Características do abacaxi, uma fruta poderosa para a saúde

· 19 de outubro de 2013
Ao consumir abacaxi, obtemos grandes quantidades de vitaminas, minerais e fibras que podem contribuir em vários aspectos. Contudo, também não devemos nos exceder em seu consumo.

A polpa do abacaxi tem grande quantidade de água e fibras. Mas não é a única parte comestível, sua casca também pode beneficiar a saúde.

O abacaxi é encontrado em países tropicais e subtropicais (temperaturas médias e altas), mas sua origem é americana.

Sua árvore é o abacaxizeiro, da família bromélias. Além disso, na América Latina, também é conhecido como ananás.

Essa fruta, que possui as vitaminas B1, C e A, é mundialmente conhecida e apreciada.

Usos do abacaxi

O abacaxi pode ser utilizado para fazer sorvetes, geleias, sucos, bolos, compotas e etc. Seu suco possui 12% de açúcar natural (frutose). Além disso, é composto pelos ácidos cítrico e málico e a bromelina.

Sua casca auxilia no tratamento de gripes e resfriados. Assim, basta fervê-la juntamente com água, tomando como um chá quente.

Como saber se o abacaxi está maduro?

Para saber se o abacaxi está pronto para ser consumido, ou seja, maduro, é preciso retirar uma das folhas da coroa (parte de cima do abacaxi).

Se a folha se soltar facilmente, o fruto já pode ser consumido. Caso isso não ocorra, ele ainda está verde. Um abacaxi maduro pesa entre 2 e 3 quilos.

Usos medicinais

O abacaxi pode ser utilizado para tratar diversos problemas de saúde, e não somente gripes ou resfriados. É digestivo, anti-inflamatório e antibiótico.

Consumi-lo como fruta ou em sucos tem efeito depurador no sangue, ajudando a curar furúnculos.

Os índios o utilizam no combate a tosses e dores de garganta com inflamação. Isso porque age limpando as mucosas e dissolvendo os mucos que congestionam o aparelho respiratório e laríngeo.

Além disso, também auxilia no tratamento da artrite e do reumatismo.

Leia também: Como a alimentação influencia no controle da artrite?

do abacaxi

O abacaxi e as enzimas

As enzimas, presentes em grande quantidade no abacaxi, são substâncias orgânicas proteicas. A principal delas é a bromelina.

Essa enzima tem como função, principalmente, quebrar as ligações entre os aminoácidos (moléculas orgânicas formadas por átomos), destruindo a proteína.

É o caso da gelatina, que, ao entrar em contato com o abacaxi, mantêm-se amolecida, sem proteína.

Em alguns lugares, as pessoas costumam comer carnes regadas com suco do abacaxi. Isso porque, devido às enzimas presentes nele, serve para amolecer tais alimentos.

Ademais, essa enzima, a bromelina, também reduz inflamações.

Benefícios do abacaxi

  • Controla o nível do colesterol no sangue
  • Acelera a cicatrização dos tecidos
  • Diminui a pressão arterial
  • Auxilia no tratamento de pedras nos rins
  • Combate viroses
  • Combate anemias
  • Auxilia no problema da retenção de líquidos
  • Ajuda a perder peso
  • Previne o envelhecimento

Leia também: Sabia que os frutos secos ajudam a perder peso?

Cuidado com o consumo do abacaxi

Assim como tudo na vida, o abacaxi deve ser aproveitado com moderação e equilíbrio.

Isso porque se consumido diariamente e em quantidade excessiva, pode irritar a parede do estômago, causando mal-estar ou até gastrite.