5 sinais iminentes de uma possível apendicite

Se considerar que os sinais que seu corpo está dando se equiparam aos sintomas da apendicite, evite os medicamentos e vá ao médico imediatamente.

A apendicite é uma condição que ocorre quando o apêndice se inflama, uma pequena bolsa conectada ao intestino grosso. É uma das emergências de cuidados hospitalares mais comuns.

A principal função do apêndice é receber e resguardar as bactérias que favorecem o funcionamento correto do cólon. Esta inflamação geralmente ocorre quando o apêndice fica obstruído por um corpo estranho ou matéria fecal, gerando uma sobrepopulação de bactérias.

Esta condição pode se manifestar em qualquer fase da nossa vida, embora seja mais frequente entre 10 e 35 anos de idade.

Os sintomas da apendicite geralmente são muito variados, por isso nem sempre é fácil fazer o seu diagnóstico. Especialmente quando ocorre em crianças e idosos, onde esses sinais geralmente são confundidos com outras doenças próprios dessas idades.

5 sinais iminentes de uma possível apendicite

Dor abdominalpode ser sinal de apendicite

Tenha em mente que, se não for atendido a tempo, o apêndice pode explodir e causar uma infecção no interior do abdômen (peritonite). Portanto, é vital reconhecer os sinais de possível apendicite:

 

1. Dor abdominal aguda

O primeiro sinal para considerar uma possível apendicite é uma dor aguda ao redor do umbigo. Pode ser suave no início e aumentar gradualmente até se tornar insuportável.

Esta dor geralmente aparece na parte inferior direita do abdômen. Também pode piorar quando você tosse, anda ou faz movimentos repentinos.

Existem casos atípicos em que a dor ocorre no lado esquerdo do abdômen, geralmente quando o apêndice é mais longo do que o habitual e se estende causando maior intensidade de dor nessa zona.

2. Náuseas, vômitos e febre

Algumas horas após o início da dor abdominal aguda, podem aparecer náuseas, vômitos e, em alguns casos, febre. Nesse momento você pode começar a suspeitar que seja realmente uma apendicite em curso.

3. Constipação ou diarreia

A apendicite geralmente desencadeia diarreia, constipação e tenesmo retal. Todos esses problemas de estômago, juntamente com os acima mencionados, são os sinais mais precisos de que seu apêndice está enfrentando uma condição crônica.

Leia também: 7 sintomas de apendicite que nunca devemos ignorar

4. Os sintomas não param com o passar do tempo

A pessoa afetada pode notar que a dor não desaparece com o passar das horas, mesmo que tenha descansado. Pelo contrário, pode sentir que a condição está piorando, tornando muito difícil se levantar e até andar.

5. Sensibilidade ao toque

Se a dor que você sente intensifica apenas tocando na área afetada ou pressionando a parte inferior direita do abdômen e depois soltando, é quase certeza que é apendicite. É aconselhável consultar um profissional de saúde o mais rápido possível.

Procure cuidados médicos

Se você considerar que os sinais que seu corpo está dando se equiparam aos sintomas da apendicite, evite os medicamentos e vá ao médico imediatamente.

Um especialista é a pessoa certa para confirmar ou excluir a doença e fornecer o tratamento adequado.

Assim que o médico o ausculte e confirme o diagnóstico de apendicite, certamente o próximo passo deve ser retirar o apêndice.

Se for esse o caso, não se preocupe, o risco de ter um apêndice inflamado é muito maior do que viver sem este órgão. A maioria dos pacientes se recupera rapidamente após a apendicectomia.

Recomendações a considerar

Enquanto não vai ao médico para confirmar o diagnóstico, é muito importante evitar tratar os sintomas em casa, portanto:

  • Não consuma qualquer tipo de medicação.
  • Evite tomar laxantes.
  • Descarte o uso de compressas quentes.
  • Não coma ou beba nada até ser examinado.

A prevenção também é um fator a considerar. Manter uma dieta rica em fibras facilita os processos digestivos e diminui as chances de sofrer de apendicite. Inclua frutas e vegetais em suas refeições, cereais integrais e muita água.

É importante notar que nem todas as pessoas que sofrem de apendicite apresentam esses sinais (alguns apenas relatam sentir um mal-estar geral), mas se você tiver vários deles, deve entrar em contato com seu médico e ir ao hospital.

Recomendados para você