor menstrual.
  • Cistos no ovário.
  • Infecções vaginais.
  • Desconforto ao usar lentes de contato.

Foram relatados casos raros de problemas de pele que afetaram menos de 1 em 1.000 mulheres, como:

  • Erupções cutâneas.
  • Urticária.
  • Eritema na pele.

Além desses efeitos adversos, pode ocorrer corrimento mamário e muito raramente casos de gravidez ectópica, ou seja, uma gravidez que ocorre fora da cavidade uterina.

Contraindicações

Sempre siga as instruções do seu ginecologista e tenha em mente que você não deve tomar desogestrel se:

  • Você sofreu um distúrbio tromboembólico venoso ativo.
  • Houver histórico de distúrbios hepáticos graves.
  • Tiver sangramento vaginal não diagnosticado.
  • Você for hipersensível à substância ativa do desogestrel ou a qualquer um de seus excipientes.
Pode interessar a você...
É perigoso tomar anticoncepcionais durante a gravidez?
Melhor Com SaúdeLeia em Melhor Com Saúde
É perigoso tomar anticoncepcionais durante a gravidez?

É perigoso tomar anticoncepcionais durante a gravidez? Hoje, explicaremos se as substâncias químicas dos anticoncepcionais podem afetar o bebê.



  • Rang HP, Dale MM, Ritter JM, Flower RJ, Henderson G. Fármacos que actúan sobre sistemas orgánicos principales. Farmacología 7ª edición. 2007; 421-426.
  • Agencia Española de Medicamentos y Productos Sanitarios (AEMPS). CIMA. Ficha técnica de Cerazet 75 mcg.
  • Fisterra salud. La píldora anticonceptiva combinada. https://www.fisterra.com/Salud/1infoConse/AHcombinada.asp