5 sintomas raros de câncer de mama

· 10 de julho de 2015
O câncer em pessoas jovens costumam ser mais agressivo. Por isso, é fundamental uma detecção precoce

Você sabia que o câncer de mama, às vezes, pode se manifestar por meio de alguns sintomas raros? Descubra quais são e previna-se!

O câncer de mama é um dos tipos de cânceres mais comuns no mundo todo. Afeta principalmente as mulheres, mas por vezes também pode afetar os homens.

O risco de sofrer dessa doença aumenta à medida que a pessoa envelhece. Mas detectá-la a tempo aumenta significativamente as chances de vencê-la por completo.

Os dados relacionados a essa doença revelaram que os casos mais comuns ocorrem a partir dos 40 anos de idade. Razão pela qual é recomendado fazer exames periodicamente.

Entretanto, também há notícias de casos em idades mais precoces. Estes, infelizmente, tendem a ser mais agressivos.

Independentemente da idade que a pessoa tiver, a detecção a tempo é essencial para um tratamento oportuno.

Por esta razão, especialistas em saúde recomendam aprender a identificar os possíveis sintomas comuns e não tão comuns que aparecem em cada estágio da doença.

Dessa forma, poderemos identificar precocemente e, assim, contribuir para o diagnóstico.

Os sintomas mais comuns do câncer de mama incluem protuberâncias nos seios, variação na estrutura da mama, mudanças na pele ou no mamilo, secreção de um líquido malcheiroso, entre outros.

Entretanto, a Sociedade Americana do Câncer garante que há alguns sintomas raros que devem ser analisados cautelosamente por um especialista.

Isso porque, embora pareçam sintomas comuns de outros problemas de saúde, também podem ser um indício de câncer de mama.

Conheça, a seguir, 5 dos sintomas raros de câncer de mama.

5 sintomas raros de câncer de mama

Coceira, vermelhidão e dor

Nos dias prévios e durante o período menstrual, é normal que os seios fiquem doloridos, sensíveis ou que gerem algum tipo de coceira.

Entretanto, se esses sintomas persistirem depois desse período, é um motivo de alerta, já que podem ser um sintoma de câncer de mama.

Em geral, esses sintomas ocorrem com o câncer inflamatório, um tipo que produz inchaço, coceira e dor no peito, assim como sintomas mais evidentes como pele escamosa, pequenas marcas azuis ou celulite no seio, entre outros.

Neste caso, é importante agir de forma imediata, já que é um tipo de câncer que avança rapidamente.

Dor nas costas

Sabemos que a dor de costas se produz por muitos fatores e nem sempre a relacionamos com o câncer de mama.

Especialistas contam que os pacientes diagnosticados com câncer de mama expressaram ter sentido dor na parte superior das costas (entre as omoplatas) antes de sentir qualquer outro sintoma dessa doença.

É muito importante saber que alguns tumores cancerígenos muitas vezes se desenvolvem na profundidade dos tecidos do seio e podem chegar serem sentidos na coluna vertebral ou nas costelas.

Também pode ser percebido quando há metástase, que é a propagação maligna dessa doença.

Leia também: É possível prevenir o câncer de mama? Conheça 6 recomendações

Dor e sensibilidade nas axilas

sintomas raros

Uma das primeiras áreas do corpo que podem indicar um câncer de mama são as axilas.

Vários estudos descobriram que os gânglios linfáticos axilares podem indicar câncer de mama do mesmo modo que os gânglios linfáticos no pescoço e a garganta indicam uma gripe.

Os gânglios linfáticos axilares inflamados, assim como a dor, podem ser um sintoma raro e precoce de câncer de mama, aparecendo inclusive desde muito antes de ser sentido no seio.

A primeira coisa que a pessoa deve fazer é comparar suas axilas e determinar se há alguma anormalidade ou algum incômodo ao tato.

Se existir algum tipo de diferença evidente, é importante consultar o médico. Assim como em todos os casos, estes sintomas nem sempre indicam que estamos com câncer de mama.

Secreção no mamilo e mudanças

Uma das áreas do seio onde o câncer de mama fica mais evidente é debaixo do mamilo.

Leia também: O que podem indicar as pequenas protuberâncias nos mamilos?

A presença de células cancerígenas no tecido do seio pode ocasionar mudanças no aspecto e na sensibilidade do mesmo.

O mamilo também pode adquirir uma textura incomum e sentir-se mais macio. Outro dos sintomas raros é a secreção de um líquido, sangue ou leite, que não acontece durante a lactação.

Isso ocorre quando o tumor se forma no conduto do leite no mamilo ou atrás dele. Em ambos os casos, é importante fazer uma consulta médica e os acompanhamentos necessários.

Forma oval

Muitas mulheres que foram diagnosticadas com câncer de mama notaram mudanças evidentes no formato dos seus seios como, por exemplo, o fato de que um deles conserva sua forma arredondada, enquanto que o outro começava a adquirir um formato oval.

Também há casos de mulheres que informaram irregularidade do tecido mamário em um lado da mama.

Essas desigualdades nos seios costumam ficar mais evidentes na hora de utilizar um sutiã.

Para estes casos, é recomendado fazer um autoexame de seio e consultar o especialista.