As 5 melhores infusões para diminuir os níveis de ácido úrico

26 Dezembro, 2019
Graças às suas propriedades diuréticas e depurativas, estas infusões favorecem a expulsão de toxinas e resíduos, dentre os quais se encontram os excessos de ácido úrico.

O acúmulo de ácido úrico no organismo é uma condição conhecida como hiperuricemia, de acordo com este estudo realizado pelo Hospital Universitário de Burgos (Espanha). Ocorre quando, ao medir seus níveis, ele excede 7 mg/dl.

Esta substância se origina da decomposição das purinas de alguns alimentos. Estas são enviadas ao sangue e, posteriormente, são eliminadas graças à função excretora dos rins.

Porém, devido a interferências em sua eliminação, seja porque o corpo reduz sua capacidade para removê-lo, ou porque sua quantidade é excessiva, podem ocorrer reações inflamatórias.

Como consequência, aumentam as doenças nas articulações e, além disso, aumenta o risco de sofrer gota e cálculos nos rins.

Felizmente, há vários remédios de origem natural cujas propriedades ajudam a manter seus níveis estáveis pra evitar estas complicações.

De qualquer forma, em certas situações, os especialistas sempre recomendam que os médicos façam exames, como afirma este relatório preparado pela Clínica Mayo.

Compartilharemos agora, em nosso espaço, 5 infusões que você não pode deixar de experimentar para diminuir os níveis de ácido úrico. Confira!

1. Infusão de alcachofra

Chá de alcachofra

A alcachofra contém ácidos linoleico, oleico e cafeico que, ao serem assimilados no organismo, ajudam a decompor e eliminar as purinas do sangue, como afirma este estudo da Universidade Umm Al-Qura (Arábia Saudita).

Suas propriedades diuréticas favorecem a produção de urina, um fator chave no controle do ácido úrico alto.

Ingredientes

  • 1 alcachofra
  • 2 xícaras de água (500 ml)

Preparo

  • Lave a alcachofra e corte o seu talo com uma faca.
  • Retire as folhas do exterior e reserve as mais moles.
  • Coloque a água em uma panela e coloque-a para ferver.
  • Quando entrar em ebulição, adicione as folhas de alcachofra, diminua o fogo, e deixe-as ferver durante 5 minutos.
  • Depois desse tempo, retire a bebida do fogo, deixe-a repousar e coe.

Modo de consumo

  • Ingira uma xícara de infusão de alcachofra em jejum e repita seu consumo no meio da tarde.
  • Tome durante 2 semanas seguidas.

2. Infusão de cardo-mariano

A bebida de cardo-mariano é um dos remédios naturais para melhorar as funções dos órgãos excretores do nosso corpo.

Seus antioxidantes beneficiam o funcionamento do fígado e, por sua vez, promovem a limpeza do sangue para evitar a hiperuricemia, conforme sugerido por este estudo realizado pela Universidade de Concepción (Chile).

Ingredientes

  • 2 colheres de sopa de frutos de cardo-mariano (30 g)
  • 1 xícara de água (250 ml)

Preparo

  • Amasse os frutos de cardo-mariano com um socador.
  • Coloque a água para ferver e, antes de entrar em ebulição, adicione o cardo-mariano.
  • Diminua o fogo e deixe a bebida durante 5 minutos.
  • Retire-a, espere que repouse por 10 minutos e coe.

Modo de consumo

  • Consuma a bebida de cardo-mariano no meio da manhã e, se quiser, repita a dose no meio da tarde.
  • Tome, pelo menos, por 3 semanas seguidas.

3. Infusão de dente-de-leão

Infusão de dente de leão

As propriedades depurativas e diuréticas do dente-de-leão são um bom complemento para diminuir os níveis altos de ácido úrico.

Seus compostos melhoram o funcionamento dos rins e o fígado e, por sua vez, evitam a retenção de líquidos, conforme declarado neste estudo realizado pelo Instituto Tai Sophia (Estados Unidos).

Ingredientes

  • 1 colher de chá de folhas secas de dente-de-leão (5 g)
  • 1 xícara de água (250 ml)

Preparo

  • Coloque o dente-de-leão em uma xícara de água fervendo.
  • Cuba a bebida, deixe que repouse por 10 minutos e coe.

Modo de consumo

  • Ingira 2 xícaras de infusão de dente-de-leão por dia, durante 2 semanas.

4. Infusão de urtiga verde

A urtiga verde é uma planta purificadora do sangue que, ao ser ingerida em infusão, pode diminuir a inflamação causada pela retenção de ácido úrico, embora não haja evidências científicas suficientes.

A verdade é que, de acordo com este estudo realizado pela Universidade Isfahan (Irã), as suas propriedades anti-inflamatórias são altamente recomendadas para tratar vários problemas internos e externos.

Ingredientes

  • 1 colher de chá de urtiga verde (5 g)
  • 1 xícara de água (250 ml)

Preparo

  • Adicione a urtiga verde em uma xícara de água fervendo e cubra.
  • Deixe repousar durante 10 a 15 minutos e coe.

Modo de consumo

  • Tome uma xícara de infusão em jejum todos os dias, no mínimo durante 2 semanas.

5. Infusão de cavalinha

Cavalinha

As propriedades diuréticas da infusão de cavalinha ajudam a aumentar a produção de urina e, com isso, favorecem a expulsão do ácido úrico e demais resíduos. Isto é afirmado por esta pesquisa da Universidade Nacional de San Marcos (Peru).

Ingredientes

  • 1 colher de sopa de cavalinha (15 g)
  • 1 xícara de água (250 ml)

Preparo

  • Adicione a colher de sopa de cavalinha em uma xícara de água fervente.
  • Cubra a bebida e espere que repouse por 10 minutos.
  • Quando estiver apta para o consumo, coe com uma peneira.

Modo de consumo

  • Tome uma xícara de infusão em jejum e repita o consumo no meio da tarde.
  • Tome 2 xícaras diárias, durante 3 semanas.

Você tem algum sintoma que indique a necessidade de diminuir os níveis de ácido úrico? Prepare alguma das infusões mencionadas e comece a controlá-lo de forma natural.

Se você tem alguma complicação relacionada, consulte seu médico.