Quais os sintomas da falta de magnésio?

· 16 de fevereiro de 2014
Ainda que a falta de magnésio não seja revelada através de exames convencionais, no caso de carência deste nutriente, podemos experimentar contraturas musculares frequentes, dores de cabeça ou hipertensão.

O magnésio é um mineral indispensável para a nutrição humana, que serve para várias funções muito importantes em nosso organismo. A falta de magnésio geralmente não é diagnosticada, já que não aparece nos exames normais de sangue, entretanto, é um dos nutrientes mais indispensáveis para a nossa saúde.

Hoje explicaremos quais são os sintomas da falta de magnésio, assim como suas funções, alimentos onde o encontramos e suplementos que podemos tomar.

Sintomas da falta de magnésio

  • Degeneração da cartilagem e surgimento de doenças como a osteoartrite e dores articulares;
  • Problemas musculares como contraturas, formigamento, dormência, tremores, etc.;
  • Taquicardia, ritmos cardíacos anormais e espasmos coronários;
  • Hipertensão arterial;
  • Dores de cabeça e tensão mandibular;
  • Tontura;
  • Espasmos nas pálpebras, no esôfago, no estômago ou intestino;
  • Formigamento ao redor da boca;
  • Fotofobia, dificuldade para se adaptar à luz, visão de luzes com os olhos fechados;
  • Cansaço pela manhã ao acordar, fadiga, fraqueza;
  • Perda do apetite;
  • Náuseas e vômitos;
  • Aperto no peito e dificuldade para respirar profundamente;
  • Prisão de ventre;
  • Cólicas menstruais;
  • Dificuldade para engolir ou engasgamento;
  • Desejos de consumir sal e doce;
  • Alterações do sistema nervoso: insônia, ansiedade, hiperatividade, inquietude, ataques de pânico, fobias;
  • Osteoporose;
  • Cáries.

Se tivermos pelo menos dois desses sintomas, podemos tomar algum complemento de magnésio que logo notaremos melhora.

Descubra: 6 alimentos para aumentar o magnésio na dieta

Efeitos positivos do magnésio

  • Relaxa e flexibiliza a musculatura: o magnésio é imprescindível para os atletas;
  • Fortalece os músculos cardíacos;
  • Equilibra o sistema nervoso: é fundamental em casos de estresse, depressão, ansiedade;
  • Ajuda a dormir melhor;
  • Ajuda a criar colágeno, fundamental para o esqueleto, tendões e cartilagens;
  • Abranda a inflamação prostática;
  • Alivia as dores;
  • Ajuda a absorver e fixar o cálcio em casos de osteoporose, cáries, etc. Convém tomar magnésio principalmente se você já estiver tomando suplementos de cálcio, para que estes sejam equilibrados. O excesso e o abuso de cálcio pode ser prejudicial para a saúde;
  • Alcaliniza o organismo: um corpo desequilibrado está sempre ácido devido aos maus hábitos, má alimentação, contaminação, estresse, etc. O magnésio reequilibra o pH;
  • Aumenta a excreção de insulina, facilitando o metabolismo do açúcar;
  • Ajuda a controlar casos de asma e bronquite;
  • Reduz os ataques epilépticos. 

Leia também: 5 razões pelas quais o Magnésio melhora as capacidades do cérebro

atleta-ponte1112

Fontes naturais de magnésio

  • Cacau: o chocolate preto puro tem quase 500 mg de magnésio a cada 100 g;
  • Vegetais de folha verde escura: acelga, alface, espinafre, salsa;
  • Frutas: banana, damasco, abacate, pêssego, ameixa, maçã;
  • Oleaginosas: amêndoas, castanha de caju, avelãs, nozes;
  • Leguminosas: ervilhas, lentilhas;
  • Sementes;
  • Cereal: arroz integral e aveia;
  • Batata;
  • Abóbora;
  • Peixe;
  • Brotos de alfafa;
  • Dente-de-leão;
  • Gérmen de trigo;
  • Levedura de cerveja.

Podemos preparar batidas com folhas verdes, maçã, banana e brotos de alfafa, adoçando com um pouco de mel. Se tomarmos estas bebidas diariamente, em pouco tempo notaremos um grande bem-estar geral.

suco verde para a falta de magnésio

Suplementos para a falta de magnésio

Devido à má qualidade do solo, atualmente os alimentos não contêm tantos minerais como antes. Se tivermos sintomas que evidenciam a falta de magnésio em nosso organismo, recomendamos tomar também algum suplemento natural.

  • Cloreto de magnésio: evite caso você sofra de azia. Caso não goste muito do sabor amargo, pode tomar em cápsulas;
  • Citrato de magnésio: caso você tenha desconfortos gastrointestinais frequentemente ou não tolera bem outros suplementos de magnésio, este é o mais adequado. Ele tem uma grande biodisponibilidade, ou seja, o corpo o absorve facilmente;
  • Carbonato de magnésio: tem um alto poder alcalinizante.

Tome 300 mg de magnésio por dia, por via oral. Ele pode ser dividido e tomado em 3 doses para que o corpo possa absorvê-lo corretamente.

  • Se quisermos alcançar efeitos imediatos de relaxamento e revitalizar o nosso corpo, podemos preparar banhos de sulfato de magnésio, conhecido também como sal de Epson. Estes banhos podem causar um grande alivio nos casos de artroses, osteoporoses, reumatismo e dores nas articulações em geral. Coloque 100 g na água quente do banho e faça um banho de aproximadamente 30 minutos. Repita durante 9 dias seguidos e depois passe para um banho por semana.

Antes de tomar qualquer suplemento, recomendamos consultar um médico (de preferência um naturopata) caso você sofra de alguma doença ou esteja tomando medicação.