Bolhas na pele: 7 dicas para tratá-las

· 3 de dezembro de 2018
Embora o aparecimento de bolhas na pele geralmente não indique nada sério, é melhor tratá-las adequadamente para evitar que se infeccionem ou gerem outra complicação.

As bolhas na pele são bolsas de líquido que se formam devido a uma queimadura, infecção na pele, ou fricção. O fluido que elas contêm é semelhante à água, mas às vezes adquire uma cor avermelhada ou verde-amarelada, o que é um alerta de uma infecção.

Embora sejam irritantes e possam causar dor, sua presença indica que o corpo ativou um mecanismo de defesa para combater as agressões cutâneas. Portanto, assim que a pele se cura, essa pequena protuberância líquida desaparece. O que fazer para tratá-las?

Embora geralmente não alertem para nada sério, muitas pessoas preferem adotar um tratamento para acelerar sua recuperação. Isso não é feito apenas para reduzir o desconforto que elas causam, mas para evitar o desenvolvimento de um problema maior. Descubra algumas dicas.

Sintomas das bolhas na pele

Considerando que as bolhas na pele são lesões em uma área específica, elas geralmente não têm muitos sintomas. No entanto, além de se formarem apenas pequenas bolhas, elas podem ser acompanhadas de desconfortos como:

  • Sensação de ardor e dor
  • Dor que aumenta ao usar sapatos, ou fazer certas tarefas
  • Vermelhidão na área afetada
  • Sensação de calor intenso antes da lesão aparecer
  • Comichão e sensibilidade ao toque
  • Fluido esverdeado ou pus

Não perca: Você sabe o quão benéfico é uma massagem nos pés antes de dormir?

Dicas para tratar as bolhas na pele

As bolhas na pele são manifestadas por um processo inflamatório que é detonado por diferentes estímulos. Embora possam ter diferentes graus de gravidade, de modo geral, existem algumas recomendações para acelerar a cicatrização e proteger a pele. Anote!

1. Evite estourá-las

Dicas para curar as bolhas na pele

Um dos erros que as pessoas cometem quando notam uma bolha é usar algum elemento pontiagudo para estourá-la. No entanto, essa ação pode ser contraproducente, pois interfere no mecanismo de defesa que previne algumas infecções.

Conselho:

  • Independentemente do seu tamanho, é melhor esperar até que a bolha desapareça sozinha.

2. Remover a pele seca

Quando vários dias se passaram desde que a lesão ocorreu, é possível notar uma pele seca ou morta que pode ser indesejável. Você deve remover apenas a pele levantada, porque ser agressivo com tecidos saudáveis pode ser pior.

Conselho:

  • Quando você notar a bolha seca, aplique um remédio esfoliante para remover os restos da pele.

3. Não as cubra

Usar um curativo ou bandagem para cobrir tais bolhas pode interferir no seu processo de cicatrização. Embora seja uma medida que diminui a dor evitando mais fricção, é um obstáculo para a pele receber o ar e regenerar-se.

Conselho:

  • Use um calçado confortável, com o qual você possa manter a lesão descoberta. Se a bolha estiver em outras partes do corpo, evite ataduras e use roupas soltas.

4. Use antitranspirantes

O talco em pó e outros produtos antitranspirantes podem promover o alívio do atrito. Na verdade, eles servem como um preventivo, pois mantêm a pele seca. O suor suaviza a pele e facilita o desenvolvimento dessas lesões.

Conselho:

  • Use talco nos pés antes de usar qualquer calçado. Tente usar meias de algodão, ou tecidos que não acumulem umidade.

5. Use sapatos apropriados

Sapatos estreitos ou sintéticos podem piorar a condição das bolhas na pele. Por isso, se a lesão ocorre nos pés é melhor usar sapatos amplos, feitos de materiais confortáveis. Além disso, você tem que ter cuidado ao usar sapatos novos.

Conselho:

  • Use sandálias ou sapatos abertos até que a lesão desapareça. Se por algum motivo você precisar usar calçados fechados, use alguma barreira de proteção.

6. Aplique cubos de gelo

O efeito refrescante e anti-inflamatório dos cubos de gelo pode reduzir o ardor que ocorre quando se sofre de uma bolha. Este remédio simples refresca a pele e fornece um efeito analgésico que controla o desconforto.

Conselho:

  • Enrole vários cubos de gelo em um pano macio e coloque-os na área afetada. Use-os várias vezes ao dia, se considerar necessário.

Descubra também: Um truque para melhorar a pele usando cubos de gelo

7. Aplique gel de aloe vera

Bolhas na pele: aplique gel de aloe vera

Devido à sua composição antibacteriana e anti-inflamatória, o gel de aloe vera é um dos melhores ingredientes naturais para promover a cicatrização das bolhas. Sua aplicação direta reduz o inchaço e acalma a sensação de queimação.

Recomendação:

  • Extraia um pouco de gel de aloe vera e esfregue-o na área afetada. Repita o seu uso 2 ou 3 vezes ao dia, até que a pele melhore.

Você teve bolhas na sua pele? Tente seguir estas recomendações para tratá-las o mais rápido possível. Em caso de notar pus ou qualquer sinal de infecção, consulte o seu médico para conhecer outras opções para o seu tratamento.

 

Angelo, M. M. F. C., de Campos França, D. C., do Lago, D. B. R., & Volpato, L. E. R. (2012). Manifestações clínicas da epidermólise bolhosa: Revisão de literatura. Pesquisa Brasileira Em Odontopediatria e Clinica Integrada. https://doi.org/10.4034/PBOCI.2012.121.21