Razões para parar de fumar e algumas estratégias para conseguir

Parar de fumar é um grande desafio, mas as razões para conseguir são superiores ao bem-estar falso que esse vício pode fornecer. Tomar a decisão é o primeiro grande passo.
Razões para parar de fumar e algumas estratégias para conseguir

Última atualização: 29 Janeiro, 2018

As razões para parar de fumar são múltiplas, mas a mais importante é ter uma melhor qualidade de vida. No entanto, existem milhões de pessoas que continuam com esse hábito apesar dos dados, do impacto que tem sobre a saúde pública, das perdas humanas e de seu efeito em terceiros (fumantes passivos).

Na verdade, nos últimos anos, houve um aumento notável no tabagismo entre mulheres e entre menores de 18 anos. Parece que as campanhas não atingem seu propósito, o cigarro continua sendo um vício com um componente social profundamente enraizado em nossa população.

Apesar das razões para parar de fumar serem inúmeras, continua a ser difícil, como sociedade, erradicar este problema. Se você está pensando em deixar este hábito tão prejudicial, queremos convidá-lo a dar o passo. Nós o encorajamos a apostar na vida com as seguintes informações:

Algumas razões para parar de fumar

Homem analisando pulmões saudáveis

A maioria das pessoas que fumam não estão cientes de como o tabaco pode afetar seu corpo e o que acontece quando esse vício vai ganhando lentamente. Dados alarmantes, como por exemplo, o fato de que um cigarro contém cerca de 4.000 elementos químicos e 400 deles têm um efeito cancerígeno, devem ser motivo suficiente para acabar com esse vício.

No entanto, do ponto de vista dos benefícios para o nosso organismo, existem muitas razões para parar de fumar. Algumas delas são:

  • Após 20 minutos sem fumar, a pressão arterial é regulada.
  • Depois de 12 horas, o nível de monóxido de carbono no sangue se normaliza. No dia seguinte, o corpo o elimina completamente. Os pulmões começam a expulsar os resíduos de tabaco.
  • Após duas semanas, a função pulmonar melhora acentuadamente, e a falta de ar desaparece.
  • Durante os primeiros 8 meses após o fim do hábito, as infecções, a falta de ar e a tosse diminuem consideravelmente.
  • Depois de um ano, há um menor risco de problemas coronários.
  • Aos 5 anos, o risco de sofrer de diferentes tipos de câncer, como garganta, bexiga e esôfago, diminui.
  • Após 10 anos, existe um menor risco de câncer de pulmão (50% menos provável).

Existe um método eficaz para parar de fumar hoje?

É importante entender que não há um “método” para parar de fumar. Existem muitas estratégias que podem ajudar no processo de abandonar esse vício perigoso. A verdade é que abandonar o tabaco é um desafio que deve ser enfrentado a partir de várias abordagens. Trabalhar essas abordagens em conjunto é o que permitirá obter os resultados esperados.

Abordagens para trabalhar o vício

Além de estar ciente das razões para parar de fumar, é essencial realizar determinadas ações que se enquadram em duas abordagens: a psicológica e a alimentar. Algumas dessas ações são:

1. Abordagem psicológica

Razões para parar de fumar

  • Controle os fatores sociais e emocionais que favorecem a vontade de fumar (estar com amigos, fumar depois do café ou nas pausas de trabalho).
  • Acredite que é um “não-fumante” e diga a amigos e conhecidos que você parou de fumar. Estas são estratégias cognitivas que permitem que a mente se fortaleça.
  • Aprender exercícios de respiração ou começar a praticar o mindfulness ajuda a controlar a síndrome de abstinência.
  • Oferecer novos estímulos ao cérebro, se exercitar, iniciar outras atividades e hobbies.

Abordagem alimentar

  • Evite doces, pois podem aumentar a vontade de fumar.
  • Regule a ingestão de proteínas. Não é aconselhável exagerar no consumo, porque a capacidade metabólica do organismo é menor enquanto o tabagismo é interrompido.
  • Aumente o consumo de vitamina C incorporando na dieta laranjas, limões, mangas, kiwis, frutas vermelhas, toranjas.
  • Tome o café da manhã pouco depois de se levantar, não deixando espaço para a vontade de fumar. É essencial evitar o café, pois é um estimulante que aumenta o desejo de nicotina.
  • Opte por infusões que regulam a ansiedade, por exemplo, a infusão de canela ou alcaçuz, valeriana ou passiflora.
  • Inclua na dieta sopas e caldos depurativos, como à base de alcachofra.

Produtos para parar de fumar

Produtos para parar de fumar

Além das estratégias psicológicas e dietéticas mencionadas acima, você também pode recorrer a uma variedade de produtos para parar de fumar que reduzem a síndrome de abstinência:

  • Chiclete de nicotina: pode ser um alívio ao deixar o cigarro. A goma de mascar pode, de alguma forma, substituí-lo, levando em conta que a nicotina é absorvida na mucosa da boca. É uma opção muito útil.
  • Comprimidos de nicotina: coloque um desses comprimidos na boca para aliviar o desejo de fumar e a abstinência.
  • Spray oral: alivia o desejo de fumar em pouco mais de um minuto. Basta borrifá-lo na boca.
  • Adesivos de nicotina: basta colocá-los na pele para que uma quantidade controlada de nicotina atinja a corrente sanguínea corretamente.

Se você é uma daquelas pessoas que fizeram mais de uma viagem de volta ao cigarro, se parou dez vezes e retornou onze, nós o convidamos a não desistir. Convença-se de que você merece uma vida mais saudável, livre de doenças associadas a este hábito.

Encontre a estratégia que melhor se adapte a você e trabalhe pelo seu objetivo. E lembre-se de que a decisão de parar de fumar é o primeiro e mais importante passo para uma vida muito mais saudável.

Pode interessar a você...
Cronologicamente, isto é o que acontece quando você para de fumar
Melhor Com Saúde
Leia em Melhor Com Saúde
Cronologicamente, isto é o que acontece quando você para de fumar

Os prejuízos do tabaco em nossa saúde são tão grandes que os benefícios continuam crescendo mesmo dez anos depois de haver deixado de fumar