5 benefícios de comer mamoncillo

O consumo de vegetais é essencial para desfrutar de um bom estado de saúde. Por isso, vamos falar da huaya, uma fruta tropical desconhecida por muitos.
5 benefícios de comer mamoncillo

Última atualização: 08 maio, 2022

A huaya ou mamoncillo é uma fruta tropical consumida em países da América do Sul à qual foram atribuídas propriedades anticancerígenas e anti-infecciosas. Cresce a partir de uma árvore que pode atingir mais de 30 metros e o próprio fruto destaca-se pela sua cor verde intensa.

Antes de comentar sobre os benefícios desta fruta, deve-se lembrar que o consumo de frutas e vegetais em geral é essencial. A ingestão desses alimentos tem sido associada a um menor risco de desenvolver doenças, razão pela qual são considerados bons para a saúde.

5 benefícios de consumir mamoncillo

Vamos apresentar os principais benefícios atribuídos ao consumo de mamoncillo.

1. Ação purificante

O consumo de mamoncillo tem sido associado a uma ação desintoxicante do organismo. No entanto, esta qualidade está atualmente em dúvida.

Os rins são os órgãos responsáveis por purificar o corpo, especificamente o sangue. Eles são muito eficientes em sua tarefa. De fato, não haveria razão para que a ingestão de determinado alimento influenciasse a capacidade de desintoxicação do organismo. Não há evidências científicas a esse respeito.

2. Fortalece o sistema imunológico

Um benefício do consumo de mamoncillo que foi confirmado por estudos científicos é a capacidade da fruta de estimular a função imunológica. Isso se deve ao seu teor de vitamina C, de acordo com um estudo publicado na revista Nutrients.

A ingestão de grandes quantidades deste micronutriente é capaz de prevenir o desenvolvimento de doenças infecciosas e ainda ajuda a combater o envelhecimento graças à sua capacidade antioxidante. Esta é a propriedade de bloquear os radicais livres que são produzidos como resíduos metabólicos.

Frutas tropicais.
Uma série de benefícios são atribuídos ao mamoncillo.

3. Fonte de vitamina B

As vitaminas do complexo B são essenciais para o metabolismo energético. Eles funcionam como catalisadores para muitas das reações das quais é obtida a energia necessária para realizar as rotinas diárias.

Um fornecimento ineficiente desses nutrientes pode gerar um estado de fadiga ou cansaço crônico. Os mamoncillo se destacam por apresentarem grandes quantidades delas. Além disso, deve-se levar em consideração que as vitaminas do complexo B devem ser consumidas diariamente, pois são hidrossolúveis e seu acúmulo não é possível.

4. Poder antioxidante

Da mesma forma que muitas outras frutas tropicais e exóticas, o mamoncillo contém antioxidantes em sua composição. Estes são principalmente compostos fitoquímicos capazes de reduzir a formação de radicais livres, como já mencionamos.

Deve-se levar em conta que a ingestão regular de flavonóides antioxidantes consegue reduzir o risco de desenvolver patologias complexas. É o que diz um estudo publicado na Advances in Nutrition.

5. Fonte de minerais

Dentro dos micronutrientes que o mamoncillo contém, é necessário fazer uma menção especial aos minerais, incluindo o ferro. Este metal desempenha um papel importante no transporte de oxigênio através do sangue.

Seu déficit pode causar anemia, conforme evidenciado pela literatura científica. Além disso, deve-se considerar que a absorção do ferro é potencializada quando administrado em conjunto com a vitamina C, outro nutriente presente no mamoncillo .

Usos do mamoncillo

O mamoncillo pode ser encontrado em múltiplas formas de apresentação. É comum comprá-los frescos, embora talvez raros nos mercados ocidentais. No entanto, há também a possibilidade de comprá-los enlatados, o que aumenta sua vida útil.

