Estes remédios naturais ajudarão você a prevenir pedras na vesícula

20 Janeiro, 2019
Com alguns ingredientes comuns em qualquer cozinha você pode fazer remédios muito eficazes para prevenir ou ajudar a expulsar os cálculos biliares. Experimente-os!
 

Os cálculos biliares são pequenos cristais endurecidos localizados dentro da vesícula que podem ser tão pequenos quanto um grão de areia ou tão grandes quanto uma bola de golfe. Hoje falaremos sobre remédios naturais para prevenir as pedras na vesícula.

Elas ocorrem devido a vários fatores, principalmente as alterações nos níveis de colesterol (uma das substâncias que contêm a bílis), predisposição genética e maus hábitos.

Normalmente o colesterol é dissolvido e os sais biliares são responsáveis ​​pela prevenção de sua precipitação; No entanto, quando há um desequilíbrio de seus níveis, este se solidifica e forma pedras na vesícula.

Em outros casos, elas se formam pela destruição de células vermelhas do sangue, o que desequilibra a bilirrubina e o cálcio.

Deixando de lado sua origem, trata-se de uma condição muito grave que deve ser tratada o mais rapidamente possível. Os sintomas incluem dor abdominal, febre, náusea constante e vômitos.

A assistência médica é essencial para determinar o tamanho das pedras e o tratamento mais adequado.

Somado a isso, você pode levar em conta uma série de remédios naturais cuja composição nutricional impede o seu aparecimento ou favorece sua expulsão. Descubra-os!

Suco e vinagre de maçã para prevenir as pedras na vesícula
Suco-e-vinagre-de-maçã-500x334

 

Tanto o suco de maçã natural quanto o vinagre contêm quantidades significativas de ácido málico e limonoide, duas substâncias que ajudam a suavizar até os cálculos biliares mais difíceis.

Seu alto teor de fibras e antioxidantes reduzem os níveis de colesterol no sangue, um fator chave na prevenção de sua formação.

Ingredientes

  • 5 maçãs
  • 1 colher de sopa de vinagre de maçã (10 ml)

Como preparar?

  • Lave bem as maçãs, bata-as em um liquidificador e extraia o seu suco.
  • Adicione a colher de vinagre de maçã e consuma em jejum.
  • Beba durante alguns meses para eliminar os cálculos existentes ou inclua este remédio de forma regular em sua dieta como forma preventiva.

Leia também: Remédio com purê de abóbora para tratar a inflamação da vesícula

Suco de pera para prevenir as pedras na vesícula

Esta deliciosa fruta contém uma grande quantidade de pectina, uma fibra solúvel na água a qual são atribuídos efeitos protetores contra a formação de cálculos biliares.

Esta fibra participa na remoção do excesso de colesterol no sangue, ajudando a evitar este transtorno e várias doenças cardiovasculares.

Ingredientes

  • 4 peras
  • ½ copo de água (100 ml)
  • 1 colher de sopa de mel (25 g)

Como preparar?

  • Lave e pique a pera para facilitar o processamento.
  • Adicione a metade de um copo de água quente e processe por algum momento.
  • Adoce com uma colher de mel e consuma imediatamente.
  • Beba até três vezes ao dia, 4 vezes por semana, no mínimo.

Açafrão para prevenir as pedras na vesícula
açafrao

 

O açafrão é uma especiaria com propriedades antioxidantes e antiinflamatórias que têm sido valorizadas desde os tempos antigos no tratamento de muitas doenças.

Quando regularmente incluído na dieta, remove excesso de sais, ácidos e colesterol, o que contribui para a prevenção das pedras.

É também conhecido como um bom desintoxicante, o que é importante para remover os resíduos do fígado e outros órgãos depuradores do corpo.

Para fins medicinais é aconselhável consumir até a 150 mg em cada refeição. Este pode ser tomado como suplemento ou adicionado aos pratos.

Chá de hortelã para prevenir as pedras na vesícula

As folhas de hortelã contêm uma substância ativa chamada terpeno, que está relacionada à redução do tamanho dos cálculos biliares.

Seus óleos naturais aumentam o fluxo dos sucos biliares, melhorando a digestão e criando um equilíbrio nas substâncias que o compõem.

Ingredientes

  • 1 punhado de folhas frescas de hortelã
  • 2 xícaras de água (500 ml)

Como devo preparar?

  • Despeje as folhas em uma panela com duas xícaras de água e deixe ferver por 5 ou 10 minutos.
  • Coe as folhas de hortelã e beba o chá três vezes por dia.

Visite este artigo: Descubra por que devemos tomar chá de menta depois de comer

Suco de limão com azeite de oliva para prevenir as pedras na vesícula

Suco-de-limão-e-azeite-de-oliva-500x334

 

O limão é uma fruta cítrica com uma contribuição significativa de vitamina C que ajuda a dissolver depósitos que formam os cálculos biliares.

Suas qualidades antioxidantes evitam infecções nesse órgão e favorecem a limpeza do fígado melhorando o seu funcionamento.

O limonoide, um dos compostos que são produzidos naturalmente, tem dado excelentes resultados na dissolução de pequenas pedras.

Ingredientes

  • 2 colheres de sopa de suco de limão fresco (20 ml)
  • 1 colher de sopa de azeite (15 g)

Como devo preparar?

  • Misture o suco do limão com a colher de sopa de azeite de oliva e tome em jejum por 40 dias.
  • Após esse tempo, descanse por algumas semanas e retome o tratamento.

Qualquer uma destas medidas pode ser considerada um método preventivo contra este problema. No entanto, é primordial levar em conta que seus efeitos dependem muito da dieta e demais hábitos de vida.

 
  • Díaz Fernández, C., and Ponce Dorrego, M.D. (2015). Colelitiasis. Pediatria Integral 19, 214–223.
  • Aliza, A. (2015). Dieta y nutrición. Vida y Salud 49, 1.
  • Tazuma, S. (2006). Epidemiology, pathogenesis, and classification of biliary stones (common bile duct and intrahepatic). Best Practice and Research: Clinical Gastroenterology. https://doi.org/10.1016/j.bpg.2006.05.009
  • Qiao, T., Ma, R. hong, Luo, X. bing, Yang, L. qing, Luo, Z. liang, & Zheng, P. ming. (2013). The Systematic Classification of Gallbladder Stones. PLoS ONE. https://doi.org/10.1371/journal.pone.0074887
  • VV.AA. (2014). Efecto de la ingesta de vitamina C en el proceso de formación de cálculos biliares de colesterol. https://scielo.conicyt.cl/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-98872014000100004
  • Murillo-Godínez, Guillermo.(2011). Dieta y colelitiasis. ¿Se justifican las dietas sin colectocinéticos?. https://www.redalyc.org/pdf/4577/457745503007.pdf
  • VV.AA. (2000).Efectos farmacológicos y nutricionales de los extractos de Curcuma longa L. y de los curcuminoides.https://digibug.ugr.es/bitstream/handle/10481/35289/Ars%20Pharm%2041%281%29_307-321.pdf?sequence=1&isAllowed=y
  • VV.AA. (2005).Fitoterapia molecular como parte de la medicina alternativa complementaria en las enfermedades del hígado. https://www.medigraphic.com/pdfs/invsal/isg-2005/isgs051k.pdf
  • Ramírez, Juan Pedro. (1998).Tratamiento naturista de la litiasis biliar: lavado hepático con aceite de oliva; estudio de doce casos. https://dialnet.unirioja.es/servlet/articulo?codigo=4984902