8 segredos para comer de forma saudável e gastando pouco

· 30 de janeiro de 2018
Há ingredientes que costumam ser caros, mas ter uma dieta equilibrada nem sempre depende do preço dos alimentos. Existem várias opções para comer de forma saudável e, ao mesmo tempo, economizar em suas compras.

Comer de forma saudável pode ser um objetivo cheio de desafios, tais como planejar as refeições e não estourar o orçamento da compra do mês. Infelizmente, o aumento dos preços dos alimentos faz com que nem sempre possamos comer de forma saudável. É provável que seu salário não suba tão rápido quanto o preço da comida. No pior dos casos, você é estudante e isso torna as coisas ainda mais difíceis.

Se você encara algum destes problemas, encontrará aqui 8 chaves para comer de forma saudável mesmo com pouco dinheiro. Confira!

Dicas para comer de forma saudável sem gastar muito

1. Compre produtos que estejam na temporada

Os produtos frescos sempre são excelentes, mas o custo pode afetar um orçamento baixo. Adquira os que estão na temporada e considere se abastecer quando encontrar coisas com um bom preço.

A comida cultivada na temporada tem uma qualidade melhor e costuma ser bem mais barata. Hortaliças de raiz no inverno. Maçãs e abóbora no outono. Brócolis e frutas vermelhas no verão.

2. Vá à feira

Mulher comprando vegetais

Dependendo de onde você mora, as feiras podem ou não ajudá-lo a economizar dinheiro durante o horário regular. Considere visitar as feiras no fim do dia, quando é muito provável que encontre boas ofertas.

Vá à feira uma hora antes de acabar e poderá pegar algumas ofertas muito boas. Isso porque os vendedores vão querer acabar com os produtos antes do fim do dia.

3. Amplie seus horizontes culinários

Culinárias como a mexicana, a asiática e a indiana dependem muito de ingredientes baratos, como os feijões e macarrões. Nestas culinárias o arroz também é um alimento básico e barato. Se você gosta da comida mexicana, pode fazer burritos recheados com tudo o que quiser. Ou pode fazer uma versão sem tortilha. Muito nutritiva, muitas proteínas e fibras.

Considere dar uma olhada nos mercados étnicos locais. Não só é provável que encontre certos produtos mais baratos, mas também encontrará ingredientes realmente interessantes. Você pode comprar macarrões variados e baratos em um mercado asiático, por exemplo. Isso se aplica a quase todos os condimentos/molhos para comidas asiáticas. Os supermercados étnicos (chineses, gregos, libaneses, etc.) são uma grande fonte de ingredientes interessantes de boa relação qualidade-preço.

4. Adquira cortes de carne mais baratos

Carne vermelha

Você ainda pode desfrutar da carne quando tiver uma renda baixa. Procure cortes de carne mais baratos, como músculos de frango ao invés de peito. Aprenda a valorizar os cortes mais baratos. Os cortes de órgãos e os cortes de carne que vêm com ossos, assim como os mais duros, são todos muito baratos e muito nutritivos e saborosos!

Procure cortes como filés de pescoço de cordeiro, barriga e bochechas de porco, juntas de porco e vitela, frangos inteiros que rendam o suficiente para as sobras, fígado de frango, moela, etc.

Guarde os filés e o salmão para ocasiões especiais. Compre ovos, leite, atum, fígado de boi, queijo.

5. Compre grãos integrais e feijões

Os feijões e os grãos integrais são uma forma econômica e saborosa de aumentar as refeições e inclusive podem ser uma refeição em si. O feijão preto é ideal para fazer render sua porção de carne. Misture os feijões pretos cozidos com carne moída e faça hambúrgueres.

Compre um pacote de grãos de trigo, cozinhe e congele em porções individuais para colocar nas saladas ou sopas quando precisar. Os grãos integrais também irão mantê-lo “cheio” por mais tempo.

6. Compre a granel

Arroz branco a granel

Os alimentos como o macarrão, o arroz e a aveia são fáceis de armazenar. Se estão à venda, compre o quanto puder e armazene-os.

Muitas vezes você encontra até entrega gratuita e descontos ao comprar a granel. Você pode fazer um pedido de 4 meses para você, sua família e amigos e dividir os custos de entrega. Os açougues frequentemente abaixam o preço das carnes em 70% à medida que a data de vencimento se aproxima. Compre várias e guarde no congelador.

7. Reutilize as sobras

Se você não gosta de comer a mesma comida direto, considere colocar as sobras em um prato completamente novo e delicioso. Os ingredientes de uma refeição podem funcionar em um sanduíche (frango desfiado, almôndegas, bolo de carne, carne de porco, etc.). Quando os frangos inteiros estiverem em oferta, compre dois e cozinhe-os. À noite prepare frango assado e depois você pode fazer uma sopa, adicionar um pouco de frango ao arroz ou em um sanduíche. Você pode fazer dois frangos renderem e preparar um monte de opções.

8. Mantenha a geladeira e as gavetas organizadas

Mulher organizando a geladeira

As sobras podem ser deliciosas, mas não podemos perdê-las na parte interna da geladeira. Etiquete os restos e mantenha a geladeira organizada para minimizar o desperdício de alimentos.

Use uma etiqueta adesiva e um marcador à prova d’água para identificar os alimentos e a data no recipiente. Empacote os alimentos nas quantidades que você vai usar, como congelar pedaços de frango de dois em dois e hambúrgueres envoltos separados. Ao congelar alimentos, assegure-se de revisar periodicamente seu congelador para comer o que está armazenado.

Gostou destas dicas para comer de forma saudável gastando pouco? Não deixe de aplicá-las em seu dia a dia!

Imagem principal oferecida por © wikiHow.com