Até a indústria alimentícia usa mamoncillo para produzir outros tipos de bebidas ou alimentos. Um exemplo seria a cerveja. Há também outros produtos, embora seja algo menos comum.

Por outro lado, algumas culturas incluem a folha de mamoncillo como parte de seus rituais tradicionais de remédios. Eles afirmam que possui propriedades que reduzem a febre, além de um efeito calmante. No entanto, nenhum desses usos foi comprovado pela ciência.

Huayas juntos.
Esta fruta é tropical e possui uma boa quantidade de vitamina C e fitonutrientes.

Relação entre mamoncillo e câncer

Embora existam correntes que afirmam que o mamoncillo pode prevenir ou curar o câncer, não há evidências sólidas a esse respeito. A literatura científica não apoia esta afirmação.

É verdade que altas doses de vitamina C podem ser um tratamento adjuvante eficaz em pacientes com câncer, mas sempre em combinação com a farmacologia. Além disso, os mamoncillos contêm grandes quantidades do referido micronutriente, embora não sejam suficientes para serem usadas terapeuticamente.

Independentemente disso, existe uma associação direta entre o consumo de frutas em geral e a redução do risco de câncer. Isso se deve, entre outras coisas, ao seu conteúdo de fitonutrientes. Os flavonóides presentes nos vegetais conseguem reduzir a produção de radicais livres, o que gera menor oxidação e diminuição do risco de mutações malignas que acabam em processos tumorais.

Mamoncillo, uma fruta ainda desconhecida

Embora seja comum em alguns países da América do Sul, para muitos o mamoncillo é uma fruta desconhecida. Em qualquer caso, tem um valor nutricional que o torna um alimento benéfico para a saúde. É conveniente introduzi-lo no quadro de uma alimentação variada e equilibrada.

Por fim, não esqueça que as frutas em geral se destacam pelo conteúdo em açúcares simples. Para amortecer seus efeitos no pâncreas, tente não consumi-los isoladamente.

O ideal é comer esses alimentos após outros produtos com alto teor de gordura, proteína e fibra. Desta forma, o esvaziamento gástrico é retardado e o impacto do açúcar nos órgãos é reduzido.

This might interest you...
Fruta-dos-monges: o que é, benefícios e desvantagens
Melhor Com Saúde
Leia em Melhor Com Saúde
Fruta-dos-monges: o que é, benefícios e desvantagens

Descubra todos os detalhes sobre a fruta-dos-monges, a última a entrar na lista dos adoçantes úteis para substituir o açúcar refinado.



  • Carr AC., Maggini S., Vitamin C and immune function. Nutrients, 2017.
  • Aune D., Plants foods, antioxidant biomarkers, and the risk of cardiovascular disease, cancer and mortality: a review of the evidence. Adv Nutr, 2019.
  • DeLoughery TG., Iron deficiency anemia. Med Clin North Am, 2017. 101 (2). 319-332.
  • Coronado, Marta, et al. “Antioxidantes: perspectiva actual para la salud humana.” Revista chilena de nutrición 42.2 (2015): 206-212.
  • Brito, Alex, et al. “Folatos y vitamina B12 en la salud humana.” Revista médica de Chile 140.11 (2012): 1464-1475.
  • Cárdenas Baquero, German Darío, Guillermo Arrazola Paternina, and Marcela Villalba Cadavid. “Frutas tropicales: fuente de compuestos bioactivos naturales en la industria de alimentos.” Ingenium 17.33 (2016).
  • Logroño, Iván Naranjo, et al. “Uso de megadosis de vitamina C en la cicatrización y desinflamación de heridas quirúrgicas.” La Ciencia al Servicio de la Salud 8.2 (2018): 23-28.
  • Cabrera, Albert, and Núria Mach. “Flavonoides como agentes quimiopreventivos y terapéuticos contra el cáncer de pulmón.” Revista Española de Nutrición Humana y Dietética 16.4 (2012): 143-153.