Conheça alguns dos benefícios do chocolate e seus diferentes tipos

· 29 de novembro de 2013
O chocolate, quando consumido moderadamente e da maneira certa, pode até ajudar a emagrecer. O melhor é o amargo, que tem maiores quantidades de cacau e, com isso, mais benefícios.

O chocolate, quando consumido moderadamente, pode até ajudar a emagrecer. O melhor é o amargo, que tem maiores quantidades de cacau e, com isso, mais benefícios. Neste artigo, compartilhamos alguns benefícios do chocolate.

Porém, é preciso ter atenção. A quantidade não deve ultrapassar 30 gramas por dia, equivalente a uma barra pequena ou dois bombons. Confira alguns bons motivos para manter essa delícia na sua alimentação diária.

Tipos de chocolate

Amargo

É o chocolate com maior concentração de cacau (geralmente acima de 70%) e com pouco açúcar. É o que mais oferece as propriedades benéficas do cacau.

Meio amargo

Possui uma menor concentração de cacau (geralmente por volta de 50%). Também tem pouco açúcar e seu sabor é um pouco menos acentuado.

Ao leite

Para fazer o chocolate ao leite, parte da massa de cacau é substituída por leite em pó (geralmente, o chocolate ao leite tem um teor de cacau entre 30 e 40%). O resultado é um chocolate com textura mais cremosa e sabor mais adocicado.

Branco

Não contém massa de cacau; é feito com manteiga de cacau, açúcar e leite. É o mais doce e possui textura bem cremosa.

Em pó

É feito com a amêndoa de cacau moída, sem a manteiga de cacau. É muito utilizado em receitas, inclusive de brigadeiro e também pode apresentar diferentes concentrações de cacau.

Achocolatado

Como o próprio nome já diz, achocolatado não é chocolate. É uma mistura de chocolate em pó, leite e muito açúcar, geralmente utilizada para dar sabor ao leite.

Para cobertura

Possui uma alta concentração de manteiga de cacau, que pode ser meio amargo, ao leite ou branco. Como derrete com facilidade e tem mais brilho, é muito usado no acabamento de bolos e doces.

Leia também: 2 receitas para preparar torta de chocolate

Diet

No chocolate diet estão presentes a massa e a manteiga de cacau, porém o açúcar é substituído por outras substâncias como sorbitol, sacarina e vanilina.

Benefícios do chocolate

Benefícios do chocolate

Aumenta a sensação de saciedade

Um dos benefícios do chocolate é que te ajuda a se sentir mais satisfeito e não exagerar na comida. Pesquisas realizadas mostraram que os ácidos fenólicos presentes no cacau podem aumentar a produção do hormônio leptina, que é responsável por aumentar a sensação de saciedade.

Maior proteção contra derrames

O cacau é bastante rico em antioxidantes que são capazes de reduzir a inflamação nas artérias e a aderência do colesterol à parede dos vasos, prevenindo a formação de trombos na corrente sanguínea e, consequentemente, o acidente vascular cerebral.

Ajuda no processo de emagrecimento

O chocolate pode ajudar você a emagrecer a partir do momento em que é inserido dentro de uma alimentação balanceada. Esta iguaria é rica em cafeína, que acaba por acelerar o metabolismo, ajudando a queimar calorias. Para isso, é necessário ingerir o chocolate amargo, que contém bastante cacau.

Controla o seu colesterol

O consumo do chocolate amargo pode auxiliar na diminuição do colesterol total e do colesterol ruim, o LDL. Os antioxidantes ainda conseguem diminuir a inflamação e o acúmulo de gordura nos vasos.

Não deixe de ler: Descubra quais os níveis adequados de colesterol

Antienvelhecimento

Por apresentar em sua composição antioxidantes, vitaminas A e do complexo B, o chocolate ajuda a neutralizar os radicais livres do organismo que, podem provocar danos celulares relacionados ao processo de envelhecimento.

Por este mesmo motivo, o chocolate é muito usado em cosméticos com efeito regenerativo, para combater as rugas e o envelhecimento.

Melhora o raciocínio

Por último, outro dos benefícios do chocolate está no fato da cafeína presente em sua composição poder estimular a memória, a atenção, a concentração e o desempenho mental em geral, de acordo com pesquisas com pessoas que consumiram 500 mg de flavonoides, substâncias encontradas no chocolate amargo e meio amargo.

  • D’El-Rei, J., & Medeiros, F. (2011). Chocolate e os benefícios cardiovasculares. Revista Hospital Universitário Pedro Ernesto. https://doi.org/10.12957/rhupe.2011.8864
  • Valenzuela B, A. (2007). EL CHOCOLATE, UN PLACER SALUDABLE. Revista Chilena de Nutrición. https://doi.org/10.4067/S0717-75182007000300001
  • Allgrove, J., Farrell, E., Gleeson, M., & Williamson, G. (2011). El consumo regular de chocolate negro disminuye la agresión oxidativa y aumenta la movilización de ácidos grasos libres en respuesta a un ejercicio en bicicleta prolongado. International Journal of Sport Nutrition and Exercise Metabolism.