Como ensinar seu filho a fazer bom uso do tempo

12 de abril de 2019
É dever dos pais ajudar e ensinar os filhos a se organizarem. A gestão positiva do tempo beneficia tanto para ser produtivo nos estudos quanto para aproveitar o tempo para brincar e se entreter.

O horário dos pais determina o dia a dia dos filhos. Quando ambos os pais trabalham fora de casa, ou quando há apenas um dos pais que cuida da casa, a vida da criança é frequentemente preenchida com atividades. O tempo parece estar completamente comprometido.

No entanto, fazer com que os filhos passem de uma atividade para outra não significa que eles saibam aproveitar o tempo. Provavelmente, como pais, também não saibamos muito bem como administrar o nosso próprio tempo. Mas, sem dúvida, é um aprendizado que precisa fazer parte da educação atual.

Aprender o valor do tempo Crinaças na piscina

Nossos filhos frequentemente nos ouvem dizer “tempo é dinheiro” ou “eu não tenho tempo”. Certamente, se eles forem crianças pequenas, não vão entender sobre o que estamos falando. As crianças não têm ideia do tempo e de como isso influencia nossas vidas.

À medida que crescem, pouco a pouco eles entendem os conceitos como hoje ou amanhã, mais tarde ou depois. São categorias de tempo que são compreendidas à medida que eles amadurecem.

Ensiná-los a valorizar o tempo começa com o alvorecer do dia. Há um tempo para se levantar, se vestir, tomar café da manhã e ir para a escola. Os primeiros minutos do dia representam a primeira grande oportunidade que temos de ensinar a criança a aproveitar ao máximo o tempo.

Então, ao chegar da escola, ele precisa se organizar para fazer a lição de casa, participar de alguma atividade extracurricular e depois brincar. Nós podemos ensinar a criança que há um tempo para fazer cada atividade e que depois ela pode desfrutar de um tempo livre merecido.

Por outro lado, é um erro ocupar todo o tempo das crianças. E isso é precisamente o que mais fazemos; nós saturamos as crianças com atividades. Em vez disso, elas precisam aprender que, se forem responsáveis ​​com suas obrigações, podem ter tempo livre e decidir como usá-lo. Essa é a maior recompensa.

Confira também: Como ensinar a criança a não procrastinar

Como ensinar a criança a fazer bom uso do tempo

Como em todas as questões relacionadas à parentalidade, exemplo que damos aos nossos filhos é essencial. Se vivemos com pressa para levar a criança à escola, se chegamos tarde para buscá-la na escola ou nas atividades extracurriculares, não estamos damos o melhor exemplo para que a criança aproveite ao máximo o próprio tempo.

A organização diária de nossa própria agenda é algo básico para que nossos filhos, por menores que sejam, percebam que organizamos o tempo que dedicamos ao trabalho, ao lar e para compartilhar com eles.

Além disso, o tempo dedicado ao dever de casa e estudo deve ser organizado. O dever de casa não precisa ser feito no final do dia. Projetos que exigem dias de preparação ou a aula que requer uma prova também não podem ser deixados para o último momento.

Então, ajudar a criança a organizar suas responsabilidades é a melhor maneira de ensiná-la a aproveitar ao máximo seu tempo. Devemos também incutir na criança a ideia de que quanto mais eficaz ela é em cumprir suas tarefas e outras responsabilidades em casa, mais ela poderá aproveitar seu tempo livre.

Enquanto nossos filhos ainda são crianças, o mais importante é brincar. Então, devemos aproveitar esse interesse para valorizar a importância de se organizar bem.

Ajude-o a organizar o tempo

Ajude-o a organizar o tempo

Ter tempo livre para brincar é a maior recompensa que uma criança que conseguiu administrar seu tempo pode receber. Para ajudá-lo a aproveitar ao máximo seu tempo, vamos dar três recomendações importantes a seguir:

Estabeleça horários razoáveis

Seu filho deve ter um horário que ele aprenda a cumprir. O tempo gasto brincando, estudando, assistindo televisão, se exercitando ou conectado à internet deve estar incluído.

As crianças gostam de horários. No entanto, isso não significa perder a espontaneidade ou flexibilidade em qualquer circunstância.

Promova rotinas

  • Ao sair da cama, as crianças devem saber o que preparar para ir à escola.
  • Antes de brincar, ele precisa fazer a lição de casa.
  • Ele precisa guardar os brinquedos antes de pegar outros.
  • Antes de dormir, as crianças precisam deixar a mochila pronta para o dia seguinte e tomar um banho.

As rotinas são saudáveis ​​para organizar o tempo e criar harmonia.

Distribua papéis e responsabilidades

Os papéis estimulam e motivam as crianças a cumprirem as suas responsabilidades. A criança deve saber que é a pessoa encarregada de fazer “alguma coisa” dentro da casa.

Da mesma forma, se você tiver dois ou mais filhos em casa, cada um deve receber papéis e responsabilidades. Por exemplo: um fica encarregado de levar um cachorro para passear e o outro de regar as plantas.

Não deixe de ler: Tempo com a família: por que é tão importante?

Reflexão final

Brincar é fazer bom uso do tempo

Ensinar as crianças a serem eficazes no uso do próprio tempo proporciona grandes benefícios. Libera a tensão de ter muitas coisas para fazer.

Além disso, a gestão eficaz do tempo permite o cumprimento oportuno de cada uma das responsabilidades. Logo ele poderá aproveitar o merecido descanso e tempo de lazer para brincar e se entreter.

  • Prieto Ruz, T., España, E., & Martín, C. (2012). Algunas cuestiones relevantes en la enseñanza de las ciencias desde una perspectiva Ciencia-Tecnología- Sociedad. Revista Eureka Sobre Enseñanza y Divulgación de Las Ciencias.

rodin.uca.es/xmlui/handle/10498/14625

  • Escuela Nacional de Antropología e Historia (Mexico), C. L. (2003). Entre lo colectivo y lo individual: La experiencia de la escuela a través de relatos de vida. Nueva antropología.
  • Murga, H. V. (2014). Tipo de familia y ansiedad y depresión. Revista Médica Herediana.