6 passos para tratar uma ferida infectada

28 Julho, 2020
Quantas vezes você já se deparou com uma lesão e não sabia o que fazer? A seguir, mostramos como tratar uma ferida infectada passo a passo.
 

Distração, pressa e cansaço podem causar pequenos acidentes dentro e fora de casa. É comum que, ao nos machucarmos, tenhamos como consequência uma ferida. Se não cuidarmos dela, isso pode trazer consequências sérias para a saúde; portanto, é importante tratar qualquer ferida infectada o mais rápido possível.

Quais são os fatores de risco para infecção?

Tratar uma ferida infectada para evitar complicações
Se não removermos rapidamente a sujeira de uma ferida, há um risco aumentado de infecção.

É mais provável que uma ferida seja infectada se:

  • Não for limpa ou tratada nas 8 horas seguintes ao seu surgimento.
  • For o resultado de um machucado, por exemplo, com um prego ou vidro quebrado.
  • Tiver sujeira ou saliva.
  • For o resultado de uma mordida de um humano ou animal.
  • Demorar muito tempo para curar.
  • Ocorrer em uma pessoa diabética, alcoólatra ou com o sistema imunológico debilitado.

Quer mais dicas? Então leia: Como as feridas são classificadas

Como saber se a ferida está infectada?

Se você não sabe ao certo se a ferida está infectada, pode confirmar com qualquer um destes sinais:

  • Febre local ou geral, acompanhada de vermelhidão contínua da área, inchaço nas bordas e sensibilidade.
  • Dor persistente, mesmo com movimentos leves. Em casos extremos, o machucado pode latejar.
 
  • Presença de pus.
  • Ausência de sinais de cicatrização.
  • Aspecto e cheiro desagradáveis.

Todos esses sinais podem dar a certeza de que a área está infectada por alguma bactéria; portanto, devemos tratá-la com muito cuidado antes que piore.

Passos para tratar uma ferida infectada

Passo 1

Limpar uma ferida com água e sabão
O primeiro passo será lavar o machucado com água e sabão para remover a sujeira.

Em primeiro lugar, limparemos a ferida com água e sabão. É normal que doa e coce devido à infecção. Isso serve para remover os restos de sujeira e de sangue. O mais indicado é limpar a ferida com gaze, porque o algodão pode deixar vestígios de fibras. Além disso, vale a pena usar um bom antisséptico de venda livre.

Passo 2

O mais adequado é cobrir a ferida aberta com um curativo estéril. Para fazer isso, você deve lavar bem as mãos, para evitar que a infecção piore. Se a área tiver bolhas ou pus, é melhor não removê-los para evitar que a infecção se espalhe.

Passo 3

O cuidado constante da ferida vai favorecer a melhora. Produtos naturais como o aloe vera podem ajudar a curar a ferida e eliminar a infecção. Isso é possível devido às propriedades regeneradoras e curativas desta planta.

Passo 4

Se depois de vários dias você não notar uma melhora, será necessário consultar um médico, pois pode ser uma infecção mais complicada e exigir medicamentos antibióticos. Lembre-se de que esses últimos só podem ser prescritos por um profissional para evitar riscos com a automedicação.

 

Passo 5

Examine cuidadosamente o machucado para determinar se está vermelho e se a área está quente e inchada. Se estiver com estas características e, além disso, causar dor, trata-se claramente de uma infecção.

Passo 6

Verifique a temperatura do corpo com um termômetro embaixo da axila. Se o resultado estiver acima do normal, pode ser uma infecção grave, por isso recomendamos que você consulte um médico com urgência.

Como prevenir uma ferida infectada

É necessário prevenir uma infecção
Quanto mais cedo agirmos, menos chances de infecção teremos.

O ideal é agir no momento exato em que o machucado ocorre, porque assim evitaremos uma infecção. É melhor limpar bem a área com solução salina para eliminar bactérias. Logo depois, a ferida deve ser coberta com gaze e um antisséptico deve ser aplicado diariamente. Desta forma, em alguns dias, a pele ficará curada.

Leia também: Como curar aftas e feridas na boca?

Como tratar uma ferida infectada?

O tratamento provavelmente vai depender do tipo de infecção e da sua gravidade. O seu médico pode prescrever antibióticos orais para combater bactérias. Por outro lado, você também pode enxaguar a ferida com um produto antibacteriano ou aplicar uma pomada antibiótica.

 

Se um acúmulo de pus (abscesso) se formar, o médico abrirá a ferida para liberar o líquido. Entretanto, se a infecção for muito grave, você pode precisar de cuidados hospitalares.

Agora que você sabe como tratar uma ferida infectada, não deixe de pôr em prática o que aprendeu para evitar possíveis complicações.

  • Ledermann D, Walter. (2009). Darwin y las bacterias. Revista chilena de infectología, 26(1), 60-65. https://dx.doi.org/10.4067/S0716-10182009000100010
  • Da Silva, Priscilla Nicácio, de Almeida, Onislene Alves Evangelista, & Rocha, Izabella Chrystina. (2014). Terapia tópica en el tratamiento de las heridas crónicas. Enfermería Global, 13(33), 33-45.
  • Rodríguez Domínguez Ileana, Santana Gutiérrez Odalis, Recio López Orlando, Fuentes Naranjo Marilín. Beneficios del Aloe Vera l. (sábila) en las afecciones de la piel. Rev Cubana Enfermer [Internet]. 2006 Sep 22( 3 ). Disponible en: http://scielo.sld.cu/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0864-03192006000300004&lng=es.