A importância de iniciar uma conversa sobre desejos sexuais

13 Maio, 2020
Você gostaria de conversar com o seu parceiro sobre os seus desejos sexuais? Se você não sabe como fazer isso, hoje descobrirá algumas dicas que irão ajudá-lo a se expressar e a melhorar a comunicação no seu relacionamento.

Por que é tão difícil para nós iniciarmos uma conversa sobre desejos sexuais? A resposta é clara: não recebemos uma educação na qual fomos ensinados a nos comunicar de maneira saudável dentro da relação, e muito menos a expressar nossas emoções de maneira apropriada. Portanto, tendemos a nos reprimir.

Alguns artigos, como ‘Educación sexual: un pilar fundamental en la sexualidad de la adolescencia’, já tratam dessa importante questão. Portanto, para ter uma conversa sobre desejos sexuais com o seu parceiro, é preciso analisar alguns aspectos fundamentais antes de dar esse passo.

Questões importantes antes de iniciar uma conversa sobre os seus desejos sexuais

A importância da assertividade sexual

A comunicação no casal
A assertividade é um fator essencial para promover a comunicação entre o casal.

Conforme definido no artigo Assertividade: uma análise teórico-empírica  “Ser assertivo significa ser capaz de se expressar com segurança, sem recorrer a comportamentos passivos ou agressivos, e requer saber ouvir e responder às necessidades dos outros sem negligenciar interesses ou princípios próprios”.

Quando somos assertivos, somos assertivos em todos os contextos. Portanto, se não temos assertividade sexual, é muito possível que não sejamos assertivos em outras áreas de nossas vidas.

À definição acima, poderíamos acrescentar algo mais: ser assertivo implica expressar-se com segurança, sem medos, sem dúvidas e sem buscar a aprovação dos outros. O que ganhamos com isso nos nossos relacionamentos?

  • Não fingir orgasmos: isso pode acontecer porque você não aprecia as relações sexuais, mas quer agradar o seu parceiro, ou não quer estar nesse relacionamento. Neste último caso, muitas mulheres pretendem que a situação termine o mais rápido possível.
  • Gostar das relações sexuais: sendo assertivo, você pode dizer ao seu parceiro onde quer que ele toque o seu corpo sem esperar que ele adivinhe. Para isso, a masturbação é recomendada para conhecer o seu corpo e saber do que você gosta e do que não gosta.
  • A comunicação melhora: quando somos assertivos, a comunicação do casal melhora. Isso aumenta a confiança com o consequente bem-estar. Além disso, iniciar uma conversa sobre desejos sexuais nos permitirá experimentar coisas novas, e essa paixão continuará a crescer.

Você pode gostar de ler: Benefícios do sexo matinal

Questionar certas crenças

Essa também é uma parte importante para poder iniciar uma conversa sobre desejos sexuais. Muitas vezes, a educação sexual que recebemos pode nos levar a ter vergonha e desconfiança ao nos expressarmos verbalmente sobre o assunto. Quando jovens, muitas pessoas aprendem que o sexo é impuro ou é pecado, por exemplo.

O parceiro é uma pessoa a quem permitimos acesso à nossa privacidade. Manter relacionamentos com alguém em quem não podemos confiar nos impedirá de desfrutar de relações sexuais agradáveis. Portanto, é necessário resolver esses dois pontos principais.

Iniciando a conversa sobre desejos sexuais

Casal fazendo sexo
Depois de avaliar todos os fatores, uma conversa pode ser uma ótima abordagem para manter uma vida sexual saudável.

Agora que você tem assertividade, esclareceu as suas crenças, e quem sabe até foi ao psicólogo para resolver possíveis problemas de autoestima, é hora de começar uma conversa sobre desejos sexuais. Vamos ver alguns pontos que devemos levar em consideração:

  • Escolhendo o momento certo: a conversa deve ocorrer em um espaço tranquilo no qual você e o seu parceiro estejamos dispostos a se abrir. Pode ser depois do jantar ou a qualquer momento em que seja possível conversar em paz.
  • Não se desvie: é melhor esclarecer o que você está fazendo ao iniciar uma conversa sobre desejos sexuais. Se você começar a dar voltas, seu parceiro não vai saber o que você está querendo dizer. As palavras devem ser claras e não deve haver recriminações.
  • Naturalidade em primeiro lugar: uma conversa sobre desejos sexuais não é diferente de uma conversa sobre outro tópico. Portanto, seja natural. Expresse o seu desejo de tentar algo novo, de introduzir um brinquedo sexual, de prolongar as preliminares ou de iniciar outras práticas.

Leia também: Como atrair um homem sem correr atrás dele?

Você já teve problemas para iniciar uma conversa sobre desejos sexuais com o seu parceiro? Você sabe como transmitir o que deseja ou tem vergonha? Fazer terapia de casal ou resolver possíveis conflitos consigo mesmo será necessário para ter conversas frutíferas e tornar o relacionamento muito mais saudável.

  • Álvarez de la Cruz, Caridad. (2010). Comunicación y sexualidad. Enfermería Global, (19) Recuperado en 06 de marzo de 2019, de http://scielo.isciii.es/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1695-61412010000200018&lng=es&tlng=es.
  • Ortega Rojas, J. (2012). El vínculo de pareja: Una posibilidad afectiva para crecer. Revista Electrónica Educare16.
  • Torres-Obregon, R., Onofre-Rodríguez, D. J., Sierra, J. C., Benavides-Torres, R. A., & Garza-Elizondo, M. E. (2017). Validación de la Sexual Assertiveness Scale en mujeres mexicanas. suma psicológica24(1), 34-41.
  • Villanueva Orozco, Gerardo Benjamín Tonatiuh, Rivera Aragón, Sofía, Díaz Loving, Rolando, & Reyes-Lagunes, Isabel. (2012). La comunicación en pareja: desarrollo y validación de escalas. Acta de investigación psicológica2(2), 728-748. Recuperado en 06 de marzo de 2019, de http://www.scielo.org.mx/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2007-48322012000200010&lng=es&tlng=es.