Receita infalível: leite com alho para aliviar irritação no nervo ciático

· 14 de setembro de 2016
Se formos intolerantes à lactose também podemos preparar o leite de alho com opções vegetais. Devemos laminar os alhos antes de adicioná-los para que liberem seus extratos.

A irritação do nervo ciático faz com que a pessoa sinta uma dor na parte baixa das costas, o que costuma se estender para as pernas e, às vezes, até os pés.

É uma das principais causas de faltas no trabalho na população masculina de meia idade, ainda que também afete com regularidade às mulheres.

Dependendo da intensidade com a qual se apresenta, pode durar vários dias e impedir que a pessoa desempenhe suas tarefas cotidianas.

A doença se desenvolve quando o nervo é comprimido e se inflama devido a um traumatismo, hérnia de disco ou estenose raquidiana, entre outros.

Na maior parte das vezes vem acompanhada de uma sensação incômoda de formigamento, dormência e fraqueza muscular.

Felizmente existem alguns remédios com propriedades analgésicas e anti-inflamatórias que aceleram sua recuperação enquanto mitigam os sintomas.

Este é o caso de uma receita antiga conhecida como leite de alho, a qual continua vigente como tratamento alternativo para aliviar esta condição.

A seguir revelaremos seus principais benefícios e uma receita simples para prepará-lo em casa.

Não deixe de experimentar!

Recomendamos também a leitura: Descubra como curar a azia em apenas 15 dias

Benefícios do leite de alho para aliviar a ciática

Dor-de-ciática

O leite de alho é uma bebida natural que se destaca na medicina tradicional por suas qualidades preventivas e curativas.

Em muitas culturas foi usado como remédio contra os parasitas intestinais e as infecções virais e bacterianas.

Porém, nos últimos anos foi determinado que ele também tem propriedades interessantes para o alívio da dor do nervo ciático devido à sua ação anti-inflamatória e antioxidante.

Isso é atribuído ao seu teor significativo de compostos sulfurosos e nutrientes essenciais, como por exemplo:

  • Vitaminas (A, B1 e C)
  • Minerais (ferro, silício, enxofre, iodo)
  • Polissacarídeos
  • Flavonoides
  • Enzimas

Vale destacar ainda que o leite com alho atua como um antibiótico natural ideal para combater os micro-organismos que alteram a microbiota natural.

Este benefício desempenha um papel principal no alívio da dor, já que os desequilíbrios das bactérias que protegem o corpo estão vinculados ao aumento da resposta inflamatória do organismo.

Como preparar esta receita infalível para aliviar a irritação no nervo ciático?

Leite-de-alho-para-aliviar-ciática

O leite com alho é preparado a partir da cocção de dentes de alho em leite. A bebida resultante pode ser adoçada com um pouco de mel, ainda que isso não amenize muito o sabor de alho.

A cocção não deve ser feita com os dentes de alho inteiros, porque isso impede que seus extratos fiquem bem misturados ao leite.

Portanto, é preciso triturar o alho ou cortá-lo em lâminas antes de adicioná-lo ao leite.

A maioria das pessoas prepara a bebida usando como base o leite de vaca, porém, os veganos ou pessoas intolerantes à lactose podem fazê-lo com leite de arroz,  amêndoas ou soja.

Visite o artigo: Aprenda a fazer leite de amêndoas e de coco em casa

Ingredientes

  • 5 dentes de alho
  • 1 xícara de leite (250 ml)
  • 2 colheres de sopa de mel (opcional) (50 g)

Preparo

  • Primeiramente descasque os alhos e triture-os com um socador ou outro elemento similar. Se preferir, corte cada porção de alho em finas lâminas.
  • Em seguida, adicione o alho ao leite de sua escolha e coloque-os para cozinhar em fogo baixo durante 15 minutos.
  • Se preferir não cozinhar a mistura, deixe-a repousar por no mínimo duas horas para que libere os compostos do alho.

Modo de consumo

  • Com o intuito de conseguir um efeito forte contra a irritação no nervo ciático é preciso consumir um copo ou xícara de leite com alho por dia (entre 200 e 250 ml). Se você considerar que é muito de uma vez, pode dividir em duas ou três porções por dia.
  • Consuma esta bebida até aliviar a dor por completo.

Para um alívio rápido e efetivo é primordial melhorar alguns costumes diários e evitar os esforços físicos exagerados no trabalho.

Embora o repouso ajude a aliviar os sintomas, também é importante praticar atividade física de baixo impacto para impedir que a doença se desenvolva novamente.

Além disso, os hábitos posturais devem ser revisados para verificar se você está adotando os mais apropriados para cada momento.

Se você não fizer mudanças pertinentes no estilo de vida, este remédio não fará muito para aliviar a dor sozinho.

Se, apesar de tomar as precauções necessárias, a dor continuar, consulte um médico.

  • DE CARVALHO, Vânia Dea et al. Efeito do tipo de cura na qualidade de algumas cultivares de alho. Pesquisa Agropecuária Brasileira, v. 22, n. 7, p. 733-740, 1987.
  • PAIVA, Leandro José Mondi; NEVES, M. F. Controle orgânico de parasitas. Revista Científica Eletrônica de Medicina Veterinária, v. 12, p. 1-8, 2009.
  • BETTIOL, Wagner. Leite de vaca cru para o controle de oídio. Embrapa Meio Ambiente, 2004.