Uma pessoa que foi infiel sempre o será?

· 11 de outubro de 2018
Você quer saber se essa pessoa que foi infiel a você sempre o será? Aqui você tem as melhores dicas para descobrir os sinais mais relevantes sobre essas personalidades

Quando alguém perdoa uma infidelidade, geralmente, essa pessoa costuma se perguntar se uma pessoa foi infiel uma vez, sempre o será. Uma maneira muito comum de rotular as pessoas, quando se trata de hábitos amorosos, é afirmar que elas repetem seus atos

No entanto, nem sempre tem que ser tão determinante o comportamento humano. A verdade é que existem muitos fatores que devem ser analisados ​​para criticar alguém. Por isso é importante saber o que procurar, para identificar se aquela pessoa que foi infiel sempre será.

Causas mais comuns que levam à infidelidade

Para determinar a reincidência ou não de uma pessoa que foi infiel, devem se considerar todos os aspectos. E por mais doloroso que seja, as causas que levaram a essa situação também são importantes. Entre elas, encontram-se:

  • Pouco compromisso com o relacionamento. Isso pode se traduzir em falta de amor, ou pouco interesse em continuar verdadeiramente com essa história.
A falta de interesse pode ser a causa de infidelidade

  • Transtorno de apego. São personalidades que têm expectativas muito altas em relação ao que devem receber de seu parceiro, e nada é suficiente para elas.
  • Diminuição da atração sexual. Pode acontecer que uma pessoa não se sinta mais atraída por seu parceiro e comece a olhar outras pessoas.
  • Diferenças nas prioridades dos casais. A falta de concordância no tempo dedicado ao relacionamento, a frequência sexual, etc., são motivo de muitas infidelidades.
  • Perda do diálogo. Quando se perde o hábito de conversar, a conexão entre os dois começa a se deteriorar, a ponto de sentir que já não se conhecem mais.
  • Egocentrismo extremo. Pessoas com alto egocentrismo que precisam se sentir sempre admiradas e desejadas pelos outros, têm uma alta propensão a serem infiéis.

Conheça o motivo: Por que não conseguimos terminar um relacionamento mesmo quando ele não dá mais certo?

É possível definir de acordo com as causas se a pessoa que foi infiel sempre o será?

Na realidade, nada é definitivo, portanto, não é seguro dar uma resposta afirmativa. Embora possa ser possível aceitar que aqueles que já passaram para o lado dos infiéis, são mais propensos a seguir esse caminho.

A infidelidade tem uma conexão muito próxima com a mentira. Aqueles que caem pela primeira vez podem sentir-se culpados, mas à medida que repetem a experiência, perdem esse sentimento e chegam a aceitá-lo como algo normal de sua essência.

Conhecer as causas ajuda a entender por que esse engano ocorreu, mas não há certeza absoluta que voltará a acontecer. Serve para tentar avaliar juntos quais são as chances de sucesso em uma nova tentativa do casal.

Mulher que descobriu que seu parceiro foi infiel

Será que uma pessoa infiel pode mudar?

Para aqueles que estão na dúvida em dar uma nova oportunidade a um parceiro infiel, existem algumas dicas que podem ajudar a tomar a decisão certa.

1. Reconhecer sua responsabilidade

Para que uma pessoa não cometa os mesmos erros novamente, deve ser capaz de reconhecer que foi sua responsabilidade. Se, pelo contrário, tenta se justificar focalizando em alguma falha do seu parceiro, certamente será sempre infiel.

Não saia sem ler também: Qual é o verdadeiro segredo da atração? Uma nova pesquisa científica responde!

2. Ter a capacidade de se colocar no lugar do seu parceiro

Além de aceitar o dano que provocou ao relacionamento deve demonstrar verdadeiro arrependimento. Somente se for capaz de compreender, e até mesmo sentir a dor que causou, pode realmente valorizar a pessoa que tem ao seu lado. Dar um significado real à lealdade prometida é o caminho para evitar cair em novas tentações.

3. Paciência para as censuras

Colocar limites na fase de censuras é bom, mas você também precisa responder às perguntas que surgirem. Pois sua infidelidade provoca um turbilhão de dúvidas em seu parceiro, que só você pode tirar. E você deve fazê-lo com paciência, e acima de tudo, com a verdade.

4. Abrir o coração para um diálogo profundo

Ambos têm que abrir seus corações, acalmar-se, sentar-se, e analisar seriamente o que aconteceu. Entender juntos as causas permite que você reforce a relação de um lugar positivo. Ou seja, podem saber quais são suas falhas, para então agir de uma maneira diferente, reparadora e saudável.

Reflexão

Não há fórmulas mágicas para determinar que uma pessoa que foi infiel o seja sempre. Mas há indícios de personalidades que tendem a ser infiéis uma e outra vez, apesar de todos os esforços.

Amar a si mesmo, valorizar-se e encarar as situações com a verdade é sempre a chave para ser feliz.