O que são as úlceras e quantos tipos existem?

09 Outubro, 2020
As úlceras pépticas são as mais conhecidas. No entanto, existem vários tipos de úlceras, como as úlceras na pele, que também afetam um grande número de pessoas.

As úlceras são lesões que ocorrem na pele ou nas mucosas e causam perda de substância. Elas têm causas muito diversas e podem ser encontradas em diferentes partes do corpo. Também são chamadas de feridas.

Existem vários tipos de úlceras. No entanto, a mais conhecida é a úlcera péptica. É uma lesão muito comum que afeta a mucosa do estômago e do intestino. Sua prevalência na população geral é estimada entre 5 e 10%.

Devido à frequência das úlceras e à sua importância, explicaremos quais são seus tipos e o que fazer diante do seu surgimento.

Quais tipos de úlceras existem?

Úlcera péptica

Como mencionamos, este é o tipo mais conhecido. Pode afetar a mucosa do estômago (úlcera gástrica) ou do duodeno (úlcera duodenal). Pode até ocorrer no esôfago, embora seja menos comum.

As úlceras pépticas estão relacionadas a infecções causadas por uma bactéria chamada Helicobacter pyloriInúmeros estudos afirmam que metade dessas úlceras está relacionada a essa bactéria.

Outras causas possíveis são o uso prolongado de medicamentos, como anti-inflamatórios não esteroides e aspirina. Estresse, alimentos muito condimentados e café também estão associados a esses tipos de úlceras, pois podem piorar os sintomas.

Você pode se interessar: Tratamentos naturais para combater a Helicobacter Pylori

Úlceras na pele

São lesões que causam a perda de algumas camadas da pele. As camadas mais afetadas são a epiderme e a derme, embora a hipoderme, que é a camada mais profunda, também possa ser afetada. Ou seja, são feridas que podem atingir diferentes profundidades na pele.

As úlceras na pele podem ter causas diferentes. Geralmente ocorrem em idosos que estão em repouso contínuo. Ao permanecer na mesma posição por um longo tempo, as úlceras aparecem nas áreas onde há pressão sobre o corpo.

Essas úlceras também podem ser causadas por problemas de circulação. Elas tendem a aparecer nas pernas. Ocorrem especialmente em pessoas com problemas venosos ou com um estilo de vida muito sedentário. Além disso, podem até ser causadas ​​por trauma.

Existem outros mecanismos que também podem causar úlceras na pele. Por exemplo, elas também ocorrem devido a atritos na pele ou à alta umidade.

Úlceras na pele

Leia também: 8 regras a seguir se você quiser curar as varizes

Úlceras genitais

São aquelas que ocorrem na área da vulva, no pênis ou no escroto. A maioria surge devido a doenças sexualmente transmissíveis. A causa mais comum é a infecção local pelo vírus do herpes genital.

Elas também podem ser causadas ​​por uma infecção por sífilis. Nesses casos, uma única úlcera indolor costuma aparecer; é muito importante tratá-la. Também pode surgir um cancroide, outra infecção bacteriana que provoca úlceras.

Todas elas podem ser acompanhadas por outros sintomas, como alterações no corrimento vaginal ou na uretra. Além disso, elas podem causar febre, mal-estar geral ou outras lesões. É importante diagnosticá-las para evitar o contágio.

Úlcera da córnea

A córnea é a camada externa do olho e atua como uma espécie de escudo protetor, protegendo os olhos contra poeira, germes e outros fatores de risco. Essas úlceras podem ser causadas por infecção ou trauma. Elas também podem ser causadas ​​por ceratite, que é a inflamação da própria córnea.

Muitas dessas úlceras aparecem pelo uso de lentes de contato. Portanto, é importante usá-las adequadamente e manter as medidas de higiene. Também estão frequentemente associadas ao vírus do herpes simplex. Além disso, podem causar perda de visão, por isso é importante estabelecer um tratamento adequado.

Úlcera retal

Existe um distúrbio chamado “síndrome da úlcera retal solitária”. Apesar do nome, mais de uma úlcera geralmente aparece no reto. Ocorre em pessoas que têm constipação crônica. Há presença de sangue nas fezes e dor ao defecar.

Nestes casos, é recomendável manter um estilo de vida saudável. Uma dieta rica em fibras e líquidos geralmente ajuda. No entanto, em alguns casos, é necessário fazer uma cirurgia para concluir o tratamento.

Úlceras na boca

Aftas na boca

São lesões, geralmente múltiplas, que afetam qualquer parte da boca. Elas podem aparecer por infecções fúngicas, como candidíase ou câncer de boca. Além disso, também estão relacionadas ao vírus do herpes.

Conclusão

Como vimos, há vários tipos de úlceras, uma vez que se trata de uma patologia que pode ocorrer em muitas partes do corpo e ser provocada por várias causas. O mais importante é ir ao médico para que ele possa fazer o diagnóstico correto e escolher o tratamento mais adequado.

  • Úlceras genitales. (n.d.). Retrieved July 23, 2019, from https://www.fisterra.com/Salud/1infoConse/ulcerasGenitales.asp
  • COFB. (n.d.). Úlceras cutáneas | FarmaceuticOnline – Web público del COFB. Retrieved from https://www.farmaceuticonline.com/es/familia/552-ulceras-cutaneas?start=2
  • Qué son las úlceras bucales: tratamientos para las úlceras bucales. (n.d.). Retrieved July 23, 2019, from https://www.colgate.es/oral-health/articles/what-are-canker-and-mouth-sores
  • Ber Nieto, Y. (2012). Úlcera péptica. Medicine – Programa de Formación Médica Continuada Acreditado, 11(3), 137–141. https://doi.org/10.1016/S0304-5412(12)70275-5
  • Úlcera Corneal: Qué es y Tratamiento – Oftalvist. (n.d.). Retrieved July 23, 2019, from https://www.oftalvist.es/es/especialidades/ulceras-corneales