Como se alimentar durante a gravidez

Durante a gravidez devemos levar em conta que é tão importante consumir certos alimentos como eliminar aqueles que podem ser prejudiciais para nós. Veja como se alimentar durante a gravidez de forma correta.

Nós realmente temos que comer por dois? Em caso afirmativo, o que isso realmente significa? Quando estamos grávidas, a alimentação passa para primeiro plano, embora talvez não no sentido ao qual estamos acostumados.

Não é incomum sentar na mesa e fazer com que alguém nos diga para comer. No entanto, o importante não é a quantidade, mas a qualidade. Na verdade, a ingestão indiscriminada de alimentos pode causar problemas.

Devemos ter em mente que a chave reside no valor nutricional dos elementos que ingerimos.

No entanto, a primeira coisa que devemos fazer para saber como se alimentar durante a gravidez é eliminar ou reduzir o consumo de alimentos açucarados e muito gordurosos.

Ambos têm um alto conteúdo de calorias e escassez de vitaminas, proteínas e minerais, que são o que realmente nos nutre.

Claro, para cuidar de si mesma durante o período de gestação, é melhor adotar melhores hábitos de vida, nos quais a atividade física está presente.

Caminhar é uma boa alternativa durante a gravidez. Melhora nossa circulação e nos ajuda a eliminar a gordura, sem a necessidade de sofrer um alto impacto.

Em qualquer caso, recomendamos que você consulte o médico para saber qual o mais apropriado.

Dicas para se alimentar durante a gravidez

Evite peixe cru

Os alimentos durante a gravidez devem estar cozidos

A gastronomia também se globalizou e essa situação implicou que com frequência comamos pratos como sushi.

Além disso, existem países em cuja tradição existem receitas que incluem esse elemento, como acontece com o ceviche. Embora estes sejam muito saudáveis ​​e contenham altas doses de proteína, quando estamos grávidas, eles não são recomendados.

Os peixes que são usados ​​para fazer essas receitas podem ter anisakis, um parasita que causa infecções e distúrbios naqueles que a consumem.

Embora o normal seja que os produtos comercializados estejam tratados para que isso não aconteça, não temos uma garantia. Portanto, o mais sensato é evitar se alimentar durante a gravidez com esses alimentos.

Elimine o leite não pasteurizado e queijos brancos

Como você sabe, esses produtos lácteos são muito delicados, já que eles também são propensos a conter bactérias e parasitas.

Existem muitas outras fontes de cálcio às quais você pode recorrer antes de arriscar uma condição que pode afetar você e o bebê.

Faça 5 refeições ligeiras por dia

Mulher grávida se alimentando de frutas

Estômago embrulhado e náuseas são muito comuns. Muitas mulheres se sentem cheias muito rapidamente, então deixam de comer imediatamente, sem perceber que elas não se alimentaram bem.

Nesse sentido, sugerimos que coma algo a cada 3 horas. Então, você come tudo o que precisa e se livra desse desconforto.

Aumentar o consumo de cereais integrais

Para se alimentar durante a gravidez corretamente, você tem que pensar em energia. As digestões são mais complicadas, já que há outro ser que se beneficia com elas.

Portanto, os carboidratos absorvidos lentamente são muito importantes. Como dissemos, eles nos dão esse vigor extra, embora gradualmente.

Estes últimos nos permitem desfrutar de mais energia por mais tempo, com a vantagem de que os nutrientes não se transformam em gordura. Por outro lado, ao se tratar da versão integral, acelera a metabolização do resto dos alimentos.

Visite este artigo: A rainha dos cereais

Para se alimentar durante a gravidez, ingira 5 peças de fruta

Mulher se alimentando saudávelmente na gravidez

A fruta é uma das opções mais ricas. Em primeiro lugar, apresenta os mesmos benefícios que os anteriores. Além disso, nos dá açúcar e uma grande quantidade de vitaminas.

Quando falamos de açúcar, nos referimos ao saudável, o que a mantém ativa e se digere facilmente.

Pelo contrário, o adicionado é muito difícil de queimar, então se transforma em gordura, que só serve para prejudicar nossa saúde.

Aposte nos óleos de gorduras vegetais

As gorduras animais elevam o colesterol e nos enfraquecem, enquanto as vegetais causam o efeito oposto e mantêm nossos órgãos saudáveis.

Neste sentido, o ideal é que você incorpore elementos como o azeite de oliva, abacate ou iogurte desnatado em suas 3 refeições principais.

Com essas orientações simples, se alimentar durante a gravidez não será mais um problema. Tenha sempre em mente que o que buscamos é facilitar a digestão, enquanto ingerimos as vitaminas e os minerais que precisamos para viver normalmente.

No entanto, se você tiver alguma dúvida, você sempre pode nos perguntar. Se precisar, estamos aqui para você.

Recomendados para você