As melhores bebidas para tomar a tarde

· 11 de janeiro de 2015
A diferença entre a batida ou vitamina e o suco é que no primeiro aproveitamos também a polpa da fruta. Assim, nos beneficiamos de todas as suas fibras e antioxidantes.

Os “shakes” (nome popularizado no Brasil) estão adquirindo cada vez mais fama, e consistem em preparados compostos por vários alimentos com altos valores nutricionais. Consumidos por pessoas no mundo todo, apresentam resultados muito positivos na saúde.

As indústrias atuais comercializam essas bebidas prontas (geralmente em forma de pó) para preparar. Geralmente, são compostas de frutas e extratos naturais de planta.

Essas bebidas também podem ser maravilhosas ao paladar, além de complementar a dieta e nutrir o corpo notavelmente.

Devido aos avanços científicos nos últimos anos, a humanidade pôde acompanhar com mais detalhes os processos que ocorrem no organismo e perceber os fatores que podem beneficiar e/ou prejudicar tais processos.

Atualmente, entre as pessoas que dão uma atenção especial à alimentação, é um costume preparar sucos a base de vegetais. Ao transformar o vegetal em líquido a absorção de nutrientes é muito mais direta, por isso que os benefícios são percebidos em menor tempo.

A ingestão dos shakes naturais pode ser planejada a fim de organizar e diversificar os vegetais que serão usados ao longo da semana.

O preparo destas bebidas tem sua parte lúdica, já que é permitido misturar vários elementos, criando, assim, uma receita em que a imaginação e o gosto pessoal podem variar.

Entretanto, é importante esclarecer que preparar um shake não é o mesmo que fazer um suco.

É comum coar o líquido ao preparar um suco. Com isso, perde-se boa parte do total de fibras presentes nas frutas e nos vegetais. Assim, seus benefícios sobre a digestão se reduzem devido à perda de elementos antioxidantes e estimulantes do sistema digestivo.

A preparação do shake, por sua vez, consiste em triturar ou bater frutas e verduras no liquidificador sem adicionar grandes quantidades de água.

Os nutrientes fornecidos nos shakes em sua forma líquida, são absorvidos em menos tempo pelo organismo e são liberados diretamente na corrente sanguínea.

Ao beber sucos e batidas, obteremos o benefício de consumir porções maiores de frutas e com efeitos mais diretos no organismo.

Além disso, devemos ser cuidadosos ao administrar nutrientes em seu estado líquido, pois os excessos também podem acarretar problemas físicos como o aparecimento de patologias ou intoxicações por excesso de minerais.

Shakes para beneficiar a saúde

Shake Saciante

melhores bebidas

  • 2 pepinos
  • 500 ml de iogurte natural
  • Suco de limão
  • Mostarda
  • Salsinha
  • Pimenta

Leia também: Benefícios do suco de pepino

Age como um potente saciador de apetite e é de fácil preparo.

Os pepinos devem ser lavados e cortados em pedaços (não retirar a casca). Depois, é só adicionar os ingredientes no liquidificador e deixar as cascas do pepino se dissolverem completamente.

Composição nutricional por copo ingerido

  • Água: 551 g.
  • Calorias: 242 Kcal.
  • Gorduras: 1 g.
  • Vitamina A: 17,5 g.
  • Vitamina B2: 0,5 mg.
  • Vitamina C: 36,9 mg.
  • Vitamina K: 72 mg.
  • Fibra: 3 g.
  • Ferro: 2,7 mg.
  • Potássio: 1.100 mg.
  • Manganês: 0,5 mg.
  • Proteínas: 12 g.
  • Fósforo: 368 mg.

Essa bebida contém baixos níveis de gorduras e calorias. Em contrapartida fornece fibras, proteínas, cálcio e vitaminas.

É recomendado consumir antes de realizar uma atividade esportiva por ser um grande fornecedor dos aminoácidos: arginina e lisina, que são as responsáveis por intervir no processo de regeneração corporal.

O iogurte natural é um remineralizante ósseo. Além disso, também atua como redutor de gordura, eficaz e estimulante no desenvolvimento da massa muscular.

Leia também: 6 erros que atrapalham o ganho de massa muscular

Super shake verde

melhores bebidas

  • 4 ramos de aipo
  • 250 ml de suco de limão
  • 7 folhas de hortelã
  • 1 pepino sem cascas e sem sementes
  • 3 folhas de alface
  • 300 g de espinafre
  • 1 raiz de gengibre
  • 300 ml de água

Bata tudo no liquidificador até obter uma mistura homogênea. Essa mistura excede os limites diários de nutrição correspondente aos vegetais.

Essa bebida estimula a saúde mental e física e possui propriedades regenerativas das células cerebrais. Seu aporte nutricional é ideal para complementar a dieta.

É uma bebida de baixa caloria e representa o ideal de 100% de ferro que uma pessoa deve consumir diariamente.

Composição nutricional por copo ingerido:

  • Vitamina K: 1.515 UCG.
  • Vitamina A: 1.460 UCG.
  • Vitamina C: 140 mg.
  • Magnésio: 291 mg.
  • Potássio: 2.489 mg.
  • Ferro: 9.2 mg.
  • Cálcio: 412 mg.
  • Gorduras totais: 1.8 g.
  • Fibras: 11,6 g.
  • Carboidratos: 25 g.
  • Proteínas: 11,4 g.
  • Calorias: 138 Kcal.
  • Rogovik, A. L., Vohra, S., & Goldman, R. D. (2010). Safety considerations and potential interactions of vitamins: Should vitamins be considered drugs? Annals of Pharmacotherapy. https://doi.org/10.1345/aph.1M238

  • Frei, B. (2012). Natural Antioxidants in Human Health and Disease. Natural Antioxidants in Human Health and Disease. https://doi.org/10.1016/C2009-0-03361-3