Chá de crisântemo: benefícios e precauções

O chá de crisântemo é popular pelo seu sabor suave, semelhante ao da camomila. Na medicina tradicional chinesa, ele é valorizado pelas suas propriedades anti-inflamatórias e relaxantes. Neste artigo, falamos mais sobre essa bebida.
Chá de crisântemo: benefícios e precauções

Última atualização: 15 Maio, 2021

O chá de crisântemo (Chrysanthemum) é uma bebida natural obtida das flores secas da planta de mesmo nome. É caracterizado por sua leve tonalidade dourada, além de um sabor suave e floral semelhante ao da camomila. Você conhece as suas propriedades?

Um artigo publicado na revista Molecules afirma que esta planta é uma fonte natural de flavonoides, antocianinas, linarina e outros compostos antioxidantes benéficos à saúde. Além disso, à ela são atribuídas propriedades anti-inflamatórias, sedativas e anti-hipertensivas.

Portanto, não surpreende que seja considerado um coadjuvante para promover o bem-estar e reduzir o risco de doenças. Embora não seja um substituto para tratamentos médicos, pode ser um aliado para algumas enfermidades. Neste artigo, falaremos mais sobre os benefícios e contraindicações do chá de crisântemo.

Propriedades medicinais do chá de crisântemo

Muitos dos benefícios do chá de crisântemo para a saúde são atribuídos às suas propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias. De acordo com um estudo publicado na revista Food Chemistry, compostos fenólicos, glicosídeos e ácidos orgânicos estariam por trás dessa bebida potencialmente medicinal.

Em particular, descobriu-se que a bebida ajuda a inibir os efeitos negativos dos radicais livres, da inflamação e do crescimento celular anormal. Além disso, à ela são atribuídos efeitos antipiréticos, antiartríticos, sedativos, neuroprotetores, anti-hipertensivos e antialérgicos.

Benefícios do chá de crisântemo

O chá de crisântemo é usado na medicina tradicional chinesa desde os tempos antigos para aliviar uma grande variedade de doenças. Na verdade, ele ainda é usado contra problemas como hipertensão, hipertireoidismo, transtornos respiratórios e nervosismo.

Embora ainda haja poucas evidências científicas a este respeito, várias pesquisas sustentam muitas das propriedades atribuídas a ele. No entanto, no momento ele não é considerado um tratamento de primeira linha para doenças, apesar de seus efeitos permanecerem em estudo.

Vejamos em que casos o chá de crisântemo pode ser útil.

Propriedades medicinais do crisântemo
As propriedades antioxidantes da planta explicariam muitos dos benefícios medicinais atribuídos a ela.

Contra a inflamação

O excesso de inflamação no corpo dá origem a muitas doenças. Ele não influencia apenas as condições articulares e musculares, mas também nas cardíacas e cerebrais. A esse respeito, uma pesquisa publicada na revista Bioorganic & Medicinal Chemistry Letters descobriu que certos compostos químicos no chá de crisântemo combatem a inflamação.

Em particular, o ácido octulosônico, o crisanol A (1) e 17 outros compostos estariam por trás deste efeito. Outros estudos, como um publicado no The AAPS Journal, confirmam essa propriedade e sugerem ainda que ela pode ajudar a reduzir o risco de doenças crônicas.

Para a saúde óssea

O chá de crisântemo não é uma cura milagrosa para doenças ósseas. Apesar disso, parece auxiliar no cuidado dos ossos, reduzindo o risco de osteoporose, conforme aponta um estudo publicado na revista Evidence-Based Complementary and Alternative Medicine.

A pesquisa concluiu que os extratos vegetais contribuem para a regulação da remodelação óssea, pois inibem a diferenciação e função dos osteoclastos. Além disso, eles estimulam a função dos osteoblastos. Embora sejam necessários mais ensaios clínicos para sustentar essa tese, acredita-se que, no futuro, o chá de crisântemo possa ser um bom agente terapêutico contra doenças ósseas.

Para o cuidado da pele

As propriedades antibacterianas e anti-inflamatórias do crisântemo podem ser exploradas para fins estéticos. Um estudo publicado no Journal of Cosmetic Dermatology constatou que produtos com o crisântemo em sua composição favorecem a redução das manchas na pele, pois reduzem a melanina.

Além disso, outro estudo publicado na Evidence-Based Complementary and Alternative Medicine afirma que a aplicação tópica desta planta ajuda a reduzir os sintomas de lesões cutâneas semelhantes às causadas pela dermatite atópica. Outros dados anedóticos sugerem que ela pode ser útil contra espinhas e acne.

Você pode se interessar: 4 chás herbais para ter uma pele jovem

Outros possíveis benefícios

Tradicionalmente, o chá de crisântemo é usado para muitos outros fins medicinais. No entanto, não há evidências suficientes para comprovar a sua eficácia. Ainda assim, é um remédio popular tanto nos países orientais quanto nos ocidentais.

Efeitos colaterais do chá de crisântemo e precauções para o seu consumo

O chá de crisântemo é seguro para a maioria dos adultos saudáveis ​​quando tomado com moderação. No entanto, é contraindicado para pessoas com alergia a margaridas ou ambrósia. É fundamental suspender seu consumo ao surgirem sintomas como erupções cutâneas ou irritação respiratória.

