Dicas para cuidar do seu estojo de maquiagem

Bactérias como E.coli e S. aureus podem infectar feridas ou encontrar vias de entrada através da pele. Portanto, é fundamental garantir a higiene adequada do estojo de maquiagem.
Dicas para cuidar do seu estojo de maquiagem

Última atualização: 27 Dezembro, 2020

Seu estojo de maquiagem pode acumular inúmeras bactérias capazes de causar várias infecções, principalmente em esponjas, se você não as limpar pelo menos uma vez por semana. Com base em evidências obtidas nos estudos realizados, pode-se afirmar que as esponjas de maquiagem abrigam micro-organismos como E. coli e S. aureus.

Estima-se que uma alta porcentagem dos utensílios usados ​​diariamente para maquiagem contenha uma carga bacteriana significativa. Isso foi comprovado a partir de uma pesquisa realizada por médicos da Faculdade de Ciências da Vida e da Saúde da Universidade de Aston, em Birmingham (Reino Unido).

Objetivo do estudo sobre o estojo de maquiagem

O objetivo do estudo foi analisar o tipo e a extensão da contaminação em cinco produtos cosméticos de uso diário, como batom, rímel, delineador, brilho labial e esponjas de maquiagem.

As esponjas de maquiagem estão entre os produtos cosméticos mais vendidos no mundo. Os produtos que participaram do estudo eram de pessoas diferentes e de origens diversas. Para conhecer sua carga de micro-organismos, foram realizadas culturas bacteriológicas.

Higiene da maquiagem

As evidências sugerem que objetos como pincéis de maquiagem e esponjas contêm bactérias potencialmente infecciosas.

Quais informações o estudo forneceu sobre os estojos de maquiagem?

Os resultados do estudo dos artigos de maquiagem revelaram a presença de bactérias em nove dos dez cosméticos testados. As bactérias presentes neles podem dar origem a infecções de pele e, inclusive, a infecções generalizadas, principalmente se você usar cosméticos em áreas próximas à boca e olhos. Por outro lado, o perigo aumenta se, por qualquer motivo, eles acabarem entrando em uma ferida na pele.

Especificamente, em todos os cosméticos foram encontradas bactérias de Staphylococus aureus, Escherichia coli e Citrobacter freundii, micro-organismos que constituem um risco para a saúde.

Tipos de infecção

As bactérias como E. coliS. aureus podem infectar feridas ou encontrar vias de entrada através da pele, levando a uma infecção. Geralmente, as infecções que podem ser causadas são de natureza variada.

A infecção pode ser localizada e leve ou localizada e mais grave. No caso de pessoas com o sistema imunológico enfraquecido, pode até causar uma infecção generalizada.

O nível de carga de bactérias é alto nas esponjas de maquiagem. A principal razão para esta carga bacteriana significativa é a falta de higiene. Em uma alta porcentagem de casos, as esponjas analisadas nunca foram lavadas.

Além disso, deve-se levar em consideração que geralmente elas são mantidas úmidas, o que contribui para a proliferação de bactérias. Por esse motivo, a esponja em seu estojo de maquiagem é mais suscetível a ser contaminada.

Limpeza dos itens de maquiagem
Garantir a limpeza adequada dos elementos usados ​​na maquiagem é a melhor forma de evitar infecções.

Dicas para cuidar do seu estojo de maquiagem

Não se esqueça de que qualquer esponja, seja a de limpeza facial ou a de maquiagem, acaba sendo uma fonte de bactérias. Portanto, procure mantê-las limpas e, sempre que possível, guarde-as somente depois que estiverem bem secas.

A umidade é um terreno fértil para as bactérias depositadas na esponja do seu estojo de maquiagem. Quando a sua pele entra em contato com produtos contaminados por bactérias e outros micro-organismos patogênicos, fica vulnerável a problemas de saúde.

Por esse motivo, os fabricantes garantem que tanto os prazos de validade quanto os requisitos de limpeza destes tipos de produtos cosméticos sejam claros e bem visíveis na embalagem. Por isso, quando for comprar esse tipo de produto, observe os símbolos que aparecem na embalagem.

As normas da União Europeia exigem o cumprimento estrito dos padrões de higiene na sua fabricação. Por isso estabelecem, no caso específico da E. coli, a exigência de que nenhuma presença dessa bactéria seja observada em produtos cosméticos recém-fabricados.

Mantenha uma limpeza regular

Além de verificar o prazo de validade dos produtos cosméticos, é preciso adquirir o hábito de limpar as esponjas regularmente para evitar riscos de contaminação bacteriana.

Pode interessar a você...
5 formas de desinfectar os pincéis de maquiagem
Melhor Com SaúdeLeia em Melhor Com Saúde
5 formas de desinfectar os pincéis de maquiagem

Ainda que não pareça necessário, é imprescindível limpar os pincéis de maquiagem depois de cada uso para melhorar sua eficácia e evitar infecções.



  • Bashir, A., & Lambert, P. (2019). Microbiological study of used cosmetic products: highlighting possible impact on consumer health. Journal of Applied Microbiology, 128(2), 598–605. https://doi.org/10.1111/jam.14479
  • Dadashi L, Dehghanzadeh R. Investigating incidence of bacterial and fungal contamination in shared cosmetic kits available in the women beauty salons. Health Promot Perspect. 2016;6(3):159‐163. Published 2016 Aug 10. doi:10.15171/hpp.2016.25
  • CÁMARA VALERO, S. (2014). Maquillaje Facial. Revista Funcae Digital.
  • Parra, P. (2015). COSMÉTICOS: se ajustan los procesos de producción. 253.