4 dicas para manejar o estresse e a ansiedade

21 de outubro de 2019
Se deseja deter por completo aqueles pensamentos que produzem estresse e ansiedade, é importante contar com algumas ferramentas que ajudam a consegui-lo de forma efetiva.

Certamente, manejar o estresse e a ansiedade se trata de se encarregar de seu estilo de vida, dos pensamentos, das emoções e da forma com a qual resolve os problemas. Ou seja, se vive com altos níveis de estresse, está colocando em risco seu bem-estar. O estresse e a ansiedade causam estragos no equilíbrio emocional, assim como na saúde física.

Por outro lado, o controle do estresse e da ansiedade nos ajuda a ser mais felizmais saudável e mais produtivo. Contudo, saiba que o manejo do estresse não é único para todos. Por isso, é importante experimentar e descobrir o que funciona melhor para você.

O que se pode fazer para manejar o estresse e a ansiedade?

Os seguintes conselhos para o manejo do estresse e da ansiedade podem ajudar a enfrentar todo tipo de situações:

1. Conecte com outras pessoas

Casal sem se comunicar

Em primeiro lugar, recomendamos que, caso deseje manejar o estresse e a ansiedade, se conecte com as pessoas ao seu redor. Não há nada mais reconfortante do que passar um tempo de qualidade com alguém que te faça sentir-se seguro e compreendido. Portanto, é bom se conectar regularmente, e pessoalmente, com familiares e amigos.

A saber, as pessoas com que fala não precisam corrigir seu estresse. Basta com que sejam bons ouvintes. Não deixe que aquelas preocupações que te causam fraqueza sejam um impedimento para se abrir. Sem dúvida, as pessoas que se preocupam com você se sentirão lisonjeadas por terem sua confiança; isso fortalecerá o vínculo de amizade

Evidentemente, nem sempre é realista nem possível ter um amigo próximo para se apoiar quando nos sentimos aborrecidos pelo estresse. No entanto, construir e manter uma rede de amigos pode fazer com que melhore a resistência ante os fatores estressantes da vida.

Leia este artigo: Conheça um teste eficaz para saber se está estressado

2. Desafie seus pensamentos

Se sua cabeça está cheia de pensamentos negativos, se sentirá estressado ou ansioso. Saiba que é normal ter pensamentos ou dúvidas, ainda que isso não significa que reflitam o que realmente está acontecendo. Mesmo que não seja fácil desafiar o turbilhão de negatividade que acompanha os momentos difíceis, é necessário aprender a reconhecer e a desafiar os padrões de pensamento negativo.

Apender a desafiar os pensamentos negativos pode levar tempo e prática, mas vale a pena o esforço. Assim que começar, provavelmente te surpreenderá quantos de seus pensamentos são inexatos, exagerados ou inclinados para uma visão inoportuna das coisas.

Por isso, é possível começar a descrever o que está pensando e, em seguida, adicionar fatos que respaldem ou refutem cada pensamento. É provável que te surpreenda quantos dos pensamentos são exagerados ou não são realidade.

«A melhor arma contra o estresse é a habilidade para escolher um pensamento sobre outro»

– William James –

3. Faça exercício

Fazer exercícios ajuda a manejar o estresse e a ansiedade

Sem dúvida, fazer exercício regularmente é uma das melhores maneiras de relaxar o corpo e a mente. Além disso, o exercício melhora o estado de ânimo. Agora, é bom que o faça com frequência, para que valha a pena.

  • Recomendamos praticar exercício pelo menos 3 a 5 vezes por semana, durante 30 minutos.
  • Concentre-se em estabelecer metas de aptidão física que possa cumprir, para que não se dê por vencido. Principalmente, lembre que fazer qualquer exercício é melhor do que nenhum.

Naqueles momentos nos quais não sabe como vencer o estresse e a ansiedade, calce um bom par de tênis e saia para correr ou faça outro tipo de atividade que te permita desconectar. Dessa maneira, poderá esquecer aqueles momentos que produzem mal-estar.

Não deixe de ler também: Aprenda a meditar enquanto caminha

4. Medite

A meditação permite a mente e o corpo relaxar e focar. De fato, a atenção plena pode ajudar as pessoas a enxergar novas perspectivas, desenvolver a autocompaixão e o perdão.

Certamente, ao praticar uma forma de atenção plena, as pessoas podem liberar emoções que podem estar causando o estresse físico do corpo. Assim como o exercício, foi demonstrado que até mesmo meditar brevemente pode proporcionar benefícios imediatos.

Por fim, lembre de seguir nossos conselhos anteriores para manejar o estresse e a ansiedade. Estamos convencidos de que conseguirá com um pouco de paciência e perseverança!

  • Inventory-, C. S. A. (2002). Stress and. Journal of Personality.
  • Katzman, M. A., Bleau, P., Blier, P., Chokka, P., Kjernisted, K., Van Ameringen, M., … Szpindel, I. (2014). Canadian clinical practice guidelines for the management of anxiety, posttraumatic stress and obsessive-compulsive disorders. BMC Psychiatry. https://doi.org/10.1186/1471-244X-14-S1-S1
  • Lovibond S.H. & Lovibond, P. F. (1995). Manual for the Depression Anxiety Stress Scales. Psychology Foundation of Australia. https://doi.org/DOI: 10.1016/0005-7967(94)00075-U
  • Folkman, S. (2008). The case for positive emotions in the stress process. Anxiety, Stress and Coping. https://doi.org/10.1080/10615800701740457