Sementes de abóbora e suas múltiplas propriedades

· 10 de agosto de 2013
Você já parou para pensar em quantos nutrientes está jogando fora quando descarta as sementes da abóbora que cozinha no dia-a-dia? Fique atento a este artigo e descubra mais sobre isso.

Você alguma vez imaginou que as sementes de abóbora, das quais costumamos nos desfazer, podem guardar tantos benefícios para nosso organismo?

As sementes torradas têm um sabor suave e doce – similar ao das nozes – com uma textura mastigável, algumas aparecem recobertas por uma capa de cor amarela e branca.

Mas, sobretudo são uma das sementes mais nutritivas que existem.

As abóboras são originárias da América do Norte e já eram muito valorizadas na antiguidade pelos nativos americanos, pois possuem propriedades nutritivas e medicinais.

Seus múltiplos benefícios derivam de um alto teor em nutrientes essenciais para o organismo: zinco, fósforo, cobre, potássio, ferro e magnésio.

Consumo das sementes de abóbora

Normalmente, as sementes são retiradas e fervidas em água e sal, posteriormente vão ao forno para torrar.

Uma vez torradas, podem ser consumidas diretamente ou em outro tipo de prato, como complemento, entretanto, seja qual for o modo que você escolher, continuarão sendo saborosas.

Uma opção é torrá-las com sal e utilizar no preparo de saladas ou em sopas. Além disso, também é possível caramelizar e utilizar no preparo de barras de cereais caseiras.

Outras alternativas excelentes são triturar as sementes e, assim, adicioná-las a uma mistura de frutas de frutas frescas e frutos secos, ou em biscoitos caseiros.

Para fazer isso, basta adicionar a semente em pó à farinha de trigo normalmente utilizada para a preparação.

E mais, também é possível encontrar o óleo da semente de abóbora em lojas especializadas.

Leia também: Que sementes incorporar na sua dieta

Quais são os benefícios para a saúde?

As sementes de abóbora contêm generosas quantidades de vitaminas A, K, assim com ácido fólico e vitamina B3. Também contêm ácido linoleico, ácidos graxos ômega 6 e ômega 3.

Dessa forma, dentre as vantagens oferecidas ao organismo, encontramos:

  • Recomendável para pessoas com osteoporose, pois seu teor de zinco ajuda a retrasar a deterioração da densidade mineral óssea;
  • Beneficiam pessoas com artrite, reduzindo as inflamações;
  • Favorecem a próstata e, assim, ajudam a quem tem dificuldade em urinar devido a próstata dilatada;
  • Podem diminuir os riscos de apresentar cálculos renais;
  • Colaboram nos tratamentos da nefrite e outras condições associadas ao sistema urinário. Isso porque possui um teor em cucurbitina, um aminoácido essencial que, segundo alguns estudos, também melhora o funcionamento da bexiga;
  • Ajudam a reduzir os nível de colesterol ruim, graças a seu teor de “fitoesteróis”;
  • Podem ajudar na prevenção contra certos tipos de câncer;
  • Funcionam como um potente antidepressivo, já que contém L – triptofano, que nada mais é que um antidepressivo natural;
  • Favorecem a produção dos hormônios do “sono” (serotonina) ajudando com problemas de sono e ansiedade;
  • Podem ser utilizadas para combater parasitas intestinais;
  • São úteis no tratamento da síndrome do intestino irritável.

Sobre o óleo verde dessas sementes podemos dizer, entre outras coisas, que:

  • É emoliente, calmante e laxante;
  • É considerado excelente para os pulmões e membranas mucosas.

Leia também: Dieta eficaz para combater o colesterol ruim

Não deixemos de desfrutar desse presente da natureza!

O que você conclui sobre a incrível quantidade de benefícios que essas sementes nos dão? Em resumo, as sementes de abóbora são de grande ajuda para nos manter jovens, tanto por dentro quanto por fora.

O mais surpreendente é pensar em quantos benefícios para a saúde perdemos ao nos desfazer delas ao cozinhar a abóbora no dia-a-dia.

Sabemos que o processo de separar, cozinhar, torrar e por fim triturar pode parecer complicado para a maioria das pessoas.

Mas, devemos considerar que, atualmente, é possível comprar seu pó em lojas de alimentos naturais, dietéticos e lojas de produtos fitoterápicos.

Portanto, seja qual for o modo de obter este produto, vale a pena incorporar o uso da semente aos nossos costumes diários, já que consumir algo com semelhantes propriedades é, sem dúvidas, algo que melhorará nossa saúde e qualidade de vida.