5 exercícios para se manter em forma em qualquer lugar

· 22 de abril de 2018
Mesmo que no início possa ser difícil realizar estes exercícios, com o tempo iremos ganhando resistência e poderemos aumentar as repetições para assim obter um maior benefício

A prática de exercício físico regular é um dos hábitos saudáveis que ajudam a manter o organismo e o peso em ótimas condições.

Deve ser complementado com outros hábitos saudáveis, principalmente com relação à alimentação. Dedicar vários minutos do dia ajuda a prevenir os perigos do sedentarismo. 

No início é difícil incorporar os exercícios à rotina, mas pouco a pouco vai aumentando o nível de energia, assim como o rendimento e a força.

Não é necessário procurar uma academia, já que existem atividades que podem ser feitas em qualquer lugar.

Por esta razão, é o momento de deixar as desculpas de lado e, em pouco tempo, começar a exercitar todo o corpo para estar em forma.

Está animado?

1. Burpees

Lagartixas para se manter em forma

Os burpees são um tipo de exercício que pode ser realizado da comodidade da sua casa ou em qualquer espaço livre.

Estes trabalham a maioria dos grupos musculares do corpo e, por outro lado, ativam o metabolismo para queimar gordura.

Como fazer?

  • Coloque-se de pé, com a coluna reta e as pernas juntas.
  • Abaixe-se até se colocar de cócoras e apoie os braços retos no chão.
  • Realize um ligeiro salto para trás, de modo que as pernas fiquem esticadas, como se fosse fazer flexões.
  • Faça uma flexão de peito, dobrando os braços e baixando a coluna totalmente reta.
  • Com um breve salto, volte para a posição de cócoras e, em seguida, salte o mais alto que puder, esticando as pernas e os braços.
  • Realize de 8 a 10 repetições.

2. Flexões elevadas

As flexões elevadas têm como principal finalidade fortalecer e tonificar a parte superior do corpo; além disso, dado que são de alta exigência física, também ajudam a ativar o metabolismo e reduzir gordura abdominal.

Como fazer?

  • Deite-se de barriga para baixo, apoiando as pontas dos pés em uma superfície elevada (um degrau ou banqueta).
  • Separe um pouco os braços do torso e apoie-se no chão com as mãos.
  • Fazendo força com os braços, suba o corpo enquanto mantém a coluna reta.
  • Faça força abdominal ao mesmo tempo, sustente por alguns segundos e abaixe devagar.
  • Tente completar entre 10 a 12 repetições.

3. Agachamentos

Mulher se mantendo em forma

Sem dúvidas os agachamentos são os exercícios que não podem faltar em toda rotina para se manter em forma.

Estes trabalham toda a zona inferior do corpo, especialmente os músculos das coxas e os glúteos.

Como fazer?

  • Fique em pé com a postura reta, os pés separados no comprimento dos ombros e olhando para frente.
  • Abaixe os glúteos lentamente, flexionando os joelhos e mantendo a coluna reta.
  • Assegure-se de não deixar os joelhos passarem as pontas dos pés e, pouco a pouco, volte para a posição inicial.
  • Se gostar, complemente-as com uma barra ou pesos para aumentar sua intensidade.
  • Realize entre 15 a 20 repetições, e faça de 3 a 4 séries.

4. Abdominais em “V”

Os exercícios abdominais são um grande complemento para tonificar o ventre e afinar a cintura.

Neste artigo propomos realizar abdominais em V, as quais fortalecem tanto o abdômen superior como o inferior.

Como fazer?

  • Deite-se de barriga para cima sobre um colchonete ou tapete, com as pernas juntas e esticadas.
  • Estique os braços acima da cabeça e, a seguir, levante o torso para fazer o abdominal.
  • As pernas e os braços ficam elevados, de modo que o corpo forma um V.
  • Sustente por alguns segundos e volte para a posição inicial.
  • Enquanto faz as abdominais, lembre-se de realizar uma respiração profunda.
  • Faça entre 10 e 15 repetições.

5. Pernadas com salto

Agachamento para se manter em forma

As pernadas, também conhecidas como “lunges”, ajudam a fortalecer as pernas, os glúteos e o abdômen.

Combinadas com saltos aumentam a exigência física e, ao aprimorar o gasto energético, ajudam a queimar gordura com mais facilidade. 

Como fazer?

  • Coloque seu corpo na posição normal da pernada, com um joelho flexionado para frente e a outra perna esticada para trás.
  • Tome impulso e salte, de modo que, quando aterrissar, as pernas fiquem trocadas.
  • Ou seja, depois de fazer o salto, a perna da frente vai para trás e a da trás para frente.
  • Faça entre 15 a 20 repetições.

Como você pode ver, é muito fácil começar a se exercitar sem necessidade de ser especialista no tema.

Basta dedicar uns vinte ou trinta minutos do dia para trazer para o corpo os benefícios destas atividades.