Além disso, ele pode interagir com medicamentos controlados. Portanto, se você estiver em tratamento com medicamentos (anti-inflamatórios, anticâncer, antibacterianos, etc.), é melhor consultar um médico antes de consumi-lo. Seu consumo também não é recomendado nos seguintes contextos:

Vale ressaltar que o consumo regular do chá de crisântemo está associado à fotossensibilidade, que é a alta sensibilidade à luz. Portanto, se você ingerir essa bebida com frequência, precisará se proteger do sol com protetor solar e óculos de sol.

Alergia no braço
O chá de crisântemo está associado à fotossensibilidade; por isso, seu consumo regular exige um maior cuidado da pele.

Como preparar o chá de crisântemo?

O chá de crisântemo costuma ser vendido pronto. No entanto, você também pode prepará-lo com as flores secas da planta seguindo os passos a seguir.

Ingredientes

  • Uma colher de sopa de flores secas de crisântemo (3 gramas).
  • Uma xícara de água (250 mililitros).

Modo de preparo

  1. Coloque a água para ferver. Quando chegar no ponto de ebulição, acrescente as flores de crisântemo secas.
  2. Abaixe o fogo e cozinhe a bebida por mais 1 minuto.
  3. Em seguida, desligue o fogo e deixe a bebida descansar por 10 minutos.
  4. Coe e beba.
  5. Tome até duas xícaras por dia.

Os dados científicos ainda não determinaram a dose apropriada de chá de crisântemo. O valor pode variar de acordo com fatores como idade, saúde e outras condições. Portanto, é recomendável consultar um médico antes de consumi-lo regularmente.

Pode interessar a você...
O chá verde pode aumentar a longevidade?
Melhor Com SaúdeLeia em Melhor Com Saúde
O chá verde pode aumentar a longevidade?

Existem certos produtos que podem ser incluídos em sua dieta com o objetivo de aumentar a longevidade, como o chá verde. Saiba mais aqui!



  • Han AR, Nam B, Kim BR, et al. Phytochemical Composition and Antioxidant Activities of Two Different Color Chrysanthemum Flower Teas. Molecules. 2019;24(2):329. Published 2019 Jan 17. doi:10.3390/molecules24020329
  • Li Y, Yang P, Luo Y, Gao B, Sun J, Lu W, Liu J, Chen P, Zhang Y, Yu LL. Chemical compositions of chrysanthemum teas and their anti-inflammatory and antioxidant properties. Food Chem. 2019 Jul 15;286:8-16. doi: 10.1016/j.foodchem.2019.02.013. Epub 2019 Feb 12. PMID: 30827670.
  • Luyen BT, Tai BH, Thao NP, Cha JY, Lee HY, Lee YM, Kim YH. Anti-inflammatory components of Chrysanthemum indicum flowers. Bioorg Med Chem Lett. 2015 Jan 15;25(2):266-9. doi: 10.1016/j.bmcl.2014.11.054. Epub 2014 Nov 27. PMID: 25497988.
  • Wu TY, Khor TO, Saw CL, et al. Anti-inflammatory/Anti-oxidative stress activities and differential regulation of Nrf2-mediated genes by non-polar fractions of tea Chrysanthemum zawadskii and licorice Glycyrrhiza uralensis. AAPS J. 2011;13(1):1-13. doi:10.1208/s12248-010-9239-4
  • Baek, J. M., Kim, J.-Y., Cheon, Y.-H., Park, S.-H., Ahn, S.-J., Yoon, K.-H., Oh, J., & Lee, M. S. (2014). Dual Effect ofChrysanthemum indicumExtract to Stimulate Osteoblast Differentiation and Inhibit Osteoclast Formation and ResorptionIn Vitro. Evidence-Based Complementary and Alternative Medicine, 2014, 1–13. https://doi.org/10.1155/2014/176049
  • Choi KT, Kim JH, Cho HT, Lim SS, Kwak SS, Kim YJ. Dermatologic evaluation of cosmetic formulations containing Chrysanthemum indicum extract. J Cosmet Dermatol. 2016 Jun;15(2):162-8. doi: 10.1111/jocd.12211. Epub 2016 Jan 20. PMID: 26786567.
  • Park S, Lee JB, Kang S. Topical Application of Chrysanthemum indicum L. Attenuates the Development of Atopic Dermatitis-Like Skin Lesions by Suppressing Serum IgE Levels, IFN-γ, and IL-4 in Nc/Nga Mice. Evid Based Complement Alternat Med. 2012;2012:821967. doi:10.1155/2012/821967
  • Cha JY, Nepali S, Lee HY, et al. Chrysanthemum indicum L. ethanol extract reduces high-fat diet-induced obesity in mice. Exp Ther Med. 2018;15(6):5070-5076. doi:10.3892/etm.2018.6042
  • Kim DS, Goo YM, Cho J, et al. Effect of Volatile Organic Chemicals in Chrysanthemum indicum Linné on Blood Pressure and Electroencephalogram. Molecules. 2018;23(8):2063. Published 2018 Aug 17. doi:10.3390/molecules23082063
  • Lin GH, Lin L, Liang HW, Ma X, Wang JY, Wu LP, Jiang HD, Bruce IC, Xia Q. Antioxidant action of a Chrysanthemum morifolium extract protects rat brain against ischemia and reperfusion injury. J Med Food. 2010 Apr;13(2):306-11. doi: 10.1089/jmf.2009.1184. PMID: 20412018.