5 remédios caseiros para a dor abdominal

· 13 de outubro de 2018
A dor abdominal pode afetar qualquer membro da família. Há remédios caseiros que, se combinados com uma boa alimentação, proporcionam o alívio necessário em adultos e crianças.

A dor abdominal é um problema comum entre adultos, jovens e crianças. A má alimentação e o estresse são suas grandes causas.

No entanto, se a dor persistir depois de seguir as recomendações, é necessário consultar um gastroenterologista. A dor abdominal pode ser o sintoma de doenças como úlceras, gastrites, hérnias ou uma infecção por bactérias ou, inclusive, afecções mais sérias.

Como aliviar a dor abdominal?

Se a dor abdominal for causada pela ingestão excessiva de comida, a má digestão de um alimento ou o acúmulo de gases, é possível aliviá-la com os seguintes remédios caseiros, que são bem fáceis de preparar.

1. Chá de folhas de malva

As propriedades medicinais da malva estão na raiz, nas folhas e nas flores. Se puder, prepare uma infusão ou incorpore as flores de malva na sua salada, porque elas são comestíveis.

Malva para a dor abdominal

A malva é anti-inflamatória e regula o funcionamento do intestino, de modo que pode ser usada tanto para aliviar uma diarreia, como um laxante. Ela é contraindicada em caso de gravidez ou amamentação.

Ingredientes

Preparação:

Coloque água fervente em um copo d’água e, em seguida, acrescente as folhas. Deixe esfriar por 15 minutos. Você pode tomar um copo depois de cada refeição.

2. Infusão de canela, manjericão, anis e menta

Essa infusão combina as propriedades digestivas da menta, a capacidade antiflatulenta do anis, o poder antibacteriano e anti-inflamatório do manjericão e a ação digestiva e anti-inflamatória da canela.

Ingredientes

  • 2 ou 3 folhas frescas ou 1/2 colher de chá (2,5 gramas) de manjericão seco.
  • 1/2 colher de chá (2,5 gramas) de sementes de anis.
  • 1 pau de canela pequeno.
  • 1 colher de chá (5 gramas) de hortelã.
  • 2 xícaras (1/2 litro) de água.

Experimente também: Água de alpiste e canela, um remédio para limpar as artérias

Infusão de canela, manjericão, anis e menta para a dor abdominal

Preparação

Acrescente a canela, o manjericão, a menta e o anis em meio litro de água. Ferva por 10 minutos e desligue. Beba uma xícara da infusão quente três vezes ao dia, até que o desconforto desapareça.

3. Cúrcuma

cúrcuma é comprovadamente eficaz na redução da dor estomacal e dos sintomas associados à Síndrome do Intestino Irritável. Ela pode ser consumida em forma natural (ralada) ou em pó.

A melhor forma de aproveitar os benefícios da cúrcuma é ao incorporá-la no preparo dos alimentos, já que os princípios medicinais da cúrcuma (os curcuminoides) se dissolvem melhor na gordura.

As infusões em cúrcuma não são tão benéficas, a menos que sejam combinadas com outra planta medicinal que potencie suas propriedades digestivas, como o dente-de-leão. Os curcuminoides são pouco solúveis em água, portanto, suas infusões não apresentam tantos benefícios.

4. Chá de Artemísia

A Artemísia é uma planta medicinal utilizada para aliviar a dor abdominal quando a digestão está lenta ou pesada. Devido às suas propriedades anti-inflamatórias e calmantes, ela também serve para acalmar as dores menstruais. Ela é contraindicada durante a gravidez e a amamentação.

Artemísia combate a dor abdominal

A Artemísia também é conhecida pelo nome “erva-de-São-João”. Suas propriedades medicinais estão nas folhas, flores e talos. O recomendável é beber essa infusão por duas semanas seguidas. A Artemísia é usada pela medicina chinesa na moxabustão.

Ingredientes

  • 10 a 15 folhas ou 1 colher de sopa (10 gramas) de flores de Artemísia.
  • 1 xícara (250 ml) de água.

Preparação

Esquente a água e incorpore a Artemísia ao ferver. Tampe e desligue o fogo. Deixe em infusão por 15 minutos. Tome um copo de duas três vezes por dia.

5. Batida de sementes de melão

O melão é conhecido por suas propriedades diuréticas, reguladoras do trânsito intestinal e antiflatulentas. Também é um alimento incrível para mulheres grávidas ou que estão amamentando devido à alta quantidade de ferro e ácido fólico.

Incluir o melão na alimentação é uma forma de ajudar na digestão, mas também é possível aproveitar suas sementes. Comer as sementes ajuda a eliminar parasitas gastrointestinais que causam a dor abdominal. Elas também contêm antioxidantes que retardam o envelhecimento.

Ingredientes

  • 1 colher de sopa (10 g) de sementes de melão.
  • 1 xícara (250 ml) de água morna
  • 1 colher de sopa (10 mg) de mel.

Preparação

Bata as sementes de melão na água. Adoce com mel. Recomenda-se consumir essa batida 30 minutos antes das refeições.

Confira esses 4 grandes remédios naturais e caseiros à base de melão

Melão combate a dor abdominal

Quais alimentos devem ser evitados ao sentir dor abdominal?

Os remédios caseiros devem ser acompanhados de uma boa alimentação para que haja resultados. No caso de mulheres grávidas, é preciso verificar quais remédios naturais são recomendados e quais não são. Para bebês, não é recomendado o consumo de infusões.

Quando sentir dor abdominal evite alimentos ricos em gorduras que deixem a digestão mais lenta e que gerem gases, como os feijões, e os que irritam a mucosa gástrica, já que podem agravar a inflamação estomacal.

Nos dias que você tiver dor abdominal, é melhor comer alimentos preparados em casa, além de evitar o consumo dos seguintes alimentos:

  • Café, chá preto e bebidas com cafeína, como refrigerantes.
  • Fast food.
  • Bebidas alcoólicas.
  • Bolinhos de todos os tipos feitos com farinhas ou tubérculos, mesmo aqueles feitos em casa.
  • Embutidos, como salsicha, mortadela ou linguiças.
  • Leite integral e produtos lácteos.
  • Margarina.